O LUGAR E O ESTATUTO DA CRIANÇA ATRAVÉS DO PERIÓDICO “CADERNOS DE EDUCAÇÃO DE INFÂNCIA”

Resumo





Neste artigo propomo-nos discutir o lugar da criança e do seu estatuto no quadro da pedagogia hodierna da infância, através de uma abordagem metodológica de inspiração sociohistórica com recurso a técnicas de análise de conteúdo dos discursos pedagógicos de um conjunto de personalidades entrevistadas no periódico Cadernos de Educação de Infância, que incluímos na imprensa pedagógica portuguesa e que, no caso, é da responsabilidade da única Associação de Profissionais de Educação de Infância em Portugal (APEI). O periódico tem publicação trimestral desde 1983 e é atualmente a única publicação portuguesa especificamente sobre educação de infância e sobre os seus profissionais, assumindo-se como um espaço de reflexão, de partilha, de análise e de investigação sobre uma educação de qualidade. Do vasto espólio de entrevistas publicadas selecionámos para análise oito entrevistas de personalidades portuguesas e de uma brasileira que encontrámos numa revisitação aos números da publicação nos anos de 1996, ano que antecede a publicação das primeiras Orientações Curriculares para a Educação Pré-escolar (OCEPE) em Portugal, de 1997, ano em que para além dessa publicação é também promulgada a primeira Lei-Quadro para a Educação Pré-escolar em Portugal e do ano de 1998, ano sequente a estas publicações de referência. Através das vozes dos entrevistados tentamos: (i) identificar e compreender que discursos foram produzidos sobre o lugar e o estatuto da criança na pedagogia da infância; (ii) e refletir sobre a criança nos ideários pedagógicos em Portugal no período temporal identificado.





DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.

Biografias do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Professor adjunto da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais do Instituto Politécnico de Portalegre e é Investigador integrado do Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX da Universidade de Coimbra (Ceis20) no Grupo de Políticas e Organizações Educativas e Dinâmicas Educacionais (GRUPOEDE). É pós-doutorado em Educação pela Universidade de Salamanca e pela Universidade de Coimbra. É doutor pela Universidade de Coimbra.

##submission.authorWithAffiliation##

Professora adjunta da Escola Superior de Educação e Ciências Sociais do Instituto Politécnico de Portalegre (IPP) e é investigadora do VALORIZA-IPP (Centro de Investigação para a Valorização de Recursos Endógenos). É pós-doutorada em Educação pela Universidade de Salamanca, Espanha, e doutora em Ciências da Educação pela Universidade de Aveiro, Portugal.

Publicado
2020-01-01
Como Citar
HENRIQUES, Helder; MARCHÃO, Amélia. O LUGAR E O ESTATUTO DA CRIANÇA ATRAVÉS DO PERIÓDICO “CADERNOS DE EDUCAÇÃO DE INFÂNCIA”. Práxis Educacional, [S.l.], v. 16, n. 38, p. 243-264, jan. 2020. ISSN 2178-2679. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/5999>. Acesso em: 27 fev. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/praxisedu.v16i38.5999.