The The Bolsa Familia program in small cities of northeast Brazil: the case of Alcâtaras and Frecheirinha / CE

Authors

DOI:

https://doi.org/10.22481/rg.v3i3.5744

Keywords:

Small Towns. Bolsa Família Program. Beneficiaries.

Abstract

El presente trabajo es un estudio sobre los impactos del Programa Bolsa Família (PBF) en dos pequeñas ciudades de la Región Metropolitana de Sobral: Alcântaras y Frecheirinha. Para llevar a cabo esta investigación, realizamos trabajo de campo y aplicación de cuestionarios. Son dos ciudades con predominio de distintas actividades económicas. Sin embargo, observamos que el PBF representa una fuente importante de ingresos para las familias de ambas ciudades, que se utiliza para comprar bienes y servicios, y también aumenta su poder adquisitivo, lo que a su vez estimula la producción de los sectores de actividad. Esta rotación ha impulsado la economía al generar empleo e ingresos en las empresas locales y las ciudades circundantes, impactando las vidas de los beneficiarios y no beneficiarios.

 

Palabras clave: Ciudades pequenas. Programa Bolsa Família. Beneficiarios.

Downloads

Download data is not yet available.

Metrics

Metrics Loading ...

Author Biographies

Bertoni Vasconcelos Diogo, Universidade Estadual Vale do Acaraú-UVA-Brasil

Master's student in Geography at the Graduate Program of Vale do Acaraú State University UVA - Brazil

Virgínia Célia Cavalcante de Holanda, Universidade Estadual do Vale do Acarau - UVA- Brasil

PhD in Geography from the Federal University of Rio Grande do Norte -UFRN- Brazil; Adjunct Professor of the Geography Course at Vale do Acaraú State University - UVA- Brazil

References

ALEGRE, Marcos. Aspectos do fato urbano no Brasil: análise quantitativa pelo método cartográfico. Presidente Prudente: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Unesp de Presidente Prudente, 1970.
BARROS, R. P. de et al,.Determinantes da queda da desigualdade de renda no Brasil. Rio de Janeiro: Ipea ,2010 (Texto para Discussão, n. 1.460).
BEAUJEU-GARNIER, Jacqueline. Geografia Urbana. Fundação Caloutes Gulbenkian, Lisboa, 1980.
BRASIL, Constituição (1988). Constituição [da] República Federativa do Brasil. Brasília: Senado Federal, 1988.
BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário: Relatório de Informações Sociais RI. Disponível em: https://aplicacoes.mds.gov.br/sagi/ri/relatorios/mds/index.php. Acesso em: ago.2019.
BRASIL. Plano Brasil Sem Miséria- PBSM. Disponível em: http://aplicacoes.mds.gov.br/sagirmps/ferramentas/nucleo/grupo.php?id_grupo=69. Acesso em 08 de junho de 2018.
CASTEL, Robert. As metamorfoses da questão social: uma crônica do salário. Petrópolis, RJ: Vozes, 1998.
CASTRO. Josué de. Geografia da Fome: o dilema brasileiro: pão ou aço.- Rio de Janeiro, 1984.
COSTA, Ellem A. C; SCHOR, Tatiana. Redes Urbanas, Abastecimento e o café da manhã de idosas na cidade de Tefé. Amazonas: Elementos para a análise de Alimentação no Brasil. In: Hygeia, v. 9, n. 17, p. 52-73, dez, 2013.
DAMATTA, Roberto. O que faz o brasil, Brasil?. Rio de Janeiro: Editora Rocco, 1984.
EIDELWEIN, Karen. Economia Solidária: a produção dos sujeitos (des)necessários. Jundiaí, Paco Editorial: 2011.
GOMES, G. M. Velhas secas em novos sertões: continuidade e mudanças na economia do semi-árido e dos cerrados nordestinos. Brasília: Ipea, 2001.
IANNI, Octávio. O príncipe eletrônico. Departamento de Filosofia e Ciências Humanas- Unicamp- 13081-970- Campinas- SP. Perspectivas, São Paulo. 22: 11-29, 1999.
IBGE- Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Demográfico 1991. Disponível em: http:// http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2000. Acesso em maio de 2019.
IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Arranjos Populacionais e Concentrações Urbanas no Brasil. (2016). Disponível em: http://biblioteca.ibge.gov.br/index.php/bibliotecacatalogo?view=detalhes&id=299700. Acesso em abr. 2019
IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Biblioteca. Disponível em: http://biblioteca.ibge.gov.br. Acesso em maio de 2019.
IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo Demográfico 2000. Disponível em: http:// http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2000. Acesso em maio de 2019.
IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Cidades@. Disponível em: <http://cidades.ibge.gov.br/painel/painel.php?codmun=230050>. Acesso em: 07/05/ 2019.
IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Disponível em: https://ww2.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/censo2010/default.shtm. Acesso em maio de 2019.
IPEA- INATITUTO DE PESQUISA ECONOMICA APLICADA. A década inclusiva (2001- 2011): desigualdade, pobreza e políticas de renda. Brasília: Ipea, 25 set. 2012. (Comunicados do Ipea, n.155).
IPECE – Instituto de Pesquisa Econômica e Estratégia do Ceará. Perfil Básico Municipal – PBM 2017: Alcântaras. Disponível em: http//: www.ipece.gov.ce. Acesso em 12/09/2018.
IPECE. Perfil Básico Municipal – PBM 2014: Frecheirinha. Disponível em: http//: www.ipece.gov.ce. Acesso em 12/90/2018.
JANNUZZI, Paulo de Martino; PINTO, Alexandre Rodrigues. Bolsa Família e seus impactos nas condições de vida da população brasileira: uma síntese dos principais achados da pesquisa de avaliação de impactos do Bolsa Família II. In: CAMPELLO, T.;
NERI, M. C. (Org.). Programa Bolsa Família: uma década de inclusão e cidadania. Brasília, DF: IPEA, 2013. p. 179–192.
OLIVEIRA, Pedro de. Religião e dominação de classe: gênese e função do catolicismo romanizado no Brasil. Editora Vozes. Petrópolis, 1985.
REGIÃO METROPOLITANA DE SOBRAL- RMS. Disponível em: http://www.pduisobral.com.br. Acesso em 07 de abril de 2019.
SANTANA, Antonia Neide Costa. O urbano no semiárido: pequenas cidades do Ceará em discussão. In: FREITAS, Nilson Almino de; JÚNIOR, Marta Maria; HOLANDA, Virgínia Célia Cavalcante (organizadores) Múltiplos olhares sobre a cidade e o urbano: Sobral e Região em Foco. Sobral: UECE/UVA, 2010.
SANTANA, Jomar Álace. A evolução dos programas de transferência de renda e o Programa Bolsa Família. Seminário População, Pobreza e Desigualdade, Belo Horizonte, p. 1-19, 2007.
SANTOS, Milton. O período técnico-científico e os estudos geográficos. Revista do Departamento de Geografia, São Paulo, v.4, p.15-20, 1985.
SANTOS, Milton. A redescoberta da Natureza. Revista Estudos Avançados, Universidade de São Paulo, V. 6, n. 14, jan/abril, 1992.
SANTOS, Milton A Natureza do Espaço: Técnica e tempo, Razão e Emoção.- 4. ed. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2006.
SANTOS, Milton. A responsabilidade social dos geógrafos. Jornal de geografia, Uberaba, out, 1985.
SANTOS, Milton. A Urbanização Brasileira.-5. ed., 3. reimpr.- São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2013.
SANTOS, Milton As cidadanias mutiladas. In: LENAR, Julio (org.). O preconceito. São Paulo. Imprensa Oficial do Estado, 1997.
SANTOS, Milton. Metamorfose do espaço habitado. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2014.
SANTOS, Milton. O espaço do cidadão.- São Paulo: Nobel, 1987.
SANTOS, Milton. O Período Técnico-científico e os Estudos Geográficos. Geografia 4: 15-20, 1990.
SANTOS, Milton. O Trabalho do Geógrafo no Terceiro Mundo.- 5. ed. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2013.
SANTOS, Milton. Por uma outra globalização: do pensamento único à consciência universal.-22ª. ed.- Rio de Janeiro: Record, 2012.
SANTOS, Milton; SILVEIRA, Maria Laura. O Brasil: território e sociedade no início do século XXI. ―18a ed.- Rio de Janeiro: Record, 2014.
SILVA, M. Ozanira da Silva e; GUILHON, Maria Virgínia Moreira. O Bolsa Família no contexto da proteção social: significado e realidade das condicionalidades e do Índice de Gestão Descentralizada no Estado do Maranhão. In: Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. (Org.). Avaliação de políticas públicas: reflexões acadêmicas sobre o desenvolvimento social e o combate à fome. Brasília: MDS, 2014, p. 75-99.
WEISSHEIMER, Marco Aurélio. Bolsa Família: avanços, limites e possibilidades do programa que está transformando a vida de milhões de famílias no Brasil. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2006.

Published

2019-12-09

How to Cite

DIOGO, B. V.; HOLANDA, V. C. C. de. The The Bolsa Familia program in small cities of northeast Brazil: the case of Alcâtaras and Frecheirinha / CE. Geopauta, [S. l.], v. 3, n. 3, p. 113-133, 2019. DOI: 10.22481/rg.v3i3.5744. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/geo/article/view/5744. Acesso em: 1 dec. 2021.