POSTS NA PÁGINA DO DOM BOSCO RONDONIENSE: HISTÓRIAS ESCOLARES NO FACEBOOK

Resumo





A vocação deste artigo é a de refletir sobre as postagens dos sujeitos nos territórios fluidos da web, mais especificamente na página do Colégio Dom Bosco rondoniense no Facebook; nessa acepção, traz para a discussão os posts que circulam num tempo de redes sociais virtuais, buscando contribuir para os estudos sobre os lugares de memórias da escolarização. Os registros compartilhados, possíveis fontes para a historiografia da Educação, exibem as memórias sobre o tempo escolar. Quais as motivações dos usuários nessa página virtual? Nesse ímã de interação, os usuários desempenham papéis indicadores das ações cotidianas, expondo os lugares, as relações, as representações escolares. Nesse contexto, cabe à tela, a capacidade de revelar as memórias escolares vividas no espaço midiático, na quais, os produtores e receptores manejam a linguagem, postam imagens, com vistas à produção de sentidos sobre a vida na instituição de ensino rondoniense. Estudos de Lima (1993) e Cantanhede (1950) anunciam que desde 1933, as aulas com Música, Teatro, sessões de cinema faziam parte das ações educativas dessa instituição de ensino. A pesquisa aborda os variados temas surgidos nas postagens dos novos e antigos estudantes do educandário: saudades dos amigos, debate sobre o Patrimônio cultural em Porto Velho, assim como as atividades que praticaram na escola. Valho-me dos estudiosos Certeau (1982), Chartier (2002), Lévy (1999) e Sibilia (2008) para me ajudar a pensar que as postagens na rede social do Facebook também representam valores, atividades cotidianas e práticas educativas que permitem o conhecimento institucional para além dos estudos historiográficos.





DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Pós-doutorando do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (ProPEd/UERJ) junto ao grupo de pesquisa Instituições, Práticas educativas e História. Conta com o apoio do PNPD/CAPES, sob a supervisão da Professora Titular Dra. Ana Chrystina Venancio Mignot. Professor doutor da Universidade Federal de Rondônia (UNIR), campus de Porto Velho, junto ao Núcleo de Ciências Humanas, Departamento de Ciências da Educação. Docente permanente do Programa de Pós-graduação em Educação Escolar, Mestrado Profissional, MEPE/UNIR, na linha de Pesquisa Práticas pedagógicas, Inovações curriculares e tecnológicas.

Publicado
2020-01-01
Como Citar
SIMÕES, Robson Fonseca. POSTS NA PÁGINA DO DOM BOSCO RONDONIENSE: HISTÓRIAS ESCOLARES NO FACEBOOK. Práxis Educacional, [S.l.], v. 16, n. 38, p. 199-218, jan. 2020. ISSN 2178-2679. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/5997>. Acesso em: 27 fev. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/praxisedu.v16i38.5997.