A multifuncionalidade do verbo poner em língua espanhola: descrição e usos (The multifunctionality of the verb poner in Spanish: description and usage)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/el.v19i4.8664

Palavras-chave:

Verbo poner, Multifuncionalidade, Taxonomia verbal, Padrões de uso, Espanhol como língua estrangeira.

Resumo

O comportamento sintático-semântico do verbo poner em língua espanhola é multifuncional, com padrões de uso diferenciado em construções locativas e de mudança de estado. Neste estudo, apresentamos a abordagem dada a este verbo em descrições sob diferentes perspectivas teórico-metodológicas e aplicamos os parâmetros de análise a um conjunto de dados em 150 frases construídas com poner retiradas do CORPES (Corpus del Español del Siglo XXI), a fim de observar a produtividade do uso. A classificação permitiu identificar os seguintes padrões de uso de poner como: (i) verbo-suporte (El señor nos pone a prueba); (ii) verbo pleno (Puso la botella en el suelo); (iii) construção gramatical (Se pusieron a cantar); (iv) verbo operador causativo (Aquel asunto la ponía nerviosa); e (v) constituinte de expressão cristalizada (Puso el grito en el cielo). Estes resultados permitem reflexões sobre a complexidade sintático-semântica de poner e evidenciam aspectos a serem considerados em programas de ensino de línguas para falantes de espanhol como língua estrangeira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Roana Rodrigues, Universidade Federal de Sergipe

Doutora em Linguística pela UFSCar e professora no Departamento de Letras Estrangeiras da UFS. Suas pesquisas têm caráter interdisciplinar e estão voltadas atualmente aos estudos lexicográficos, à descrição sintático-semântica das línguas portuguesa e espanhola e ao ensino de espanhol.

Referências

ARAÚJO, A. A.; LAVOR, C. M. A.; PEREIRA, M.L. Os verbos botar e colocar no falar de Fortaleza-CE. Revista (Con)Textos Linguísticos, v. 14, n. 29, 2020.

BARRETO, K. H.; DE OLIVEIRA, N. F.; CUNHA, P. F. A. A variação dos verbos colocar e botar na modalidade oral da língua. Revista de Linguística e Teoria Literária, 2012.

CHAVES, M. F. F. Campo semântico e usos dos verbos “colocar”, “botar” e “pôr” no português do Brasil: uma contribuição ao ensino de PL2E. Monografia - Especialização de Formação de Professores de Português para Estrangeiros, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2014.

COAN, M.; FREITAG, R. M. K.; PONTES, V. O. Aspecto inerente: análise sociofuncional de formas verbais imperfectivas de passado em espanhol. Signum: Estudos da Linguagem, v. 16, n. 2, 2013.

ESPANHOLA, Real Academia. Banco de datos (CORPES XXI). Corpus del Español del Siglo XXI (CORPES). Disponível em: <https://www.rae.es/banco-de-datos/corpes-xxi>. Acesso em março de 2021.

ESPAÑOLA, Real Academia; ESPAÑOLA, Asociación de las academias de la lengua. Diccionario de la Lengua Española, 2014. Disponível em: <http://dle.rae.es/>. Acesso em março de 2020.

FREITAG, R. M. K. Variação em categorias verbais: correlações entre forma e função. Estudos Linguísticos (São Paulo. 1978), v. 40, n. 2, 2011.

GARCÍA-MIGUEL, J. M.; COSTAS, L.; MARTÍNEZ, S. Diátesis verbales y esquemas construccionales: Verbos, clases semánticas y esquemas sintáctico-semánticos en el proyecto ADESSE. In: VI Congreso Internacional de Lingüística Hispánica. Leipzig, 2003.

GARCÍA-MIGUEL, J. M. Verbos aspectuales en español. La interacción de significado verbal y significado construccional. In: Estudos em Homenagem do Professor Doutor Mário Vilela, 2005. Disponível em: <https://ler.letras.up.pt/uploads/ficheiros/4576.pdf >. Acesso em fevereiro de 2021.

GROSS, M. Méthodes en syntaxe. Paris: Hermann, 1975.

GROSS, M. Les bases empiriques de la notion de prédicat sémantique. Langages, 1981.

GROSS, M. La fonction sémantique des verbes supports. Travaux de Linguistique, v. 37, n. 1, 1998.

JIMÉNEZ SÁNCHEZ, S. Sintaxis y semántica: el significado de los verbos. 2008. Disponível em: <https://www.researchgate.net/profile/Santiago-U-Sanchez/research>. Acesso em fevereiro de 2021.

LAVOR, C. M. A.; ARAÚJO, A. A.; VIANA, R. B. Botar o filho pela boca! Os verbos botar e colocar no falar de Fortaleza-CE sob o viés variacionista. Intercâmbio, v. 44, 2020.

NOBRE, J. L. Análise sociofuncionalista das formas verbais imperfectivas de passado no espanhol oral de Granada. Dissertação (Mestrado em Linguística). Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2019.

PEREIRA, D. I. Construcciones de movimiento causado con el verbo poner: un estudio de corpus. Literatura y lingüística, n. 27, 2013.

PICOLI, L. Contínuo e limite entre expressão cristalizada e construção com verbo-suporte à luz do Léxico-Gramática. Tese (Doutorado em Linguística). Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2020.

PLAIS, P. P. O. A valência do verbo colocar e as diáteses de colocação. Dissertação (Mestrado em Linguística). Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2017.

PONTES, V, O. A multifuncionalidade do pretérito imperfeito e das perífrases imperfectivas de passado em espanhol. In: Actas del XV Congreso Brasileño de Profesores de Español. Recife: Editora UFPE, 2014.

RASSI, A. P.; VALE, O. A. Tipologia das construções verbais em PB: uma proposta de classificação do verbo dar. Caligrama: Revista de Estudos Românicos, v. 18, 2013.

RODRIGUES, R. Contribuições para um léxico-gramática das construções locativas do espanhol. Tese (Doutorado em Linguística). Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2019.

RODRIGUES, R.; VALE, O. V.; BAPTISTA, J. Relações formais entre expressões cristalizadas e as construções verbais locativas livres. Revista do GELNE, v. 21, 2019.

SANROMÁN VILAS, B. La representación de las relaciones espaciales en la descripción de los verbos de apoyo. In: Meaning, Texts and other Exciting Things: A Festschrift to Commemorate the 8th Anniversary of Professor Igor Alexandrovic Mel’čuk. Moscú: Jazyki Slavjanskoj Kultury, 2012.

SANTOS, J. C. Verbos de cambio de estado: análise de traduções em espanhol e português. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Letras Português/Espanhol). Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2020.

TSUTAHARA, R. Medir la dificultad léxica de verbos transitivos: los casos de poner, tomar, llevar, dar y sacar. HISPANICA/HISPÁNICA, 2019.

Downloads

Publicado

2021-12-30

Como Citar

RODRIGUES, R. A multifuncionalidade do verbo poner em língua espanhola: descrição e usos (The multifunctionality of the verb poner in Spanish: description and usage). Estudos da Língua(gem), [S. l.], v. 19, n. 4, p. 209-229, 2021. DOI: 10.22481/el.v19i4.8664. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/8664. Acesso em: 20 maio. 2022.