Filosofia menor: a língua inatual dos conceitos (Minor Philosophy: a non-actual language of concepts)

  • Auterives Maciel Júnior Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RIO/Brasil) - Universidade Veiga de Almeida (UVA –RJ/Brasil)
  • Mario Bruno Universidade Estadual do Rio de janeiro (UERJ/Brasil) - Universidade Federal Fluminense (UFF/Brasil)

Resumo

OO artigo trata da língua inatual dos conceitos, com o propósito de elucidar, a princípio, a singularidade da invenção filosófica. Busca, portanto, através dessa investigação, conceituar um tipo de filosofia que se instaura na ruptura com a doxa, isto é, a opinião. Assim, denuncia filosofias construídas com propósitos majoritários, mostrando a aliança existente entre tais pretensões filosóficas e os poderes que orquestram as opiniões predominantes na história. A meta é criar as condições de conceituação daquilo que, ao término do texto , vai receber o nome de Filosofia menor.
PALAVRAS-CHAVE: Língua inatual. Filosofia menor. Doxa. Devir e ética.

Biografias do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Auterives Maciel Júnior é doutor em teoria psicanalítica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro(UFRJ); é mestre em filosofia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Atualmente leciona no Departamento de Psicologia da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RIO) e no programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Psicanálise, Saúde e Sociedade da Universidade Veiga de Almeida (UVA –RJ). É autor dos livros : Os Pré-Socráticos, A Invenção da Razão. São Paulo: Odysseus; Polifonias: clínica, política e criação. Rio de Janeiro: Contra-capa.

##submission.authorWithAffiliation##

Mário Bruno é professor do Instituto de Letras da Universidade Estadual do Rio de Janeiro – UERJ; professor da Universidade Federal FluminenseUFF; graduado e licenciado em filosofia e Letras pela UERJ; mestre em Teoria Literária pela UFRJ; doutor em teoria psicanalítica pela UFRJ. É autor dos livros : Lacan e Deleuze: o trágico em duas faces do Além do Princípio do Prazer. (Forense Universitária – 2004); Escrita, Literatura e Filosofia (Forense Universitária – 2008); Ponto Impróprio (romance) ( multifoco – 2014).

Referências

DELEUZE,G. Lógica do Sentido. Tradução Luiz Roberto Salinas Fortes. São Paulo: Perspectiva, 1982.
_____. Diferença e Repetição. Tradução Luiz Orlandi e Roberto Machado. São Paulo: Graal, 1988.
_____. Conversações. Tradução Peter Pál Pelbart. Rio de Janeiro: Ed: 34, 1990.
DELEUZE,G; GUATTARI, F. Kafka: por uma literatura menor. Tradução Julio Castañon Guimarães . Rio de Janeiro: Imago, 1977.
_____. Mille Plateaux: Capitalisme et schizophrénie. Paris, Minuit, 1980.
_____. O que é a Filosofia?. Tradução Bento Prado Júnior, Rio de Janeiro: Ed. 34. 1992.
FOUCAULT, M. História da Sexualidade II: O Uso dos Prazeres. Tradução Maria Thereza da Costa Albuquerque. Rio de Janeiro: Graal, 1984.
Publicado
2017-06-30
Como Citar
MACIEL JÚNIOR, Auterives; BRUNO, Mario. Filosofia menor: a língua inatual dos conceitos (Minor Philosophy: a non-actual language of concepts). Estudos da Língua(gem), [S.l.], v. 15, n. 1, p. 9-27, jun. 2017. ISSN 1982-0534. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/2390>. Acesso em: 23 set. 2019. doi: https://doi.org/10.22481/estudosdalinguagem.v15i1.2390.