Habilidades de decodificação grafêmica e fonêmica: um estudo populacional do desempenho de escolares (Habilidades de decodificación grafêmica y fonêmica: un estudio de población del desempeño de los estudientes)

  • Vitor Geraldi Haase Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG/Brasil) http://orcid.org/0000-0002-1906-7702
  • Fernanda de Oliveira Ferreira Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM/Brasil) http://orcid.org/0000-0002-5857-2824
  • Nathália Luiz de Freitas Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP/Brasil)
  • Patrícia Ferreira Ramos Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP/Brasil)
  • Natália Figueiredo Silva Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP/Brasil)

Resumo

As habilidades básicas de leitura e escrita - decodificação grafêmica e fonêmica - são essenciais à construção de habilidades linguísticas complexas. Desempenhos em leitura e escrita de alunos entre o 2o e o 7o ano do ensino fundamental de municípios de Minas Gerais foram obtidos por meio do Teste de Desempenho Escolar. Foram avaliados 1438 estudantes em escrita e 227 em leitura, sendo que 53,1% e 41,4%, respectivamente, apresentaram desempenho inferior ao esperado. As análises de correlação de Pearson revelaram correlações positivas e significativas entre as habilidades, indicando que o aumento de acertos no subteste de leitura relaciona-se ao melhor desempenho em escrita.
PALAVRAS-CHAVE: Decodificação grafêmica. Decodificação fonêmica. Desempenho escolar.


RESUMEN
Las destrezas básicas de lectura y escritura - decodificación de grafemas y fonemas - son esenciales para la construcción de las competencias linguísticas complejas. El rendimiento en lectura y escritura de los estudiantes entre el 2 y el 7o año de la escuela primaria de Minas Gerais fueron obtenidos através de la prueba de rendimiento escolar. Se evaluaron 1438 estudiantes en la escritura y 227 en lectura, con el 53,1% y 41,4%, respectivamente, mostraron un bajo rendimiento que se esperaba. El análisis de correlación de Pearson reveló una importante correlacion positiva entre las habilidades, lo que indica que el aumento de los artículos de la parte de la prueba de lectura es el mejor rendimiento de la escritura.
PALABRAS-CLAVE: Decodificación de grafemas. Decodificación fonológica. El rendimiento escolar.

Biografias do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Vitor Geraldi Haase é graduado em Medicina pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1981), mestre em Linguística Aplicada pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (1990) e doutor em Psicologia Médica pela Ludwig-Maximilians-Universität zu München (1999). É professor adjunto do Departamento de Psicologia da Universidade Federal de Minas Gerais. Tem experiência na área de neuropsicologia, tendo interesse por correlação estrutura-função em neuropsicologia, modelos de processamento de informação em neuropsicologia (cognição matemática,processamento lexical, processamento visoespacial, funções executivas), reabilitação neuropsicológica, desenvolvimento humano e qualidade de vida, epidemiologia clínica e psicologia evolucionista. Mantém dois blogs: http://npsi-dev.blogspot.com (informações acadêmicas) e http://npsi-reha.blogspot.com (informações para pacientes e familiares).

##submission.authorWithAffiliation##

Fernanda de Oliveira Ferreira é graduada em Psicologia pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Mestra em Psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e Doutora na área de Saúde da Criança e do Adolescente pela mesma universidade. É professora adjunta do Departamento de Ciências Básicas da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM), Campus Diamantina, e do quadro permanente do Programa de Mestrado Acadêmico em Odontologia da UFVJM. Coordena pesquisas na área de pessoas com deficiências neurológicas e associação entre o perfil neuropsicológico e saúde bucal.

##submission.authorWithAffiliation##

Nathália Luiz de Freitas é Bacharel em Linguística e licenciada em Língua Portuguesa pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Letras: Estudos da Linguagem da UFOP. Docente do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sul de Minas Gerais – Campus Poços de Caldas. Possui experiência em psicolinguística, neurolinguística, transtornos de aprendizagem em leitura, escrita aritmética e neuropsicologia cognitiva. Tem interesse em linguística, neurolinguística e neurociências, de
modo geral.

##submission.authorWithAffiliation##

Patrícia Ferreira Ramos é graduanda em Letras – licenciatura em Língua Portuguesa, pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP).

##submission.authorWithAffiliation##

Natália Figueiredo Silva é graduada em Letras – licenciatura em Língua Portuguesa, pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP).

Referências

ALEGRIA, J.; LEYBAERT, J.; MOUSTY, P. Aquisição da leitura e distúrbios associados: Avaliação, tratamento e teoria. In: GRÉGOIRE, J; PIÉRART, B. (Ed.). Avaliação dos problemas de leitura: Os novos modelos teóricos e suas implicações diagnósticas. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.
BRASIL. Ministério da Educação e Cultura. SAEB: Resultados das médias por UF. Disponível em: .Acesso em: 30/03/2010.
CAPOVILLA, A. G. S., CAPOVILLA, F. C. Prova de consciência fonológica: desenvolvimento de dez habilidades da pré-escola à segunda série. Temas Desenvolv. n. 37, p. 14-35, 1998.
COLOMER, T.; CAMPS, A. Ensinar a ler, ensinar a compreender. Porto Alegre: Artmed, 2002.
FRITH, U. Beneath the surface of developmental dyslexia. In: PATTERSON, K; MARSHALL, J.; COLTHEART, M. (Eds.). Surface dyslexia: Neuropsychological and cognitive studies of phonological reading. London: Erlbaum, 1985.
KATO, M. O Aprendizado da Leitura. São Paulo: Martins Fontes, 1985.
MORTON, J. An information-processing account of reading acquisition. In: GALABURDA, A. M. (Ed.). From reading to neurons. Cambridge: MIT Press, 1989.
PERRENOUD, P. A pedagogia na escola das diferenças. Fragmentos de uma sociologia do fracasso. Porto Alegre: Artmed, 2001.
ROTTA, N. T. OHLWEILER, L. E RIESGO, R. S. Transtornos da Aprendizagem: Abordagem Neurobiológica e Multidisciplinar. Porto Alegre: Artmed, 2006.
STEIN, L. M. TDE. Teste de desempenho escolar. Manual para aplicação e interpretação. São Paulo: Casa do Psicólogo, 1994.
STERNBERG, R. Psicologia Cognitiva. Porto Alegre: Artmed, 2000.
Publicado
2011-12-30
Como Citar
HAASE, Vitor Geraldi et al. Habilidades de decodificação grafêmica e fonêmica: um estudo populacional do desempenho de escolares (Habilidades de decodificación grafêmica y fonêmica: un estudio de población del desempeño de los estudientes). Estudos da Língua(gem), [S.l.], v. 9, n. 2, p. 91-105, dez. 2011. ISSN 1982-0534. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/1159>. Acesso em: 17 set. 2019. doi: https://doi.org/10.22481/el.v9i2.1159.

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##

##plugins.generic.recommendByAuthor.noMetric##