RELATO DE EXPERIÊNCIA COMO DOCENTE NA ESCOLA ESTADUAL INDÍGENA RIACHUELO

Autores

  • Paulo Weverton Soares Cizino de Paiva Universidade Estadual de Roraima – Brasil
  • Maristela Bortolon de Matos Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima – Brasil Universidade Estadual de Roraima – Brasil

DOI:

https://doi.org/10.22481/praxis.v15i31.4683

Palavras-chave:

Educação escolar indígena. Material didático. Referencial curricular nacional para escolas indígenas.

Resumo

Este artigo trata-se de um relato de experiência vivenciado por dois anos como professor das disciplinas de História e Biologia na Escola Estadual Indígena Riachuelo, localizada na comunidade indígena do Sucuba, município do Alto Alegre, Estado de Roraima. Para o processo de produção e conclusões do presente artigo, fez-se necessário conhecer as bases legais que orientam a educação escolar indígena e realizar uma reflexão da minha prática pedagógica aplicada, considerando meu desconhecimento enquanto era docente na referida escola. Esse artigo tem como objetivo relatar como eram utilizados os materiais didáticos na organização das aulas. A pesquisa está fundamentada na Lei de Diretrizes e Bases - 9394/96, que trouxe em seu texto algumas garantias legais para as comunidades indígenas, entre elas a elaboração e publicação de material didático específico e diferenciado, no Referencial Curricular Nacional - RCNEI para Escolas Indígenas que traz subsídios para elaboração dos materiais didáticos das escolas indígenas, bem como em autores que produziram conhecimentos e contribuições sobre essa temática Barros (2015), Bendazolli (2011), dentre outros. Após os anos de docência e convívio com aquela comunidade conclui-se que os materiais didáticos que foram
utilizados nas aulas não eram adequados para aquela realidade bem como não seguiam as orientações
do RCNEI e da própria LDB.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paulo Weverton Soares Cizino de Paiva, Universidade Estadual de Roraima – Brasil

Mestrando em Educação pela Universidade Estadual de Roraima (UERR). Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação, Interculturalidade e Emancipação Humana.

Maristela Bortolon de Matos, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima – Brasil Universidade Estadual de Roraima – Brasil

Doutora em Educação pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS). Professora Titular do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Roraima (IFRR). Docente do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Roraima (UERR). Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação, Interculturalidade e Emancipação Humana.

Downloads

Publicado

2019-01-17

Como Citar

de Paiva, P. W. S. C., & de Matos, M. B. (2019). RELATO DE EXPERIÊNCIA COMO DOCENTE NA ESCOLA ESTADUAL INDÍGENA RIACHUELO. Práxis Educacional, 15(31), 471-492. https://doi.org/10.22481/praxis.v15i31.4683