Efeitos do programa de microcrédito rural Agroamigo sobre a sustentabilidade dos agricultores familiares no município de Jardim, Ceará

  • Sergio Erlane Santos Silva
  • Eliane Pinheiro de Sousa

Resumo

O microcrédito rural Agroamigo exerce papel fundamental para o financiamento da atividade agropecuária local e inclusão social dos pequenos produtores rurais. Diante dessa relevância, esta pesquisa busca analisar os efeitos desse programa sobre a sustentabilidade dos agricultores familiares no município de Jardim, Ceará. A natureza dos dados foi obtida por meio de informações primárias, mediante aplicação de questionários com 66 beneficiários e 66 não beneficiários. Para definir o Índice de Sustentabilidade (IS), foram considerados quatro índices: Índice de Desenvolvimento Econômico Social (IDES), Índice de Capital Social (ICS), Índice de Desenvolvimento Ambiental (IDA) e Índice Político-Institucional (IPI). Os resultados mostraram que o IDES foi o que teve mais representatividade, com maior destaque para os indicadores Habitação e Econômico, e menos expressivo para o indicador Educação. Em contrapartida, o IDA é o que tem causado maiores preocupações nos dois grupos analisados. Ressalta-se que os beneficiários possuem uma superioridade em relação aos não beneficiários, no que tange aos resultados obtidos pelo ICS e IPI.

Biografias do Autor

Sergio Erlane Santos Silva

Economista pela Universidade Regional do Cariri (URCA). 

Eliane Pinheiro de Sousa

Pós-Doutora em Economia Aplicada pela Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz da Universidade de São Paulo (ESALQ/USP). Doutora em Economia Aplicada pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) e Professora Associada do Departamento de Economia da Universidade Regional do Cariri (URCA).

Publicado
2019-12-04
Como Citar
SILVA, Sergio Erlane Santos; SOUSA, Eliane Pinheiro de. Efeitos do programa de microcrédito rural Agroamigo sobre a sustentabilidade dos agricultores familiares no município de Jardim, Ceará. Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas, [S.l.], p. p. 57-74, dez. 2019. ISSN 2358-1212. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/5764>. Acesso em: 08 abr. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/ccsa.v16i28.5764.
Seção
Artigos