Dilma e “radicais do PT”: uma análise discursiva (Dilma and“radicals of the PT”: a discursive analysis)

  • Leandro Chagas Barbosa Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB/Brasil)
  • Maria da Conceição Fonseca-Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB/Brasil)
  • Adilson Ventura UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA (UESB/BRASIL)

Resumo

Neste artigo, discutimos a relação que se estabelece discursivamente entre a então pré-candidata às eleições presidenciais de 2010, Dilma Rousseff, e os chamados “radicais” do PT. A partir das análises de excertos de reportagens veiculadas na revista Veja, buscamos mostrar como se dá a relação de conflito no jogo discursivo que os legitima em posições discursivas distintas. Além disso, concomitantemente discutimos também a relação discursiva que se estabelece entre Dilma e Lula enquanto sujeitos políticos, na qual identificamos uma relação de proximidade entre eles no decorrer do referido período.

Publicado
2017-12-31
Como Citar
BARBOSA, Leandro Chagas; FONSECA-SILVA, Maria da Conceição; VENTURA, Adilson. Dilma e “radicais do PT”: uma análise discursiva (Dilma and“radicals of the PT”: a discursive analysis). Estudos da Língua(gem), [S.l.], v. 15, n. 2, dez. 2017. ISSN 1982-0534. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/3546>. Acesso em: 23 out. 2018. doi: https://doi.org/10.22481/el.v15i2.3546.