FORMAÇÃO DOCENTE, PRÁXIS PEDAGÓGICA NO CONTEXTO MIDIÁTICO DA EJA

  • Maria Olivia de Matos Oliveira
  • Tania Regina Dantas

Resumo

No presente artigo pretende-se discutir as responsabilidades da universidade face às mudanças no contexto midiático e a necessidade de uma práxis diferenciada para os formadores da EJA. O artigo também alerta para a importância de se levar em conta as motivações dos docentes e o papel da organização sindical na resolução dos processos reivindicatórios de classe. Enuncia algumas concepções de formação e formação docente, fazendo reflexões sobre a importância de um olhar interdisciplinar nas práticas de formação docente à luz de teóricos como Tardif, Shin e Sacristãn,Charlot, Morin, dentre outros. Chama a atenção para a mercadorização que permeia a formação universitária e impede o profissional de desabrochar a sua verdadeira vocação. Utiliza como dispositivo metodológico a pesquisa bibliográfica para subsidiar a análise dos temas enfocados. Os resultados apresentados focalizam a necessidade de uma formação específica para os educadores da EJA. O texto também chama a atenção acerca das injustiças e das irracionalidades da sociedade capitalista que potencializam um vazio nos sujeitos dificultando-os de pensarem e lutarem por uma sociedade melhor e mais justa.

DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-08-06
Como Citar
OLIVEIRA, Maria Olivia de Matos; DANTAS, Tania Regina. FORMAÇÃO DOCENTE, PRÁXIS PEDAGÓGICA NO CONTEXTO MIDIÁTICO DA EJA. Práxis Educacional, [S.l.], v. 14, n. 29, p. 35-49, ago. 2018. ISSN 2178-2679. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/4095>. Acesso em: 17 ago. 2018. doi: https://doi.org/10.22481/praxis.v14i29.4095.