Controle e disseminação

Auctoritas e faits divers no início da imprensa

  • Rafael Viegas Universidade Federal Fluminense

Resumo

O artigo mostra como o estudo dos faits divers e seu contexto editorial no final do Renascimento ajudam a entender de que modo a auctoritas pré-moderna, sempre pautada no respeito aos clássicos greco-romanos, cria, a partir de um embate com as epistemes populares, um sistema de legitimação diferente da estrutura hierárquica medieval dos saberes.

Publicado
2019-12-31
Como Citar
VIEGAS, Rafael. Controle e disseminação. Aprender - Caderno de Filosofia e Psicologia da Educação, [S.l.], n. 22, p. 72-83, dez. 2019. ISSN 2359-246X. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/aprender/article/view/6072>. Acesso em: 04 jul. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/aprender.v0i22.6072.