OS SUJEITOS DA EJA E DA EDUCAÇÃO SOCIAL: AS PESSOAS EM SITUAÇÃO DE VULNERABILIDADE SOCIAL

  • Antonio Pereira Universidade do Estado da Bahia – Brasil

Resumo

O texto trata dos novos sujeitos da Educação de Jovem e Adulto (EJA) e da Educação Social (ES): as pessoas em situação de vulnerabilidade e desfiliamento social, identificando-as e, ao mesmo tempo, problematizando a situação social em que vivem à luz da sociologia de Robert Castel que analisa o quanto as metamorfoses da questão social complexificaram a dinâmica interna da exclusão social a ponto de fazer emergir novas categorias que explicam melhor o fenômeno da marginalidade, por exemplo, a integração, assistidos, vulnerabilidade e desfiliamento social. O interesse aqui é em afirmar que os jovens, adultos e velhos que estão em uma dessas situações, em particular as duas últimas, são sujeitos da EJA, ainda que ela não os assumam; diferentemente da Educação Social que, historicamente, se constituiu como uma educação encetada na pedagogia de Paulo Freire, portanto lutando pelo empoderamento dessas pessoas.

DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Doutor em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação de Jovens e Adultos, da Universidade do Estado da Bahia (UNEB).

Publicado
2019-01-17
Como Citar
PEREIRA, Antonio. OS SUJEITOS DA EJA E DA EDUCAÇÃO SOCIAL: AS PESSOAS EM SITUAÇÃO DE VULNERABILIDADE SOCIAL. Práxis Educacional, [S.l.], v. 15, n. 31, p. 273-294, jan. 2019. ISSN 2178-2679. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/4673>. Acesso em: 23 abr. 2019. doi: https://doi.org/10.22481/praxis.v15i31.4673.