Relação campo cidade em tempos de pandemia

Resumo

Este artigo visa analisar a relação campo-cidade diante do contexto de expansão da pandemia provocada pela COVID-19 no Brasil, defendendo que essa vem a escancarar as desigualdades espaciais, dado o conteúdo de classe e étnico-racial com que se expressa no cotidiano dos trabalhadores das periferias urbanas e das comunidades camponesas. A essa se soma um cenário marcado pela crise do capital, a ascensão de um governo de extrema direita e sua política genocida e em novas investidas sobre o trabalho, marcando os espaços de reprodução social dos sujeitos mais pobres no campo e nas cidades.


Palavras-chave: Relação Campo-Cidade. Produção desigual do espaço. COVID-19.

DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.

Referências

BERNARDES, José Eduardo. Indígenas, quilombolas e camponeses denunciam o aumento de ataques durante a pandemia. In: Jornal Brasil de Fato, 15/05/20. Disponível em: https://www.brasildefato.com.br/2020/05/15/indigenas-quilombolas-e-camponeses-denunciam-aumento-de-ataques-durante-a-pandemia
CARLOS, Ana Fani Alessandri. (Coord.). COVID-19 e a crise urbana [recurso eletrônico]. São Paulo: FFLCH/USP, 2020.
CARLOS, Ana Fani Alessandri. A questão da cidade e do campo: teorias e política. Mercator. Fortaleza, v. 3, n. 5, nov. 2008. ISSN 1984-2201
CHADE, Jamil. Novo epicentro da pandemia, Brasil caminha para ser o epicentro do desemprego. Jornal UOL. Disponível em: https://noticias.uol.com.br/colunas/jamil-chade/2020/05/27/epicentro-da-pandemia-brasil-caminha-para-ser-epicentro-do-desemprego.htm?cmpid=copiaecola)
DAVIS, Mike. Et. Al. Coronavírus e a luta de classes. Terra sem Amos, Brasil, 2020.
FELLET, João. Os dados contradizem as informações de Bolsonaro de que não há fome no Brasil. BBC News Brasil em São Paulo, 19/07/19. Disponível em
YUKARI, Diana. Número de mortos pelo novo coronavírus no Brasil passa de 60 mil. Folha de São Paulo, 01/07/2020. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2020/07/numero-de-mortos-pelo-coronavirus-no-brasil-passa-de-60-mil.shtml
LESSA, Sérgio. A pandemia do coronavírus: vivemos uma crise revolucionária. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=HleZZr1vw-s
MARTELO, Alexandro. Seguro-desemprego: país tem 960 mil pedidos em maio: total durante a pandemia vai a 1,9 milhão. In: G1 globo.com. 09/06/2020. Disponível em: https://g1.globo.com/economia/noticia/2020/06/09/brasil-registra-960-mil-pedidos-de-seguro-desemprego-em-maio-com-alta-de-53percent.ghtml
MARTINS, Gabriel. Com pandemia desemprego sobe para 12,6% em abril. Informais são os mais atingidos. Jornal o Globo, 28/05/2020. Disponível em: https://oglobo.globo.com/economia/com-pandemia-desemprego-sobe-para-126-em-abril-informais-sao-os-mais-afetad
MARTINS, José de Souza. O poder do atraso. Ensaios de Sociologia da História lenta. São Paulo: Hucitec, 1994.
MARX, Karl. Manuscritos Econômico-Filosóficos. São Paulo: Boitempo Editorial, 2004.
Marx, k. O Capital. Crítica da Economia Política. Volume I. Livro Primeiro. O Processo de Produção do Capital. Tomo 2 (Capítulos XIII a XXV). Apresentação: Jacob Gorender. Coordenação e revisão de Paul Singer. Tradução de Regis Barbosa e Flávio R. Kothe. São Paulo: Abril Cultural, 1984. (Os economistas).
MITIDIERO JUNIOR, Marco Antonio. (et. al.). Ataques aos direitos dos povos do campo: ações do legislativo e executivo federal. In: Conflitos no Campo Brasil 2016. Goiânia: CPT Nacional – Brasil, 2016. 232 p. ISSN 1676-661X (p. 88-104).
OKARA Geografia em debate. Dossiê Michel Temer e a Questão Agrária. Vol. 12, n. 2, 2018.
OLIVEIRA, Ariovaldo Umbelino de. A agricultura camponesa no Brasil. São Paulo: Contexto, 2001.
OLIVEIRA, Ariovaldo Umbelino de. Camponeses, Indígenas e quilombolas em luta no campo: a barbárie aumenta. In: Cadernos Conflitos no Campo 2015. CPT Nacional – Brasil, 2016. (p. 28-42).
PEREIRA, Lara Barros. O processo de criminalização dos movimentos sociais em luta pela terra frente as investidas do capital na (re)produção camponesa. Monografia (Graduação em Geografia. Departamento de Geografia. Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, 2018.
ROCHA, Fátima Crislaine Batista Rocha. Trabalho, divisão do trabalho e oposição entre campo e cidade na produção do espaço. Dissertação (Mestrado em Geografia). Programa de Pós-Graduação em Geografia. Departamento de Geografia. Universidade estadual do Sudoeste da Bahia, 2018.
SIMONI, César. A Covid-19 e o direito à cidade aos pobres no Brasil. In: CARLOS, Ana Fani Alessandri. (Coord.). COVID-19 e a crise urbana [recurso eletrônico]. São Paulo: FFLCH/USP, 2020.
VENDRAMINI, Célia; CONDE, Soraya. Vítimas do coronavírus: a classe trabalhadora imigrante. In: Jornal Desacato, 30/04/2020. Disponível em: http://desacato.info/vitimas-do-coronavirus-a-classe-trabalhadora-imigrante-por-celia-vendramini-e-soraya-franzoni-conde/
VOLOCHKO, Danilo. O cotidiano dos pobres não pode parar: a pandemia e a necrodemografia do capital. In: CARLOS, Ana Fani Alessandri. (Coord.). COVID-19 e a crise urbana [recurso eletrônico]. São Paulo: FFLCH/USP, 2020.
Publicado
2020-07-21
Como Citar
SOUZA, Suzane Tosta. Relação campo cidade em tempos de pandemia. Geopauta, [S.l.], v. 4, n. 2, p. 245-266, jul. 2020. ISSN 2594-5033. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/geo/article/view/6101>. Acesso em: 08 ago. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/rg.v4i2.6101.
Seção
Artigos