AS DESIGUALDADES SOCIAIS NA PRODUÇÃO DO ESPAÇO E OS DESAFIOS DO RURAL CONTEMPORÂNEO

  • João Ernandes Barreto Nascimento UESB
  • José Eloízio da Costa UFS
  • Fernanda Viana de Alcantara UESB

Resumo

O objetivo deste trabalho consiste em fazer reflexões sobre as contradições que se estabeleceram na sociedade capitalista e relacionar com os contrastes presentes no rural brasileiro contemporâneo. É fruto de parte da proposta de dissertação e da participação em reuniões, contando com revisão de literatura selecionada e coleta de dados secundários no Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Diante disso, ressalta-se a importância da geografia para a compreensão das relações que produzem o espaço de maneira (i) racional e desigual, valendo ressaltar que, diante das armadilhas criadas pelo sistema capitalista, o Estado social pode ser considerado, dentro das regras que regem a sociedade, o agente que poderá minimizar os contrastes sociais.

DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.

Referências

ABRAMOVAY, Ricardo. De camponeses a agricultores: os paradigmas do capitalismo agrário em questão. Campinas-SP: UNICAMP/IE (1990). (Tese de Doutorado).
ABRAMOVAY, Ricardo. Desenvolver os territórios fortalecendo o empreendedorismo de pequeno porte. 1° Forum Internacional território, Desenvolvimento Rural e Democracia. Relatório Final. Fortaleza, novembro 2003. 35 p.
ALVES, Eliseu R. A. Extensão Rural: Seu problema não é a comunicação. In: Agricultura, transformações e sustentabilidade/ Organizadores: José Eustáquio Ribeiro Filho, José Garcia Gasques; Alexandre Xavier Ywta de Carvalho... [et al.]. - Brasília: Ipea, 2016. 391p.
BUAINAIN, A. M; ALVES, E.; SILVEIRA, J. M. da; NAVARRO, Z. Sete teses sobre o mundo rural brasileiro. In: O mundo rural no século 21: A formação de um novo padrão agrário e agrícola/ Antônio Marcio Buainain, Eliseu Alves, José Maria da Silveira, Zander Navarro. Brasília-DF: EMBRAPA, 2014.
CARDOSO, Jucyene das Graças. Agricultura familiar, pluriatividade e políticas públicas na região Nordeste e Sul do Brasil, nos anos 1990 e 2000: trajetórias de desafios. Uberlândia-MG: UFU/MG, 2013. (Tese de doutorado).
GRAZIANO DA SILVA, José, O novo rural brasileiro. Nova Economia, v. 7, n. 1. Belo Horizonte- MG, 1997. p. 43-81.
GRAZIANO DA SILVA, José. Os desafios das Agriculturas Brasileiras. In: A Agricultura Brasileira: desempenho, desafios e perspectivas / organizadores: José Garcia Gasques, José Eustáquio Ribeiro Vieira Filho, Zander Navarro. - Brasília: Ipea, 2010. p. 157-184.
GRAZIANO DA SILVA, José. Por que não houve (e nunca haverá) reforma agrária no Brasil? In: O mundo rural no século 21: A formação de um novo padrão agrário e agrícola/ Antônio Marcio Buainain, Eliseu Alves, José Maria da Silveira, Zander Navarro. Brasília-DF: EMBRAPA, 2014.
GRISA, Cátia; SCHNEIDER, Sergio. Três Gerações de políticas Públicas para a Agricultura Familiar e Formas de Interação entre Sociedade e Estado no Brasil. In: Revista de Economia e Sociologia Rural/Sociedade Brasileira de Economia e Sociologia Rural-vol.52 - Brasília: SOBER, 2015.
HARVEY, David. Condição Pós-Moderna: uma pesquisa sobre as origens da mudança cultural. 6 ed. São Paulo: Loyola, 1996.
HARVEY, David. A produção capitalista do espaço. São Paulo: Annablume, 2005.
HOBSBAWM, Eric. A Era das Revoluções – 1789-1848. 25ª Edição. São Paulo: Paz e Terra, 2012.
HOBSBAWM, Eric. A Era do Capital – 1848-1875. 2ª Edição. São Paulo: Paz e Terra, 2012.
HOBSBAWM, Eric. A Era dos Impérios – 1875-1914. 7ª Edição. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988
HOBSBAWM, Eric. Era dos extremos: o breve século XX – 1914-1991. 2ª Edição. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
LEFÈBVRE, Henri. A cidade do capital. Rio de Janeiro: DP&A, 2001.
MARTINS, José de S. O sujeito oculto: ordem e transgressão na reforma agrária. Porto Alegre, RS: UFRGS, 2003.
MARTINS, José de S. O cativeiro da terra. São Paulo: Editora Contexto. 9ª edição/2010.
MARTINS, José de S. O Poder do Atraso: Ensaios de Sociologia da História lenta. São Paulo: Editora Hucitec, 1994.
MARTINS, José de S. Reforma Agrária: O impossível diálogo sobre a história possível. Revista Tempo social. USP; São Paulo, p. 97-128. Editado em fev. 2000.
MENDES, Marcelo Alves. Os (des) caminhos geográficos e a pluriatividade na agricultura familiar: aspectos teóricos e cotidianidade da agricultura familiar no Nordeste. 1. ed. São Paulo: Novas Edições Acadêmicas, 2014. v. 200. 261p.
NASCIMENTO, Carlos A. do. Pluriatividade, pobreza rural e políticas públicas. Campinas-SP: UNICAMP/IE, 2005. (Tese de Doutorado).
NASCIMENTO, J. E. B; MENDES, Marcelo Alves. Dinâmica da agricultura familiar na Microrregião do Agreste de Itabaiana. Anais do VII Simpósio Internacional de Geografia Agrária. Goiânia-GO: Editora da UFG, 2015. v. Único. p. 579-592.
NASCIMENTO, J. E. B; MENDES, M. A. A diversificação do trabalho como estratégia para o fortalecimento da agricultura familiar no Agreste de Itabaiana. In: Anais do 54º Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural. Maceió: SOBER, 2016. v. 01. p. 1-20.
OLIVEIRA, Ariovaldo Umbelino de. A geografia agraria e as transformações territoriais recentes no campo brasileiro. In: Novos caminhos da geografia – São Paulo: Contexto, 2001.
PIKETTY, Thomas. O capital no século XXI; Tradução Monica Baumgarten de Bolle. – I ed. – Rio de Janeiro: Intrínseca, 2014.
ROCHA, Altemar Amaral; SANTOS, Geisa Alves dos. A dimensão do urbano e as relações de produção no povoado Santo Antônio - Barra do Choça/BA. In: Anais do XIV Simpósio Nacional de Geografia Urbana (SIMPURB). Fortaleza; 2015 p. 1-20.
SANTIAGO, João Phelipe. Espaço geográfico e geografia do Estado em Friedrich Ratzel – Vitória da Conquista: Edições UESB, 2013. 218p.
SANTOS, M. A natureza do espaço: técnica e tempo razão e emoção. São Paulo: EDUSP, 2004a.
SANTOS, M. Por uma geografia nova: da crítica da geografia a uma geografia crítica. 6ª ed. São Paulo: EDUSP, 2004b.
SCHNEIDER, Sérgio. As atividades rurais não agrícolas e as transformações do espaço rural: perspectivas recentes. Publicado em Cuadernos de Desarrollo Rural. v. 1 n 44, Bogotá – Colômbia, 2000, p. 11-40.
SCHNEIDER, Sérgio. Situando o desenvolvimento rural no Brasil: o contexto e as questões em debate. Revista de Economia Política, vol. 30, nº 3 (119), p. 511‑531, julho‑setembro/2010.
SEN, Amartya. Desenvolvimento como liberdade. Tradução Laura Teixeira Motta - São Paulo: Companhia de letras, 2010. 461 p. 4ª reimpressão.
Publicado
2017-12-18
Como Citar
NASCIMENTO, João Ernandes Barreto; COSTA, José Eloízio da; ALCANTARA, Fernanda Viana de. AS DESIGUALDADES SOCIAIS NA PRODUÇÃO DO ESPAÇO E OS DESAFIOS DO RURAL CONTEMPORÂNEO. Geopauta, [S.l.], v. 1, n. 3, p. 99-121, dez. 2017. ISSN 2594-5033. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/geo/article/view/2068>. Acesso em: 16 out. 2018. doi: https://doi.org/10.22481/rg.v1i3.2068.
Seção
Artigos