PROJETOS DIDÁTICOS: UMA CONCEPÇÃO DE FORMAÇÃO E APROPRIAÇÃO DO MUNDO

Resumo





O artigo propõe uma discussão em torno da educação a partir de Projetos Didáticos, que têm por finalidade a formação de pessoas capazes de produzir conhecimento em um mundo informacional, progressivamente mais complexo e provisoriedade, tendo em vista o avanço das tecnologias da informação e da computação. Inicialmente destaca que a realização de Projetos Didáticos implica em uma mudança profunda na concepção de educação escolar e na forma como se entende a produção do conhecimento na escola. Argumenta que nos Projetos Didáticos não são apenas os conteúdos em questão que formam os sujeitos envolvidos, mas o modo de conhece-los. A partir disso, propõe a escola como um lugar de aprendizagem que concebe o ato de conhecer como obra coletiva na experiência dos sujeitos em relação com o mundo e com o conhecimento acumulado. Ressalta ainda que a problematização é um aspecto fundamental porque o que está em jogo nos Projetos Didáticos é a possibilidade de construir o hábito de propor-se problemas e de resolvê-los como forma de aprender. Destaca a relevância da avaliação na realização de Projetos Didáticos e discute o uso das agendas de trabalho como um instrumento para aprender a tomar decisões e monitorar o próprio processo de aprendizagem. Por fim, argumenta em favor do conhecimento como uma produção coletiva e de uma educação de caráter público cuja finalidade central é formar pessoas.





DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.

Biografias do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professora do Departamento 2 da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia. Participa do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação, Didática e Ludicidade (GEPEL) e do Grupo de Pesquisa Formação em Exercício de Professores (FEP), ambos do Programa de Pós- Graduação em Educação da FACED/UFBA.

##submission.authorWithAffiliation##

Doutor em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professor do Departamento de Educação da Universidade Estadual de Feira de Santana, (UEFS).

##submission.authorWithAffiliation##

Doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professora do Departamento 1 da Faculdade de Educação da Universidade Federal da Bahia. Participa do Grupo de Pesquisa Formação em Exercício de Professores (FEP) do Programa de Pós- Graduação em Educação da FACED/UFBA.

Publicado
2019-10-01
Como Citar
ZEN, Giovana Cristina; DE FARIA, Marcelo Oliveira; BRITO DE SÁ, Maria Roseli Gomes. PROJETOS DIDÁTICOS: UMA CONCEPÇÃO DE FORMAÇÃO E APROPRIAÇÃO DO MUNDO. Práxis Educacional, [S.l.], v. 15, n. 35, p. 144-160, out. 2019. ISSN 2178-2679. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/5672>. Acesso em: 15 dez. 2019. doi: https://doi.org/10.22481/praxisedu.v15i35.5672.