A Perenização de rios através da construção de açudes para o combate à seca no semiárido nordestino

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/rg.v6.e2022.e9401

Palavras-chave:

Perenização artificial, Rios intermitentes, Semiárido

Resumo

O presente artigo analisa a perenização dos rios Jaguaribe, Piranhas Açu e Capibaribe, a partir da construção de açudes ao longo dos seus cursos, em decorrência da necessidade de captação de água para o abastecimento de municípios que sofrem com a escassez desse recurso hídrico na Região Hidrográfica Atlântico Nordeste Oriental. A pesquisa possui uma abordagem de cunho bibliográfica e qualitativa. Os resultados da investigação mostraram que, embora as construções de açudes sejam vistas como simples práticas políticas, provocam impactos ambientais como o desmatamento de matas ciliares às margens desses rios. Dessa forma, através de reflexões acerca do tema, compreende-se que essas obras não significam solução definitiva, mas a garantia de fixação, com dignidade, de moradores da região hidrográfica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Manoel Alves de Oliveira, Universidade do Estado da Bahia-UNEB-Bahia- Brasil

Doutor em Geografia pela UFF, Professor Adjunto da Universidade do EStado da Bahia-Campus VI-Caetité-Bahia 

Referências

ANA. Agencia Nacional de Águas, lei federal 9433/97, Brasilia: Ana, 2000.

ANA, Agencia Nacional de Águas: Enquadramento dos corpos de água em classes Brasilia: Ana, 2020, disponível em: https://www.gov.br/ana/pt-br/assuntos/gestao-das-aguas/politica-nacional-de-recursos-hidricos/enquadramento-dos-corpos-de-agua-em-classes, acesso em Nov.2021.

ASSUNÇÃO, Luiz Márcio & LIVINGSTONE, Ian. Água, seca e desenvolvimento no Nordeste do Brasil. Recife, SUDENE, 1988.

BRASIL, Agência Nacional de Águas. Outorga de direito de uso de recursos hídricos. Cadernos de capacitação em recursos hídricos ; v.1 vol. 6 .Brasília: SAG, 2011.

BRASIL, Agência Nacional de Águas. Conjuntura dos recursos hídricos no Brasil: regiões hidrográficas brasileiras – Edição Especial. - Brasília: ANA, 2015.

DNOCS, Departamento Nacional de Obras Contra Seca, Castanhão. Brasilia, Dnocs, 2020. Disponível em: https://www.dnocs.gov.br/barragens/castanhao/castanhao.html. Acesso em: 25 de jan. de 2020.

Hidrografia. BRASIL, Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste, SUDENE. Disponível em: http//www.sudene.gov.br/área-de-atuação/região-nordeste- estatísticas/hidrografia. Acesso em: 10 de fev. de 2020.

INMET, Boletim agroclimático, Brasilia: Inmet, 2017

MMA, Caderno da Região Hidrográfica Nordeste Atlântico Oriental, Brasilia: MMA, 2006.

MACHADO, Regina Coeli Vieira. Rio Capibaribe (Recife, PE). In: Pesquisa Escolar. Recife: Fundação Joaquim Nabuco, 2003. Disponível em: https://pesquisaescolar.fundaj.gov.br/pt-br/artigo/rio-capibaribe-recife/ . Acesso em: 6 de jan. 2020.

MOLINAS, Pedro Antônio. Gestão de recursos hídricos no semiárido nordestino: a experiência cearense. Revista Brasileira de Recursos Hídricos. v. 1, n.1 Jan/Jun, 1996, p. 67-88.

OLIVEIRA, Manoel Alves de. Formação de bacia hidrográfica antrópica no sistema fluvial do rio Gavião no sudoeste da Bahia a partir da perenização do seu fluxo de água. Revista Geográfica da América Central. Costa Rica, 2011, p. 1-12.

REBOUÇAS, Aldo da C. Água no Brasil: abundância, desperdício e escassez. Salvador, 2003 v. 13, n. Especial, p. 341-345.

RIBEIRO, Manoel Bomfim. Rede de açudes do Nordeste a maior do planeta Terra. EcoDebate. Disponível em: https://www.ecodebate.com.br/2010/03/28/rede-de-acudes- do-nordeste-a-maior-do-planeta-terra-artigo-de-manoel-bomfim-ribeiro. Acesso em: 19 de fev. de 2020.

Publicado

2023-04-03

Como Citar

JUNIOR, A. P. de C.; NOVAIS, R. P. de .; OLIVEIRA, M. A. de . A Perenização de rios através da construção de açudes para o combate à seca no semiárido nordestino. Geopauta, [S. l.], v. 6, p. e9401, 2023. DOI: 10.22481/rg.v6.e2022.e9401. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/geo/article/view/9401. Acesso em: 21 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos