Discurso Humorístico e Representações do Feminino (Humoristic Discourse and Female Representation)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/el.v5i1.1048

Palavras-chave:

Representações do feminino, Humor, Análise do discurso

Resumo

Este trabalho retoma questões clássicas da Análise do Discurso, em especial a da relação entre um certo discurso e suas condições históricas de produção. O objetivo é formular questões sobre a relação entre discursos humorísticos que representam à sua maneira aspectos ou cenas da vida feminina e as condições sociais e históricas “reais”. Assim, espera-se, também podem ser explicitadas mais claramente certas características dos discursos humorísticos.
PALAVRAS-CHAVES: Representações do feminino. Humor. Análise do discurso.

ABSTRACT
This work revisits some traditional concernings of Discourse Analysis with special emphasis on the relationship between a discourse and its historical production conditions. The goal of this paper is to raise some questions about the relationships between humor discourses that approach in their particular ways aspects or scenes of woman´s life in relation to “actual” social and historical conditions. In this way, one can say that the ultimate goal of this work is to shed a light on some features of humoristic discourse.
KEYWORDS: Female representations. Humor. Discourse analysis.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Sírio Possenti, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp/Brasil)

Sírio Possenti é doutor em Lingüística e Livre docente pela Universidade Estadual de Campinas – Unicamp/Brasil; professor da graduação e do Programa de Pós-Graduação em Lingüística do Instituto de Estudos da Linguagem, da Unicamp; líder do grupo de pesquisa Questões de teoria e de análise em análise do discurso (Unicamp/CNPq); pesquisador do grupo de pesquisa Projeto Integrado em Neurolingüística: elaboração de banco de dados e de protocolos de avaliação (Unicamp/CNPq); autor de vários artigos publicados em periódicos nacionais e internacionais; autor de vários capítulos de livros; autor e co-organizador de vários livros. Tem experiência na área de Lingüística, com ênfase nas subáreas Teoria e Análise Lingüística e Análise de Discurso. Temas de pesquisa: semântica global; discurso, sujeito e sentido; indícios de autoria; discurso e humor; mídia e memória discursiva; discurso político.

Referências

AMOSSY, R.; PIERROT, A. H. Estereotipos y clichés. Buenos Aires: Eudeba, 2001.
BLUSTAN, S. A paranóia do segundo sexo. Mais! São Paulo: Folha de São Paulo, p. 10, 08 mai. 2005.
FOUCAULT, M. A ordem do discurso. S. Paulo: Edições Loyola, 1971.
FOUCAULT, M. Retornar à história. In: ______. Ditos e escritos II. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1972. p. 282 295
GUESPIN, L. Problematique des travaux sur le discours politique. Langages, Paris, n. 23, p. 3-4, 1971.
MAINGUENEAU, D. Análise de textos de comunicação. São Paulo: Cortez Editora. 1998.
MAINGUENEAU, D. Análise do discurso: novas tendências. Campinas: Editora Pontes; Editora da Unicamp, 1987.
MEZAN, R.. A “Ilha dos tesouros”; relendo A piada e sua relação com o inconsciente. In: SLAVUTZKY, A.; KUPERMANN, D. (Org). Seria trágico... se não fosse cômico; humor e psicanálise. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira. 2005. p. 129-198.
PÊCHEUX, M. Discurso: estrutura ou acontecimento. Campinas: Editora Pontes, 1970.
FONSECA-SILVA, M. da C. Os discursos do cuidado de si e da sexualidade em Claudia, Nova e Playboy. 354 p. Tese (Doutorado em Lingüística) – Instituto dos Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2003. Inédita.
SKINNER, Q. Hobbes e a teoria clássica do riso. São Leopoldo: Editora Unissinos, 2002.

Downloads

Publicado

2007-06-30

Como Citar

POSSENTI, S. Discurso Humorístico e Representações do Feminino (Humoristic Discourse and Female Representation). Estudos da Língua(gem), [S. l.], v. 5, n. 1, p. 63-94, 2007. DOI: 10.22481/el.v5i1.1048. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/1048. Acesso em: 7 dez. 2021.