Das paredes de concreto à frágil relação de emprego:

o custo da movimentação de mão de obra em uma empresa de construção civil de Vitória da Conquista, na Bahia

Autores

  • Aline Rocha Santana
  • Marisa Oliveira Santos
  • Maria Celia F. Neves

DOI:

https://doi.org/10.22481/cssa.v14i23.2305

Palavras-chave:

Construção Civil, Custos, Gestão de pessoas, Recrutamento e seleção, Rotatividade de Pessoal

Resumo

O objetivo do presente trabalho foi analisar os custos decorrentes da rotatividade de pessoal em
uma empresa do ramo da construção civil em Vitória da Conquista, por meio da verificação dos índices de
rotatividade mensais do ano de 2015, da apuração dos custos com desligamento e da identificação dos custos
com reposição de empregados. Para tanto, fez-se um levantamento bibliográfico em torno dos principais
tópicos relacionados ao tema, Gestão de Pessoas, Recrutamento, Seleção e Treinamento, rotatividade e os
custos com reposição e desligamento de funcionários. O conteúdo foi desenvolvido com base em reflexões e
considerações de Chiavenato (2010, 2009), Marras (2011), Cascio e Boudreau (2010) e outros autores. Foram
apresentados os conceitos básicos e correlatos que compõem o tema rotatividade de pessoal. Em seguida,
para identificar os custos dessa movimentação, realizou-se um estudo de caso, com o auxílio de uma pesquisa
documental e de entrevista, as quais possibilitaram a obtenção dos dados necessários. Foram discutidas as
informações da pesquisa bibliográfica, as limitações e as potencialidades do método proposto. O estudo
permitiu identificar as altas taxas de rotatividade da empresa no ano de 2015, com custos elevados, devido
ao volume de demissões por iniciativa da empresa. Recomenda-se à referida organização, portanto, utilizar
as informações da pesquisa para direcionar a redução dos seus custos totais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aline Rocha Santana

Graduada em Administração pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB).

Marisa Oliveira Santos

Graduada em Administração pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB). Mestre em Desenvolvimento Regional e
Meio Ambiente pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). Professora Assistente da UESB.

Maria Celia F. Neves

Graduada em Administração pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB). Mestre em Administração pela Universidade
Federal da Bahia (UFBA).

Downloads

Publicado

2017-12-14

Como Citar

Santana, A. R., Santos, M. O., & F. Neves, M. C. (2017). Das paredes de concreto à frágil relação de emprego:: o custo da movimentação de mão de obra em uma empresa de construção civil de Vitória da Conquista, na Bahia. Cadernos De Ciências Sociais Aplicadas, 14(23), 1-18. https://doi.org/10.22481/cssa.v14i23.2305

Edição

Seção

Administração