“A CIDADE NÃO É AQUILO QUE SE VÊ DO PÃO DE AÇÚCAR”: NARRATIVAS URBANAS EM RUBEM FONSECA

  • Robert Moses Pechman

Resumo

Rubem Fonseca dialoga com a tragédia em busca de alguma transcendência, para sempre perdida, no cotidiano das grandes cidades, onde a figura do herói não é mais possível, diante da crise contemporânea dos valores. Os personagens vivem numa sociedade em que ao eclipse da ordem do transcendente seguiu-se o eclipse da crença na razão

Publicado
2017-09-18
Como Citar
MOSES PECHMAN, Robert. “A CIDADE NÃO É AQUILO QUE SE VÊ DO PÃO DE AÇÚCAR”: NARRATIVAS URBANAS EM RUBEM FONSECA. REDISCO – Revista Eletrônica de Estudos do Discurso e do Corpo, [S.l.], v. 12, n. 2, set. 2017. ISSN 2316-1213. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/redisco/article/view/2398>. Acesso em: 17 ago. 2018. doi: https://doi.org/10.22481/redisco.v12i2.2398.
Seção
Artigos