Efeitos sentido, descrição/interpretação e Veja como lugar de memória discursiva (Effets de sens, description/interpretation et de Veja comme lieu de mémoire discursive)

Autores

  • Ricardo Pereira Vieira Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb/Brasil)
  • Maria da Conceição Fonseca-Silva Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb/Brasil) http://orcid.org/0000-0001-6540-3810

DOI:

https://doi.org/10.22481/el.v11i2.5493

Palavras-chave:

Memória, Mídia, Política, Hugo Chávez, Efeito de sentido

Resumo

Neste artigo, discutimos o sentido como efeito e apresentamos resultados do um gesto de descrição/interpretação de formulações linguísticas e imagéticas, selecionadas do corpus constituído de edições da revista Veja, que circularam na primeira década do século 21 e discursivizam sobre Hugo Chávez, enquanto presidente da Venezuela. A análise é sustentada pelo aporte teórico da Análise de Discurso.
PALAVRAS-CHAVE: Memória. Mídia. Política. Hugo Chávez. Efeito de sentido.

RESUMÉ
Dans cet article, nous présentons les résultats de un acte du 'interprétation/interprétation de formulations linguistiques et de image, sélectionnez du corpus composée d'éditions du magazine Veja, qui circulait dans la première décennie du 21e siècle et discursivizam sur Chavez comme président du Venezuela. L'analyse est soutenue par le cadre théorique de l'analyse du discours.
MOTS-CLÉS: Mémoire. Médias. Politique. Hugo Chávez.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ricardo Pereira Vieira, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb/Brasil)

Ricardo Pereira Vieira é Mestre em Linguística pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (2013); mestre em Memória: Linguagem e Sociedade pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (2009) com estágio na Universidad Nacional del Litoral - UNL, Argentina (2009). É Doutor em Memória: Linguagem e Sociedade pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. Membro do Grupo de Pesquisa em Análise de Discurso - GPADis (CNPq/Uesb). Tem experiência na área de Direito, Análise de Discurso e Filosofia com ênfase em Foucault, atuando principalmente nos seguintes temas: discurso político e discurso jurídico.

Maria da Conceição Fonseca-Silva, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb/Brasil)

Maria da Conceição Fonseca-Silva é Doutora em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (2003). Realizou estágio de Pós-Doutorado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (2006/2007). É Pesquisadora nível 2 do CNPq. Atualmente é professora Titular/Pleno do Departamento de Estudos Linguísticos e Literários, da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, onde atua como professora pesquisadora do quadro permanente do Programa de Pós-Graduação em Linguística (PPGLin-Uesb) e do quadro permanente do Programa de Pós-Graduação em Memória: Linguagem e Sociedade (PPGMEMORIALS-Uesb). Atuou na Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Memória: Linguagem e Sociedade (PPGMEMORIALS-Uesb), desde a implantação do curso de mestrado em 2008 ate fevereiro de 2013. É líder do Grupo de Pesquisa em Análise de Discurso (GPADis/Uesb/CNPq) e do Grupo de Pesquisa em Estudos da Língua(gem) (GPEL/Uesb/CNPq). Tem experiência na área de disciplinar de Linguística e na área multidisciplinar de Memória, com ênfase em Análise de Discurso, atuando principalmente nos seguintes temas: efeitos-sujeito e efeitos-sentido, memória discursiva, discurso político e discurso jurídico, corrupção política, mídia, sujeito mulher.

Referências

FONSECA-SILVA, Maria da Conceição. Materialidades Discursivas: A fronteira ausente (Matérialités Discursives: La frontiere absente). Estudos da Língua(gem), [S.l.], v. 1, n. 1, p. 91-97, nov. 2003. ISSN 1982-0534. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/982>. Acesso em: 23 ago. 2013.
FONSECA-SILVA, M. da C. Poder-Saber-Ética nos Discursos do Cuidado de Si e da Sexualidade. Vitória da Conquista: Edições Uesb, 2007b.
FONSECA-SILVA, M. da C. Mídia e lugares de memória discursiva. In: FONSECA-SILVA, M. da C.; POSSENTI, S. (Org.). Mídia e Rede de Memória. Vitória da Conquista: Edições Uesb, 2007a. p. 11-37.
FONSECA-SILVA, M. C. Memória, mulher e política: do governo das capitanias à presidência da república, rompendo barreiras. In: TASSO, I.; NAVARRO, Pedro. (Org.). Produção de identidades e processos de subjetivação em práticas discursivas. Maringá: Eduem, 2012, v. 1, p. 183-208
FOUCAULT, M. A arqueologia do saber. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2007. Edição original: 1969.
FOUCAULT, M. A ordem do discurso. São Paulo: Edições Loyola, 2006. Edição original: 1971.
GRIGOLETTO, Evandra. A Noção de Sujeito em Pêcheux: uma Reflexão acerca do Movimento de Desidentificação (La Notion du Sujet en Pêcheux: une Reflexión sur Le Mouvement de Desidentification). Estudos da Língua(gem), [S.l.], v. 1, n. 1, p. 61-67, maio 2005. ISSN 1982-0534. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/978>. Acesso em: 15 ago. 2013.
PÊCHEUX, M. O discurso: estrutura ou acontecimento. Campinas: Pontes, 2008. Edição original: 1983a.
PÊCHEUX, M. Papel da Memória. In: ACHARD, Pierre et al. Papel da Memória. Campinas: Pontes, 1999. p. 49-57. Edição original: 1983b.

Downloads

Publicado

2013-12-30

Como Citar

VIEIRA, R. P.; FONSECA-SILVA, M. da C. Efeitos sentido, descrição/interpretação e Veja como lugar de memória discursiva (Effets de sens, description/interpretation et de Veja comme lieu de mémoire discursive). Estudos da Língua(gem), [S. l.], v. 11, n. 2, p. 195-209, 2013. DOI: 10.22481/el.v11i2.5493. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/5493. Acesso em: 7 dez. 2021.