Microempreendedorismo e desenvolvimento local em Portalegre/RN: panorama atual

  • Amanda Aquino de França
  • Stênio Maia Estevam
  • Boanerges de Freitas Barreto Filho

Resumo

O objetivo do trabalho se desdobra em descrever o contexto em que as microempresas estão operando e os papéis que desempenham para o Desenvolvimento Local (DL) de Portalegre/RN, a partir da percepção dos microempreendedores. Realizou-se pesquisa bibliográfica e, compreendendo a importância da percepção dos sujeitos sociais sobre o microempreendedorismo e seus efeitos para o Desenvolvimento Local, foram realizadas entrevistas com os microempreendedores e o responsável pela Sala do Empreendedor. Apurou-se que, em 2019, existiam 293 microempresas com Alvarás de Licenciamento expedidos pelo município de Portalegre/RN, sendo 162 microempresas formalizadas; em face de tal cenário, definiu-se uma amostra de 15% como bem representativa, chegando-se à quantidade de 25 microempreendedores. Os resultados apontaram que a formalização dos negócios cresceu a partir da legislação do Microempreendedor Individual (MEI), alcançando 55,3% dos microempreendimentos cadastrados na Junta Comercial do município; quase 65% indicaram grau de escolaridade de Ensino Médio completo ou maior, sugerindo boas possibilidades para absorverem conhecimentos aplicáveis aos negócios e 100% dos pesquisados acreditam que seus negócios têm papel relevante para o DL, especialmente pela geração de ocupações e renda. Por outro lado, apurou-se que os microempreendedores não consideram que desfrutem de um ambiente institucional propício ao DL, ressaltando a insuficiência de apoios dos Governos Federal e Estadual e a modesta atuação do Governo Municipal (Setor Público pouco ativo para fomentar os microempreendimentos); não foram identificadas associações e/ou laços de confiança sólidos entre os entrevistados, que pudessem sinalizar a formação de capital social; os negócios geram rendas suficientes apenas para o sustento familiar, apontando baixa capacidade de reinvestimentos para ampliação e/ou incorporação de inovações; enfim, verificou-se que os microempreendedores de Portalegre/RN conseguem garantir condições de vida digna em termos individuais e familiares, mas não desfrutam das condições necessárias para deslanchar o DL. 

Biografias do Autor

Amanda Aquino de França

Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). Bacharela em Ciências Econômicas. 

Stênio Maia Estevam

Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). Mestre em Planejamento e Dinâmicas Territoriais. 

Boanerges de Freitas Barreto Filho

Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). Mestre em Planejamento e Dinâmicas Territoriais. Professor do Departamento de Economia/UERN. 

Publicado
2020-05-11
Como Citar
FRANÇA, Amanda Aquino de; ESTEVAM, Stênio Maia; FILHO, Boanerges de Freitas Barreto. Microempreendedorismo e desenvolvimento local em Portalegre/RN: panorama atual. Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas, [S.l.], p. p. 88-105, maio 2020. ISSN 2358-1212. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/6670>. Acesso em: 06 jun. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/ccsa.v17i29.6670.
Seção
Artigos