Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa <div align="justify"><strong><em>Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA)</em></strong>, publicação do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Ciências Sociais Aplicadas (NEPAAD) do Departamento de Ciências Sociais Aplicadas (DCSA) da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), <strong>e-ISSN 2358-1212</strong>, tem o objetivo de divulgar artigos cientí­ficos originais e inéditos, de cunho teórico e/ou empírico, na área de Ciências Sociais Aplicadas, especificamente Administração, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas e Direito. Com periodicidade semestral, e, por vezes, números especiais (Cadernos Temáticos), a Revista recebe, em fluxo contínuo, artigos em português, os quais serão avaliados no sistema <em>Blind Peer Review</em> (Avaliação Cega por Pares). Os autores devem obrigatoriamente preencher com atenção os seus dados na página da Revista, para fazer o respectivo cadastro, e submeter os artigos <strong>somente</strong> pelo site/sistema.</div> Edições UESB pt-BR Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas 1808-3102 Expediente https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9018 Edições UESB Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 1 4 Apresentação https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9492 Almiralva Ferraz Gomes Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 5 8 Titularidade da memória: breves notações acerca das contribuições de Maurice Halbwachs e Paul Ricoeur https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9020 <p>A memória, enquanto objeto de investigação dentro do campo científico, faz emergir inúmeras discussões, ao tempo que assume seu papel social de resguardar informações e experiências, evocar o passado e acervar o vivido. O presente estudo tem como objetivo central discutir, em breves considerações, a titularidade da memória, reconhecida em dois campos: o individual e o coletivo. A princípio, far-se-á uma sucinta teorização acerca da memória, bem como apresentar-se-á a maneira como alguns autores a compreendem em seus respectivos campos de estudo. Vencida essa parte introdutória, sequencialmente, abre-se a discussão em torno de duas abordagens, cujas propriedades são bem específicas, para verificar similitude entre ambas. A primeira, de Maurice Halbwachs (2006); a segunda, de Paul Ricoeur (2007). Após o estudo bibliográfico proposto, verificou-se que as ideias desses dois expoentes convergem para uma direção muito próxima daquilo que se buscou defender a respeito da memória no seu campo coletivo: o entendimento de que, no seu entorno, o indivíduo está sempre vinculado a pessoas que, direta ou indiretamente, o ajudam a evocar suas lembranças em razão das experiências do que fora vivido, seja o coletivo um grupo, os outros, sejam os próximos.</p> Marisa Oliveira Santos Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 9 20 10.22481/ccsa.v18i32.9020 Mercados financeiros eletrônicos: características culturais, relações sociais e instrumentos financeiros na tomada de decisão dos corretores de valores https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9023 <p>Esta pesquisa, conduzida pela ótica da chamada "Nova Sociologia Econômica", investiga a ação dos corretores de valores, com ênfase nas suas características profissionais, culturais, bem como nas relações sociais mantidas. Dessa feita, por meio de análise documental e de vinte entrevistas estruturadas, realizadas em 2018, no próprio ambiente de trabalho dos referidos operadores, este estudo tem cariz qualitativo e traz contribuições importantes para que se possa compreender a atuação desses agentes considerados fundamentais nos mercados financeiros eletrônicos. Em suma, este artigo examina de que maneira o processo decisório dos corretores constrói uma nuvem de palavras e uma sólida análise de sentimentos, com base no perfil das atividades exercidas, amalgamando as predileções por determinados instrumentos financeiros de análise no ato de comprar e vender ações. Os resultados mostram que as redes sociais estabelecidas entre profissionais da área são de vital importância para o processo decisório e que a ferramenta mais utilizada no cotidiano dos corretores é a análise gráfica (técnica). Desse modo, as análises fundamentalistas, macroeconômicas e estimações econométricas são relegadas a um plano menor. Por outro flanco analítico, nota-se que o corretor incorrerá em conflitos de interesses, pois objetiva maximizar taxas de corretagem (comissões) e pode indicar para os investidores “girar” o portfólio constantemente. A nuvem de palavras mostrou, ademais, que os entrevistados comparam, de forma recorrente, nuances dos mercados financeiros eletrônicos atuais com os tempos de pregão viva-voz e fazem uso constante de termos das finanças ao longo do discurso. Com relação à análise dos sentimentos, observa-se prevalência de animosidade entre corretores de valores, um comportamento que capta o otimismo desses atores em relação ao crescimento vertiginoso do mercado de capitais no país. Por fim, compreende-se que a cultura dos corretores de valores do Brasil, especialmente da cidade de Belo Horizonte, converge para a realidade de outros países e mercados financeiros pesquisados por autores da área de finanças sociais.</p> Thiago de Sousa Barros Pedro Otávio de Campos Andrade Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 21 50 10.22481/ccsa.v18i32.9023 Estado, desenvolvimento e saúde na encruzilhada do futuro https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9024 <p>A década de 2020 entrará para a história por registrar a comoção mundial causada pela pandemia do coronavírus (Covid-19). Trata-se de um período de ameaça à vida humana, devido à grave crise sanitária e às restrições sociais provocadas pela disseminação viral em escala global. Tal contexto, no entanto, possibilita discutir, em variadas e amplas dimensões, fatores&nbsp;estruturais&nbsp;que caracterizam as condições atuais de vida da humanidade. Ao pressupor que esse é um exercício que só faz sentido se puder contribuir para condutas coletivas no futuro, este artigo objetiva particularizar o caso do Brasil e debater em que medida é possível envidar as ações necessárias para a (re)construção da nação, mediante o atendimento de necessidades sociais básicas. Para tanto, adota-se o seguinte procedimento metodológico: primeiro, são restabelecidos aspectos do quadro situacional, revisitando as condições estruturais que definem o subdesenvolvimento. A esse exame, combina-se, depois, um conjunto de análises para sugerir a recolocação, em novos termos, de estratégias de desenvolvimento capazes de envolver de maneira mais concreta a cidadania e ampliar o escopo dos arranjos societários no horizonte de ação do país, às quais contrapõem-se desafios significativos. O resultado dessas reflexões é um balanço, no âmbito da saúde, relativo à aplicabilidade da ideia de complexo econômico-industrial enquanto um campo de prova capaz de encaminhar não apenas soluções emergenciais, mas, sobretudo, estratégicas e estruturais para superar as contradições vividas pela sociedade brasileira.</p> Fábio Lucas Pimentel de Oliveira Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 51 67 Modernização agrícola e produção de grãos: um estudo sobre o potencial de contaminação do solo por defensivos agrícolas na região Oeste da Bahia. https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9239 <p>Este trabalho tem por objetivo analisar o potencial de contaminação do solo pelo uso de defensivos agrícolas na produção de grãos da região Oeste da Bahia. Para tanto, realizou-se o cálculo do Índice de Potencial de Contaminação pelo uso de Defensivos Agrícolas – IDEF para os municípios de Barreiras-BA, São Desidério-BA, Formosa do Rio Preto-BA e Luís Eduardo Magalhães-BA, abrangendo as culturas do milho, da soja, do algodão e do feijão. O estudo parte do entendimento de que é inevitável a expansão da produção de grãos na região Oeste sem comprometer o solo pelo uso de defensivos agrícolas. A partir dessa compreensão, a hipótese básica é de que a necessidade de expandir a produção para atender a demanda de mercado a longo prazo, levará os produtores a aumentarem a produção e a produtividade, e, como consequência, um maior consumo de defensivos agrícolas. Os resultados obtidos sugerem que a soja foi a cultura que apresentou IDEF com valor de 0,20 e a cultura do feijão o menor índice, com valor médio de 0,99. Conclui-se que o aumento da produção para atender a demanda crescente do mercado internacional e nacional, principalmente da soja, resulta num maior consumo de defensivos e, consequentemente, em um maior potencial de contaminação do solo para a região Oeste da Bahia.</p> Edilene de Jesus Santos Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 68 87 10.22481/ccsa.v18i32.9239 Atuação do observatório social no município de Santa Maria/RS https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9241 <p>O presente artigo objetivou analisar as contribuições do ‘Observatório Social’ do Município de Santa Maria (RS) com viés no controle social da administração pública, assim como a percepção da importância que o observatório tem como protagonista para o monitoramento dos gastos públicos e participação nas ações e decisões do ente público. O estudo observou a maneira e a forma de atuação do ‘Observatório Social’ junto ao município, e também relacionou e demonstrou como a participação da sociedade no controle social pode contribuir na aplicação e na transparência da alocação dos recursos públicos. Para tanto, adotou-se como procedimentos metodológicos a utilização da pesquisa explicativa, descritiva e análise documental com abordagem qualitativa. A pesquisa constatou que as contribuições do observatório social na gestão pública do munícipio estão focadas na transparência dos processos, redução de custos, prevenção de irregularidades das licitações, palestras de educação fiscal e promoção da cidadania. Os resultados apontam que o trabalho desenvolvido no período de janeiro a agosto de 2019 pelo observatório, em parceria com a Prefeitura, gerou uma economia aproximada de R$ 323.300,00 no período, e tal constatação serve de alerta para os gestores públicos e para a sociedade em geral e demonstra a necessidade da existência do observatório nas várias esferas governamentais.&nbsp;</p> Kelin Medianeira Hoffmann Bruna Faccin Camargo Jocias Maier Zanatta Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 88 108 10.22481/ccsa.v18i32.9241 Perfil das empresas exportadoras paraibanas: Um estudo de campo https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9243 <p>Os primeiros 14 anos do segundo milênio foram marcados por expansão comercial e recuperação das exportações brasileiras, que na década de 1990 sofreram com as mudanças provocadas com a abertura comercial e financeira. Neste mesmo período, ou seja, entre 2000-2014, a Paraíba possuía em torno de duzentas empresas exportadoras, com as exportações no estado crescendo no período em torno de 130% e as importações crescendo praticamente três vezes mais, em torno de 337%. A balança comercial vinha apresentando crescentes déficits desde 2007. Devido a este descompasso, esta pesquisa teve como objetivo traçar o perfil das vantagens comparativas das exportações no estado da Paraíba, entre 2000-2014, observando-se quais os principais problemas enfrentados pelas maiores empresas exportadoras no processo de exportação. A metodologia utilizada foi um estudo de campo, que resultou em uma pesquisa quali-quantitativa via aplicação de um questionário semi-estruturado ao longo de dois anos, junto às empresas exportadoras do estado. O questionário foi aplicado em uma amostra de 30 empresas exportadoras, os dados foram analisados de forma descritiva e os resultados apontam para empresas com um perfil tradicionalista e de capital fechado. O volume das exportações entre 2000 e 2014 mostrou-se muito sensível aos choques externos dada a dependência de poucos parceiros. Os principais setores exportadores são: têxtil, sucroalcooleiro, de calçados, sisal e mineração. Há grande concentração, as exportações do Estado estão situadas em poucos municípios e em poucas empresas. Conclui-se, ainda, a partir da pesquisa de campo, que ainda que muitas empresas fecharam, outras diminuíram o ritmo exportador por conta de baixos incentivos governamentais e que a crise financeira de 2008 foi um dos fatores de impacto no desempenho exportador do Estado.</p> Pedro Augusto Machado Neto Carolina Câmara Santos Márcia Batista da Fonseca Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 109 132 Alfabetização financeira de estudantes do ensino público no sudoeste do Paraná https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9245 <p>Este estudo buscou avaliar a alfabetização financeira de estudantes do curso técnico em Administração do Colégio Estadual de Dois Vizinhos, localizado na região sudoeste do Paraná. Trata-se de pesquisa descritiva, amostragem por conveniência e corte transversal realizada com 44 estudantes. A coleta de dados foi por meio de um questionário estruturado, respondido pelos estudantes presentes na sala de aula nos dias 12 e 13 de agosto de 2019. Os dados foram tratados com estatística básica, para apuração da frequência em percentual. A análise de hábitos financeiros se pautou nas respostas mais adequadas financeiramente, com base na literatura pesquisada, sem atribuição de pontuação. Em conhecimento financeiro, foi atribuído peso 1 para cada questão com resposta correta e 0 para incorreta, utilizando critério OECD/INFE, que recomenda acertos de, no mínimo, 70% das questões. Os resultados mostraram que os estudantes de modo geral possuíam bons hábitos para compras e controle do orçamento pessoal ou familiar. Dois aspectos negativos foram em relação à baixa adesão a seguros e planejamento de aposentadoria, quando a maioria deles afirmou não possuir seguro e encontrar-se despreocupado com a aposentadoria. Quanto ao conhecimento financeiro, o nível de acertos foi de 56%, uma vez que 75% a 98% dos estudantes acertou cinco entre nove questões apresentadas. Considerando este nível de acertos para conhecimento financeiro, os resultados positivos e outros que precisam ser melhorados em hábitos financeiros, avalia-se que os estudantes ainda necessitam adquirir novos conhecimentos e hábitos financeiros para se tornarem efetivamente alfabetizados financeiramente.</p> Bruna Manoela Albano Acosta Ivanira Correia de Oliveira Queila Franciele Fabris Bosio Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 133 152 10.22481/ccsa.v18i32.9245 Eficiência dos gastos públicos com segurança nos municípios baianos em 2018 https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9246 <p>A criminalidade se tornou um dos maiores problemas sociais brasileiro no período recente, gerando um custo social ao impedir o desenvolvimento de atividades econômicas, como também redução na qualidade de vida advinda pelos danos morais e perdas de vidas. No Nordeste brasileiro e, particularmente, na Bahia, este problema tem sido mais evidente, sendo relevante investigar a alocação dos recursos públicos destinados ao combate da criminalidade. Desta forma, este estudo se propõe analisar a eficiência dos gastos públicos municipais com segurança na Bahia. Para tal, utilizou-se o método de Análise Envoltória de Dados (DEA) sob a orientação produto, cujos insumos foram obtidos junto ao Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro e os produtos foram extraídos da Secretaria de Segurança Pública da Bahia, ambos para o ano de 2018. Os resultados indicam que parcela majoritária da amostra de municípios baianos analisados está aplicando o insumo de modo indevido. Constata-se também que não necessariamente os maiores dispêndios realizados com segurança pública promovem melhores níveis de eficiência.</p> Manoel Alexandre de Lucena Wescley de Freitas Barbosa Eliane Pinheiro de Sousa Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 153 172 10.22481/ccsa.v18i32.9246 Relação entre Desempenho Econômico-financeiro e Performance Esportiva dos principais Clubes de Futebol do Estado de São Paulo https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9252 <p>Esta pesquisa teve como objetivo analisar se indicadores econômico-financeiros dos principais clubes de futebol do estado de São Paulo estão atrelados aos resultados esportivos conquistados por essas agremiações. A metodologia propôs o estudo de correlação entre as variáveis independentes: Receita Bruta; Despesa com Salário; Ebit; Endividamento; e a variável dependente: ranking CBF, ao testar duas hipóteses; a H0: Não existe correlação estatística significante entre indicadores financeiros e desempenhos esportivos dos principais clubes de futebol paulistas; e, a H1: Existe correlação estatística significante entre indicadores financeiros e desempenhos esportivos dos principais clubes de futebol paulistas, por meio da ferramenta estatística ‘Correlação de Spearman’. Os principais achados mostraram que, especificamente para Palmeiras e Corinthians, maiores receitas guardaram correlação com melhores resultados esportivos, da mesma maneira que menores receitas guardaram correlação com piores resultados esportivos. Todos os demais resultados não se apresentaram estatisticamente significantes, quando testados ao nível de significância de 5%, ou inferiores. Assim, não se pôde afirmar que maiores despesas com salários; melhores marcadores EBIT e maior ou menor endividamento estivessem correlacionados a melhores ou piores performances esportivas dos clubes da amostra. Assim, não se pôde rejeitar a hipótese H0. Os principais clubes do estado de São Paulo, especificamente, não apresentaram comportamento isolado diverso de estudos anteriores que englobavam amostra nacional.</p> Elvis Lima Batista Kleber da Silva Cajaiba Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 173 190 10.22481/ccsa.v18i32.9252 Análise da distribuição da riqueza gerada por meio da Demonstração do Valor Adicionado https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9256 <p>Este estudo analisa, por meio da Demonstração do Valor Adicionado (DVA), a formação da riqueza gerada de duas empresas do setor de água e saneamento listadas na B3 (Brasil, Bolsa, Balcão), a Sabesp, de economia mista, e a Iguá, de economia privada, no período de 2013 a 2018. A pesquisa caracteriza-se como qualitativa e quantitativa e o método utilizado foi o estudo de caso, com análise documental, de natureza descritiva. Conforme os resultados, tanto a Sabesp quanto a Iguá possuem quase os mesmos valores com relação à distribuição de riqueza entre empregados e governo. Nos índices de participação de terceiros, a empresa Iguá possui números maiores, ao passo que, na participação dos acionistas, a Sabesp é que sobressai. Com relação aos agentes privados, a Sabesp distribui mais para terceiros, enquanto a Iguá faz uma maior distribuição para os acionistas.</p> José Antonio Marcelino Danielle dos Santos Gustavo V. C. Gouveia Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 191 202 10.22481/ccsa.v18i32.9256 Impactos socioambientais nas construções de barragens hidrelétricas https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9258 <p>O presente artigo possui como objetivo geral definir e traçar análise sob a implantação de barragens hidrelétricas no Brasil. O estudo sobre os impactos causados por tais construções é realizado por intermédio do prisma econômico, social e ambiental. Para o estudo, parte-se da vertente jurídico-sociológica e utiliza-se a metodologia de pesquisa teórica, a partir de uma revisão bibliográfica pautada em documentos que evidenciam o tema exposto. Como resultado da pesquisa, infere-se que existe na construção de tais empreendimentos uma assimetria de poder, que origina uma apropriação social sobre os conflitos socioambientais, na medida em que a utilização dos espaços ambientais ocorre em detrimento do uso que outros segmentos sociais fazem do território. Dessa maneira, constata-se que barragens hidrelétricas são geradoras de injustiça ambiental, visto que são construídas e implementadas com a finalidade precípua de beneficiar determinados setores econômicos, em prol de direitos fundamentais da comunidade direta e indiretamente afetada.</p> Alessandra Renata Freitas Fontes Dante Severo Giudice Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 203 218 10.22481/ccsa.v18i32.9258 Dilemas sociais e caracterização dos indivíduos: um estudo aplicado ao comportamento empático e impaciente https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9259 <p>A Economia Comportamental (EC), ao estudar o comportamento pró-social, utiliza um conjunto de ferramentas de análise do agente econômico, pois diferentemente da maximização individual, postulada na economia tradicional como fonte de equilíbrio, o melhor resultado, em contextos conhecidos como dilemas sociais, é fruto da maximização coletiva. Os comportamentos empáticos e impacientes se destacam como latentes ao pró-social, impactando diretamente os dilemas sociais. Desse modo, busca-se entender como as características socioeconômicas, biológicas e motoras podem afetar tais comportamentos e, por conseguinte, influenciar o trato dos dilemas. Para alcançar o público dessa pesquisa utilizou-se o sistema de formulários aplicados de forma <em>online,</em> com questões referentes às características, bem como os jogos propostos para estudar a impaciência e a empatia. Encontrou-se relação entre gênero, idade, lateralidade, filhos, crença e os comportamentos empáticos e impacientes, bem como uma correlação negativa entre os comportamentos estudados. Destaca-se que quanto maior o custo envolvido (podendo adicionar custo afetivo ou custo de oportunidade) na situação, menor a empatia.</p> Murilo Florentino Andriato Mara Lucy Castilho Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 219 239 As startups no ordenamento jurídico: uma leitura comparada dos ecossistemas de startups na Argentina, no Chile e no Brasil https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9263 <p>Este artigo tem como objetivo buscar possíveis soluções para os obstáculos legislativos e culturais que as startups enfrentam no Brasil, por meio de uma na&nbsp;&nbsp;&nbsp;&nbsp;&nbsp;&nbsp;&nbsp; álise teórica e comparada dos institutos jurídicos e costumes empresariais dos ecossistemas jurídicos em que as empresas de caráter inovador argentinas e chilenas estão inseridas. Pretende, também, evidenciar a necessidade de modernização das legislações que influenciam na dinâmica das startups, bem como de estimular o fomento e o auxílio governamental às atividades empresariais inovadoras de pequeno e médio porte no Brasil, além de apresentar os principais conceitos caracterizadores dessas empresas, sua dinâmica e importância no cenário empresarial globalizado.</p> Ingrid Iana Matos Anunciação Gabriela Andrade Fernandes Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 240 255 10.22481/ccsa.v18i32.9263 Características de saúde estão correlacionadas com o desempenho de estudantes em testes padronizados? https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9493 <p>A importância da educação para o desenvolvimento econômico e social de um país é consenso nas literaturas nacional e internacional. Devido a isso, conhecer quais fatores estão correlacionados e podem, em alguma medida, ter impacto no desempenho educacional, é uma ação necessária e tem sido pauta de discussão entre pesquisadores em todo o mundo todo. No Brasil, o impacto da saúde na educação é um assunto pouco estudado, possivelmente em virtude de dois fatores, a ausência de base de dados com informações detalhadas sobre o tema e problemas de endogeneidade, os quais surgem quando há uma tentativa de mensurar esse efeito. Nesse sentido, o objetivo deste trabalho foi estimar a correlação entre características de saúde e o desempenho médio em Português e Matemática dos estudantes da 8ª série/9ºano das escolas públicas das capitais brasileiras e do Distrito Federal. Para tal, foram estimados modelos de mínimos quadrados ordinários com base na PeNSE 2009 e 2012 e nas Provas Brasil de 2009 e de 2011. O estudo mostrou que a prática de atividade física igual ou superior a 300 min por semana tem correlação positiva com o desempenho em Português e em Matemática; revelou ainda que ter sido agredido por algum adulto da família tem correlação negativa com o desempenho em ambas as disciplinas; outra evidência, comer frutas cinco vezes ou mais por semana está positivamente correlacionado à performance em Matemática.</p> Denize Mirian da Silva Darcy Ramos da Silva Neto Éder de Souza Beirão Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 256 272 Memória e história do Movimento de Mulheres de Vitória da Conquista: surgimento e influências https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9495 <p>Este artigo é excerto de um estudo maior sobre a memória e a história do surgimento do Movimento de Mulheres do município de Vitória da Conquista, realizado sob as influências do movimento feminista e do movimento de mulheres do Brasil. Esse também foi o tema da dissertação de Mestrado: “Memória e vontade de contar: o Movimento de Mulheres de Vitória da Conquista”, defendida no Programa de Pós-Graduação em Memória Linguagem e Sociedade, da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB). O objetivo é resgatar e mostrar a história do Movimento de Mulheres do referido município como resultado das influências do movimento de mulheres no âmbito nacional. Trata-se, portanto, de um trabalho de cunho teórico e descritivo, em que, para uma melhor compreensão do tema, dialogamos com importantes autores que se debruçaram ou se debruçam sobre a temática feminina, especialmente aqueles voltados para os movimentos feministas e de mulheres, a exemplo de Soares (1994; 1995), Costa (1997; 1998), Pinto (2003), Teles (1999; 2006), e analisamos material escrito e digitalizado, como legislações, atas, jornais, artigos científicos, dissertações e teses.</p> Maria Helena Ferraz de Oliveira Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 273 289 10.22481/ccsa.v18i32.9495 Satisfação dos usuários do aplicativo de compra on-line da Rede Pontual Supermercados https://periodicos2.uesb.br/index.php/ccsa/article/view/9496 <p>Nos últimos anos, as novas tecnologias ocupam cada vez mais espaço em nosso meio e têm facilitado o trabalho no dia a dia das empresas (ALVES, 2009; GONÇALVES, 2007). Cientes dessa realidade, muitos estabelecimentos buscaram conciliar os benefícios resultantes da utilização de softwares à necessidade de atrair e fidelizar clientes. Nesse sentido, esta pesquisa tem o objetivo de identificar os principais fatores geradores de satisfação com o uso do aplicativo de compra <em>on-line</em> da rede Pontual Supermercados, localizada no município de Ituiutaba, estado de Minas Gerais. O método utilizado foi o estudo de caso (BARDIN, 2010; VERGARA, 2015; YIN, 2005), com análise descritiva e interpretativa de conteúdo, e o instrumento de coleta de dados um questionário (<em>survey</em>). Os resultados do diagnóstico realizado entre usuários do aplicativo Pontual mostram que fatores como comodidade, rapidez, economia de tempo, promoções, preços e bonificações interferem na satisfação e contribuem significativamente para a fidelização de usuários/clientes, conforme demonstram os estudos de Alberto (2009), Gonçalves (2007) e Lima (2001). A presente pesquisa pode concorrer para ampliar o debate sobre o tema, bem como auxiliar a rede Pontual Supermercados e outras organizações do mesmo ramo de atividade na tomada de decisões e na escolha de um método (aplicativo de compra on-line) que, além de atrair clientes, reduz custos, concorre para a racionalização de processos (como a redução de panfletos e materiais impressos, por exemplo) e, consequentemente para a responsabilidade socioambiental.</p> Eduardo Júnio de Araújo Edson Arlindo Silva Rafaella Dutra Goulart Copyright (c) 2021 Cadernos de Ciências Sociais Aplicadas http://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0 2021-09-17 2021-09-17 290 305 10.22481/ccsa.v18i32.9496