IDENTIDADE QUILOMBOLA E EDUCAÇÃO ESCOLAR QUILOMBOLA:CONTRIBUIÇÕES A PARTIR DA EXPERIÊNCIA DE UM QUILOMBO

  • Sandra Nivia Soares de Oliveira

Resumo

Neste trabalho, toma-se o processo de construção da identidade do quilombo de Mangal e Barro Vermelho, situado no Oeste da Bahia-Brasil compreendendo que sua história e seus percursos na  construção da identidade podem contribuir com o processo formativo de professores no debate sobre a educação escolar quilombola e na efetivação de suas diretrizes, considerando quilombo como uma categoria dinâmica que se atualiza no tempo, ressaltando os diversos caminhos para a construção da identidade quilombola e a necessidade de atentar a essa questão nas discussões sobre a educação de quilombolas. Este trabalho toma como referência os dados de pesquisa de mestrado ancorada nos aportes teórico-metodológicos da história oral, a experiência da autora na formação de professores de comunidades quilombolas e na pesquisa “Cartografia escolar em Comunidades Tradicionais baianas” coordenada pela professora Izabel Dantas de Menezes e vinculada à Universidade do Estado da Bahia.

DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-07-26
Como Citar
DE OLIVEIRA, Sandra Nivia Soares. IDENTIDADE QUILOMBOLA E EDUCAÇÃO ESCOLAR QUILOMBOLA:CONTRIBUIÇÕES A PARTIR DA EXPERIÊNCIA DE UM QUILOMBO. Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências, [S.l.], v. 7, n. 1, p. 39-60, jul. 2018. ISSN 2316-1205. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/4062>. Acesso em: 20 ago. 2018. doi: https://doi.org/10.22481/rbba.v7i1.4062.
Seção
Dossiê Temático