Rio Grande do Norte: do açúcar e do gado ao cenário atual

Resumo

Estudar a formação econômica é indispensável para se promover as transformações estruturais requeridas para mitigação das desigualdades socioeconômicas que afligem as populações da periferia do sistema capitalista. Tendo como eixo o processo de acumulação, o trabalho objetiva esboçar a trajetória de formação econômica do Rio Grande do Norte, dando-se ênfase à questão espacial das atividades econômicas (geograficidade) ao longo do tempo (historicidade).

Biografias do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Professor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). Mestre em Planejamento e Dinâmicas Territoriais do Semiárido pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN). 

##submission.authorWithAffiliation##

Professor da Universidade Regional do Cariri (URCA) e do Programa de Pós-graduação em Planejamento e Dinâmicas Territoriais do Semiárido, da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte. Doutor em Desenvolvimento Econômico pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Publicado
2020-07-16
Como Citar
BARRETO FILHO, Boanerges de Freitas; LIMA JÚNIOR, Francisco do Ó de. Rio Grande do Norte: do açúcar e do gado ao cenário atual. Politeia - História e Sociedade, [S.l.], v. 19, n. 1, p. 133-153, jul. 2020. ISSN 2236-8094. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/politeia/article/view/4452>. Acesso em: 09 ago. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/politeia.v19i1.4452.