FORMAÇÃO DOCENTE DE LÍNGUA PORTUGUESA: UM TEXTO EM ANÁLISE DISCURSIVA

  • Tainá Almeida Universidade Federal da Bahia (Ufba)
  • Lúcia Gracia Ferreira Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB)
  • Lucimar Gracia Ferreira Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb)

Resumo

Este artigo foi realizado a partir da perspectiva da Análise do Discurso Bakhtiniana (BAKHTIN, 2002) e da Análise do Discurso Crítica (FAIRCLOUGH, 1996, 2001) em diálogo com autores da área de educação. Trata-se de uma análise discursiva do artigo de opinião de Marcos Bagno intitulado “A catástrofe dos cursos de Letras”, onde discutimos o contexto de produção discursiva; o discurso, suas escolhas lexicais e efeitos de sentido; e a formação do professor de Língua Portuguesa. Buscamos analisar o discurso do autor do texto em questão a partir das duras críticas realizadas por ele à formação de professores no curso de Letras, bem como refletir acerca da atual situação da formação docente e ensino de Língua Portuguesa no Brasil. O texto analisado alcança o seu objetivo de chamar a atenção do leitor-alvo e suscita reflexões a partir dos ditos e não-ditos nele presentes quando analisados a partir do estatuto do explícito e implícito (DUCROT, 1984).

DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.

Biografias do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Doutoranda em Língua e Cultura pela Universidade Federal da Bahia (Ufba). Mestre em Letras: Cultura, Educação e Linguagens pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).

 

##submission.authorWithAffiliation##

Doutora em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Professora Adjunta da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB)/Centro de Formação de Professores. Professora Permanente do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Realizou estágio de pós-doutorado em Educação pela Universidade Federal da Bahia (Ufba). Realizou estágio de pós-doutorado em Letras pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb). Líder dos Grupos de Pesquisa/CNPq: Docência, Currículo e Formação (DOCFORM) e Grupo de Pesquisa e Estudos Pedagógicos (GPEP).

##submission.authorWithAffiliation##

Mestre em Educação pela Universidade pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb).  Integrante do Grupo de Pesquisa e Estudos Pedagógicos (GPEP).

Referências

1. BAGNO, Marcos. A catástrofe dos cursos de Letras. Publicado originalmente na Revista Caros Amigos, 2008. Disponível em:. Acesso em: 20 de out. 2018.
2. BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e Filosofia da Linguagem. 9ª ed. São Paulo: Hucitec Annablume, 2002.
3. BRANDÃO, Helena H. Analisando o discurso. In: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, 2005. Disponível em: < http://www.fflch.usp. br/dlcv/lport/pdf/brand001.pdf > Acesso em: 05 de Abr. de 2015.
4. BRASIL. Presidência da República. Casa Civil. Subchefia para Assuntos Jurídicos. Decreto nº 6.755, de 29 de janeiro de 2009. Institui a Política Nacional de Formação de Profissionais do Magistério da Educação Básica, disciplina a atuação da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - CAPES no fomento a programas de formação inicial e continuada, e dá outras providências. Disponível em: . Acesso em: 31 de out. 2019.
5. CAGLIARI, Luiz Carlos. Alfabetização e linguística. 11. ed., São Paulo: Scipione, 2009.
6. DUCROT, Oswald. Referente. ENCICLOPÉDIA Einaudi: Linguagem e Enunciação. Lisboa: Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 1984, v.2, p. 418-438.
7. FAIRCLOUGH, Norman. Language and Power. New York: Longman Inc., 1996.
8. FAIRCLOUGH, Norman. Discurso e mudança social. Brasília: Ed. UNB, 2001.
9. FARIAS, Isabel Maria Sabino de et. al. Didática e docência: aprendendo a profissão. Brasília: Liber Livros, 2009.
10. FERRÉS, Joan. Televisão subliminar. Porto Alegre: Artmed, 1998.
11. FOUCAULT, Michel. A arqueologia do saber. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2008.
12. FREIRE, Paulo Reglus Neves. Pedagogia do Oprimido. 17. ed., Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987. Versão digital.
13. FREITAS, Helena Costa Lopes de. Formação de professores no Brasil: 10 anos de embate entre projetos de formação. Educação e Sociedade, Campinas, v. 23, n. 80, p. 136-167, setembro/2002.
14. GATTI, Bernardete A. Formação de professores no Brasil: características e problemas. Educação e Sociedade, Campinas, v. 31, n. 113, p. 1355-1379, out.-dez. 2010.
15. GATTI, Bernardete A.; BARRETTO, Elba Siqueira de Sá. Professores do Brasil: impasses e desafios. Brasília, DF: UNESCO, 2009.
16. GATTI, Bernardete A. Formação de professores: condições e problemas atuais. Revista Internacional de Formação de Professores (RIFP), Itapetininga, v. 1, n.2, p. 161-171, 2016.
17. KUMARAVADIVELU, B. A Linguística Aplicada na era da globalização. In: MOITA LOPES, L. P. da. (Org.) Por uma Linguística Aplicada Indisciplinar. São Paulo: Parábola Editorial, 2008, p. 129-148.
18. LEPSCHY, Giulio. Léxico. ENCICLOPÉDIA Einaudi: Linguagem e Enunciação. Lisboa: Imprensa Nacional – Casa da Moeda, 1984, v. 2, p. 156-178.
19. MIZUKAMI, Maria da Graça N. Aprendizagem da docência: algumas contribuições de L. S. Shulman. Educação (Santa Maria), Santa Maria, v. 29, n. 2, p. 33-49, 2004.
20. NÓVOA, António. Formação de professores e profissão docente. In: NÓVOA, António. (Org.). Os professores e sua formação. Lisboa: Dom Quixote, 1992.
21. ORLANDI, Eni Puccinelli. Educação em direitos humanos: um discurso. In: SILVEIRA, Rosa Maria et. al. (Org.) Educação em Direitos Humanos: fundamentos teórico-metodológicos. João Pessoa: Editora Universitária, 2007. P. 295-311.
22. PIRES, Maria das Graças Porto. Os saberes e não saberes de professores de Língua Portuguesa: perspectiva formativa. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Educação: Universidade Federal da Bahia. Salvador-BA, 2019.
23. SILVA, David José de Andrade. Formação de professores de língua para a autonomia: o buraco é mais embaixo. Trabalhos em Linguística Aplicada, Campinas, n (52.1), p. 73-92, jan./jun. 2013.
24. ZEICHNER, Kenneth. A formação reflexiva de professores: idéias e práticas. Lisboa: Educa, 1993.
Publicado
2020-07-02
Como Citar
ALMEIDA, Tainá; FERREIRA, Lúcia Gracia; FERREIRA, Lucimar Gracia. FORMAÇÃO DOCENTE DE LÍNGUA PORTUGUESA: UM TEXTO EM ANÁLISE DISCURSIVA. fólio - Revista de Letras, [S.l.], v. 12, n. 1, jul. 2020. ISSN 2176-4182. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/folio/article/view/5770>. Acesso em: 08 ago. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/folio.v12i1.5770.