Utilização da Morfologia Fuzzy para Quantificação de Esporos de Fungos Micorrizicos

  • Alécio Santos Barros uesb
  • Alexsandra Oliveira Andrade UESB
  • Roque Mendes Prado Trindade

Resumo

 Este trabalho apresenta um método de contagem de esporos de fungos micorrízicos a partir de imagens digitais usando morfologia fuzzy para separação de esporos e algoritmos desenvolvidos no Scilab para quantificação. O objetivo é mostrar a eficácia da morfologia fuzzy e as funções desenvolvidas na separação e contagem. A estratégia metodológica desenvolvida foi utilizar as definições de morfologia fuzzy desenvolvidas por Andrade et al e produzir um algoritmo capaz de separar e contar fungos. Espera-se obter um método capaz de realizar uma contagem eficiente.

Publicado
2019-03-29
Como Citar
BARROS, Alécio Santos; ANDRADE, Alexsandra Oliveira; TRINDADE, Roque Mendes Prado. Utilização da Morfologia Fuzzy para Quantificação de Esporos de Fungos Micorrizicos. Revista de Ciência da Computação, [S.l.], v. 1, n. 1, p. p. 1-7, mar. 2019. ISSN 2596-2701. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/recic/article/view/4920>. Acesso em: 17 out. 2019. doi: https://doi.org/10.22481/recic.v1i1.4920.