METODOLOGIAS ATIVAS E PARTICIPATIVAS: SEUS CONTRIBUTOS PARA O ATUAL CENÁRIO EDUCACIONAL

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/praxisedu.v15i35.5673

Palavras-chave:

Ensino de adultos, Formação profissional, Metodologias ativas e participativas

Resumo

As assim chamadas “metodologias participativas e ativas de ensino”, uma das principais vertentes do ensino contemporâneo, defendem a centralidade do papel (pró)ativo do aprendente na arquitetura do seu processo de aprendizagem. Ao defender que a aprendizagem transcorra em tempo e contextos reais, próximos à circunstancialidade dos sujeitos, incorporando um alto nível de motivação e de engajamento pessoal, essas metodologias vêm sendo consideradas como as mais favoráveis para discutir e enfrentar os desafios da vida profissional, social e pessoal dos aprendentes. São inúmeros os estudos presentemente realizados no campo das metodologias ativas.Contudo, direcionam-se, majoritariamente, para a aplicação dessas metodologias em determinados contextos de aprendizagem, nos parecendo existir uma lacuna na discussão dos seus princípios e bases gerais. Assim, o presente artigo propõe-se colaborar para essa discussão, elaborando uma tessitura das principais definições dessas metodologias, os princípios epistemológicos que se encontram subjacentes, bem como suas limitações, potenciais e vertentes mais atuais. Metodologicamente, trata-se de uma síntese conceitual de literatura, realizada a partir de documentos de referência no campo das metodologias ativas e participativas, em especial considerando aqueles que analisam o emprego dessas metodologias no ensino de adultos e na formação profissional. Como resultados, argumentamos que as metodologias ativas e participativas podem colaborar para qualificar o ensino de adultos e a formação profissional, desde que não se restrinjam a instrumentalizar o processo formativo, organizando-se para desenvolver uma aprendizagem significativamente profunda, tanto em termos de compreensão, como de desenvolvimento de habilidades e de engajamento com a valorização da vida pessoal e comunitária.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Luísa Bissoto, Centro Universitário Salesiano de São Paulo - Brasil

Doutora em Educação pela Universidade Metodista de Piracicaba (UNIMEP). Programa de Pós-graduação em Educação, Centro Universitário Salesiano de São Paulo, Americana.

Susana Caires, Universidade do Minho - Portugal

Doutora em Psicologia pela Universidade do Minho. Professora da Universidade do Minho, Braga, Instituto de Educação, Centro de Investigação em Educação (CIEd).

Downloads

Publicado

2019-10-01

Como Citar

BISSOTO, M. L.; CAIRES, S. METODOLOGIAS ATIVAS E PARTICIPATIVAS: SEUS CONTRIBUTOS PARA O ATUAL CENÁRIO EDUCACIONAL. Práxis Educacional, [S. l.], v. 15, n. 35, p. 161-182, 2019. DOI: 10.22481/praxisedu.v15i35.5673. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/5673. Acesso em: 26 set. 2021.