Contemporaneidade: educação, modernidade e pós-modernidade

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/praxisedu.v19i50.11995

Palavras-chave:

educação escolar, modernidade, pós-modernidade, diversidade

Resumo

Este artigo aborda questões histórico-epistêmicas decorrentes das transformações sociais ocorridas em função dos avanços cibernéticos no mundo da produção, das comunicações, da vida cotidiana, que ganharam força particularmente após a segunda guerra mundial, e, a emergência de novas demandas à educação escolar na contemporaneidade. Discute-se os conceitos de modernidade e pós-modernidade, aborda-se a questão das diferenças e das diversidades sociais e seus impactos na educação, tratando as tensões derivadas dessas situações e o que vem sendo discutido como perspectivas para a educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Bernardete Angelina Gatti, Fundação Carlos Chagas - Brasil

Doutorado em Psicologia pela Universidade de Paris VII; Pós-doutorados na Universidade de Montreal (CA) e na Universidade do Estado da Pensilvânia (USA). Professora aposentada da USP e Pesquisadora Consultora da Fundação Carlos Chagas. Contribuição de autoria: autora.

Referências

ANDRÉ, Marli Eliza Dalmazo Afonso de (org.). Práticas inovadoras na formação de professores. Campinas: Papirus, 2016.

BAUMAN, Zygmunt. Modernidade líquida. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2000.

BECK, Ulrich. A sociedade de risco: rumo a outra modernidade. São Paulo:

Editora 34, 2010.

BOURDIEU, Pierre; PASSERON, Jean-Claude. A reprodução: elementos para uma teoria do sistema de ensino. 7. ed. Petrópolis: Vozes, 2014.

CANDAU, Vera Maria; CRUZ, Giseli Barreto da; FERNANDES, Claudia. (org.) Didática e fazeres-saberes pedagógicos: diálogos, insurgências e políticas. Petropólis: Vozes, 2020.

CANZIANI, Tatiana de Medeiros. Análise da perspectiva integrada do currículo flexibilizado na Licenciatura em Ciências da Universidade Federal do Paraná – setor litoral. 2015. 250f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-09032016-151119/pt-br.php Acesso em: 17 de outubro de 2022.

CARVALHO. José Sérgio Fonseca de. Os ideais da formação humanista e o sentido da experiência escolar. Educação e Pesquisa, v. 43, n. 4, p. 1023-1034, 2017. DOI: 10.1590/S1517-9702201610148595. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ep/a/ZVMwkbKyWZB4GbjDBmQRKzp/abstract/?lang=pt Acesso em: 19 de outubro de 2022.

CASTEL, Robert. As metamorfoses da questão social: uma crônica do salário. Petrópolis: Vozes, 1998.

CASTEL, Robert. A insegurança social: o que é ser protegido? Petrópolis:Vozes, 2005.

CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian. 2002, v.1.

FREIRE, Paulo. Política e educação. São Paulo: Cortez, 1993.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Cortez, 1997.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do Oprimido. 42. ed. Rio de Janeiro, RJ: Paz e Terra, 2005.

GATTI, Bernardete Angelina. Escola: multiculturalidade e universalidade. In: SCHWARTZ, Cleonara Maria; CARVALHO, Janete Magalhães; SIMÕES, Regina Helena Silva; ARAÚJO, Vânia Carvalho de. (org.). Desafios da Educação Básica: a pesquisa em Educação. 1. ed. Vitória: EDUFES, 2007. v. 01, p. 17-27.

GATTI, Bernadete Angelina; SANDES-GUIMARÃES, Luisa Veras de; PUIG, Daniel Fils. Uma cartografia na formação de professores para a Educação Básica: práticas e soluções inovadoras em propostas curriculares [recurso eletrônico]. São Paulo: Instituto de Estudos Avançados, Universidade de São Paulo, 2022. Disponível em:

http://www.livrosabertos.sibi.usp.br/portaldelivrosUSP/catalog/book/840 Acesso em: 10 de outubro de 2022.

GOERGEN, Pedro Laudinor. A crítica da modernidade e educação. Pro-Posições. Campinas, v. 7, n. 2[20], 1996, p.5-28.

HABERMAS, Jürgen. Discurso Filosófico da Modernidade. Lisboa: Dom Quixote, 1990.

LYOTARD, Jean-François. O pós-moderno. 4. ed. Rio de Janeiro: José Olympio, 1993.

MENEZES, Luís Carlos. Educar para o imponderável: uma ética da aventura. Cotia, SP: Ateliê Editorial, 2021.

MESQUITA, Elisete Maria de Carvalho; LIMA, Gyzely Suely (org.) Formação docente: um debate necessário. Uberlândia: IFTM, 2020.

MORIN, Edgard. A noção de sujeito. In: SCHNITMAN, Dora Fried (org.). Novos Paradigmas, cultura e subjetividade. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996, p. 45-56.

MORIN, Edgard. As grandes questões de nosso tempo. Lisboa: Editorial Notícias, 1999.

NEUSCHARANK, Angelica. DALMASO, Alice Copetti; OLIVEIRA, Marilda Oliveira de. Agenciamento cartografia-garimpagem: um modo de produzir pesquisa em educação. Educação, Porto Alegre, v.42, n.1, jan.-abr. 2019, p.3-11. Disponível em: https://revistaseletronicas.pucrs.br/ojs/index.php/faced/article/view/26673 Acesso em: 10 de outubro de 2022.

PASSOS, Eduardo; KASTRUP, Vírginia; ESCÓSSIA, Liliana da. (org.) Pistas do método da cartografia: pesquisa-intervenção e produção de subjetividade. 4.ed. Porto Alegre: Sulina, 2015.

REZENDE, Cyntia de Souza Bastos; VASCONCELOS. Mônica. Entre narrativas e práticas de formação: uma professora, um grupo e um projeto interdisciplinar que muda pequenas realidades. Curitiba: Appris, 2020.

RIBEIRO, Darcy. O povo brasileiro - a formação e o sentido do Brasil. São Paulo, SP: Global, 2015.

SILVA, Gilberto Ferreria da; MACHADO, Juliana Aquino; RECKZIEGEL, Rejane Reckziegel (org.). Saberes em Diálogo: fronteiras entre formação. docência e pesquisa. Canoas: Universidade La Salle Editora, 2020. E-book. Disponível em: https://revistas.unilasalle.edu.br/index.php/books/article/view/8580 Acesso em: 15 de outubro de 2022.

SILVA JÚNIOR, Celestino Alves da. Construção de um espaço público de formação. In: SILVA JÚNIOR, Celestino Alves da; GATTI, Bernardete Angelina; MIZUKAMI, Maria da Graça Nicoletti; PAGOTTO, Maria Dalva Silva; SPAZZIANI, Maria de Lourdes (org.). Por uma revolução no campo da formação de professores. São Paulo: Editora Unesp, 2015. p. 133-148.

UFABC. Universidade Federal do ABC. Plano de Desenvolvimento Institucional 2013-2022. Santo André: UFABC, 2013.

UFMA. Universidade Federal do Maranhão. Pró-Reitoria de Ensino. Departamento de Desenvolvimento do Ensino de Graduação. Projeto Político-Pedagógico do curso de licenciatura interdisciplinar em Ciências Humanas/História. Maranhão: Campus Pinheiro, 2013.

UNESCO. Reimagining our future toghether: A new social contract for education. Report from the International Commission on the futures of education. Open Acess Repository. Paris, 2021. Disponível em:

https://unesdoc.unesco.org/ark:/48223/pf0000379707.locale=en Acesso em: 10 de outubro de 2022.

WELLMER, Albrecht. Razón, utopia, y la dialéctica de la ilustración. In: GIDDENS, Anthoy; HABERMAS, Jürgen; JAY, Martin; MCCARTHY,Thomas; RORTY, Richard; WELLMER, Albrecht; WHITEBOOK, Joel. Habermas y la modernidad. Madrid : Cátedra, 1991. p. 65-110.

Downloads

Publicado

2023-02-03

Como Citar

GATTI, B. A. Contemporaneidade: educação, modernidade e pós-modernidade. Práxis Educacional, Vitória da Conquista, v. 19, n. 50, p. e11995, 2023. DOI: 10.22481/praxisedu.v19i50.11995. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/11995. Acesso em: 17 jul. 2024.