Sistema de avaliação de periódicos no Brasil: Impactos da evolução dos critérios do Qualis-periódicos da Área de Educação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/praxisedu.v18i49.9388

Palavras-chave:

Qualis-periódicos, Produção científica, Sistema de avaliação

Resumo

O artigo analisa a produção do Qualis-Periódicos da área de Educação, no período de 2010 a 2018 – triênio 2010 a 2012; quadriênio 2013 a 2016 e avaliação de meio termo sobre os anos 2017 e 2018. O instrumento serve para avaliar a produção de docentes do Sistema de Pós-graduação no Brasil, embora seja frequentemente utilizado para outros fins. É possível determinar dois tipos de mudança nos critérios de avaliação: uma incremental, entre o triênio e o quadriênio; outra de ruptura, quando em 2019, na avaliação de meio termo, introduz-se um novo fator para medir impacto ou citação. As análises da pesquisa estão fixadas sobre fontes documentais: os próprios Qualis e os documentos orientadores e avaliativos da Área da Educação. Os dados demonstram um aumento considerável na estratificação dos periódicos ocasionada pela objetivação dos critérios, nos primeiros períodos, e uma ruptura no último; uma diminuição drástica do universo de avaliação com a introdução do princípio de área mãe; e uma incerteza quanto à avaliação que virá em 2021.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Laís Zaccaro Sene, Faculdade de Ciências e Letras (FCLAr/UNESP)

Mestranda em Educação Escolar.

José Luís Bizelli, Universidade Estadual Paulista – Brasil

Livre docente, Faculdade de Ciências e Letras (FCLAr/UNESP) – Brasil; Programa de Pós-Graduação em Educação Escolar. Pesquisador Bolsista de Produtividade em Pesquisa 2 – CNPq. Coordenador Nacional FEPAE.

Referências

AZEVEDO, Mário Luiz Neves; OLIVEIRA, João Ferreira de; CATANI, Afrânio Mendes. O Sistema Nacional de Pós-graduação (SNPG) e o Plano Nacional de Educação (PNE 2014-2024): regulação, avaliação e financiamento. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, v. 32, p. 783-803, 2016. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/rbpae/article/view/68576. Acesso em: 01 abr. 2021.

BARRADAS BARATA, Rita de Cássia. Dez coisas que você deveria saber sobre o Qualis. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 13, n. 30, 22 dez. 2016. Disponível em: http://ojs.rbpg.capes.gov.br/index.php/rbpg/article/view/947. Acesso em: 02 abr. 2021.

BIZELLI, José Luís; SANTOS CRUZ, José Anderson. Educación e Internacionalización: competencia o colaboración? In: MARTIN BRIS, Mario (org.). Internacionalización de la educación superior en Iberoamérica: miradas y perspectivas. Alcalá de Henares: Servicio de publicaciones de la Universidad de Alcalá de Henares. 2016. v. 01, p. 77-90.

BIZELLI, José Luís. Internacionalización: reflexiones a partir de la experiencia de un programa de postgrado en Educación Escolar brasileña. In: MARTÍN BRIS, Mario; JABONERO BLANCO, Mariano. (org.) Internacionalización de la educación en Iberoamérica: reflexiones y proyecciones. Madrid: Ed Santillana/UAH, 2017. p. 35-41.

BIZELLI, José Luís; SANTOS CRUZ, José Anderson. Indexadores internacionais para medir a produção docente na área de educação. In: LAMOTHE ZAVALETA, Carlos; ÁLVAREZ, María Cristina; MARTÍN BRIS, Mario. (org.). Práctica docente: experiencias, reflexiones y propuestas desde Iberoamérica. Veracruz: Universidad Veracruzana/México Academia Journals, 2019. v. 1, p. 137-148.

BLOG: O que é DOI? Periódicos de Minas, 2018a. Disponível em: https://www.periodicosdeminas.ufmg.br/o-que-e-doi/. Acesso em: 03 abr. 2021.

BLOG: Entenda a modalidade de publicação Ahead of Print (AOP). Periódicos de Minas, 2018b. Disponível em: https://www.periodicosdeminas.ufmg.br/entenda-a-modalidade-de-publicacao-ahead-of-print-aop/. Acesso em: 03 abr. 2021.

BLOG: O que é Orcid? Periódicos de Minas, 2018c. Disponível em: https://www.periodicosdeminas.ufmg.br/o-que-e-orcid/. Acesso em: 03 abr. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. CAPES: História e Missão. Brasília: MEC, 2020. Disponível em: https://www.gov.br/capes/pt-br/acesso-a-informacao/institucional/historia-e-missao. Acesso em: 01 abr. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. CAPES: Sucupira. Brasília: MEC, 201?. Disponível em: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/. Acesso em: 01 abr. 2021.

NATURE INDEX. 2021. Disponível em: https://www.natureindex.com/country-outputs/Brazil. Acesso em: 29 mar. 2021.

CAPES. Ministério da Educação. Coordenação da Área de Educação na CAPES. Relatório de Avaliação 2010-2012 Trienal 2013: Educação. Brasília, MEC, 2013. 48 p.

CAPES. Ministério da Educação. Coordenação da Área de Educação na CAPES. Relatório da Avaliação Quadrienal 2017: Educação. Brasília: MEC, 2017. 93 p.

CAPES. Ministério da Educação. Coordenação da Área de Educação na CAPES. Relatório do Qualis Periódicos: Área 38, Educação. Brasília: MEC, 2019. 11 p.

CAPES. Ministério da Educação. Coordenação da Área de Educação na CAPES. Notas sobre o qualis periódicos: área de educação. Brasília: MEC, 2021. Disponível em: https://sbhe.org.br/uploads/information_files/8/56a8d7de9cf0ec0f9ce831af2d11ba3d.pdf. Acesso em: 01 abr. 2021.

CARIBÉ, Rita de Cássia do Vale. Comunicação científica: reflexões sobre o conceito. Informação & Sociedade: estudos, João Pessoa, v. 25, n. 3, p. 89-104, 28 dez. 2015.

SANTOS CRUZ, José Anderson; SANTOS, Gildenir Carolino; BIZELLI, José Luís. Fatores de qualificação e boas práticas nos periódicos brasileiros em educação: indexação versus fator de impacto. In: SANTOS, Gildenir Carolino; MARTINS, Valéria dos Santos Gouveia. (org.). Ciência aberta, sistemas e ambientes de informação: do acesso às boas práticas de pesquisa. Campinas: Unicamp, 2019. v. 1, p. 239-2631.

SANTOS CRUZ, José Anderson. Gestão do conhecimento e gestão editorial: qualificadores da avaliação de periódicos da área de educação. 2020. 282 f. Tese (Doutorado em Educação Escolar) – Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista, Araraquara, SP, 2020.

FRIGERI, Mônica; MONTEIRO, Marko Synésio Alves. Qualis periódicos: indicador da política científica no Brasil? Estudos de Sociologia, v. 19, n. 37, p. 299-315, 2014. Disponível em: https://periodicos.fclar.unesp.br/estudos/article/view/6266. Acesso em: 31 mar. 2021.

GIL, Antônio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GIL, Antônio Carlos. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2008.

MARCONI, Marina de Andrade; LAKATOS, Eva Maria. Técnicas de pesquisa: planejamento e execução de pesquisas, amostragens e técnicas de pesquisas, elaboração, análise e interpretação de dados. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

MONTEIRO, Adriano Lisboa; FURLAN, Maysa; SUAREZ, Paulo Anselmo Ziani. Sistema nacional de pós-graduação e a área de química na CAPES. Quím. Nova, v. 40, n. 6, p. 618-625, jul. 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?cript=sci_arttext&pid=S0100-40422017000600618&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 28 mar. 2021.

PEREZ, Olivia Cristina. O novo Qualis Periódicos: Possíveis diretrizes, Impactos e resistências. Novos Debates - Fórum de Debates em Antropologia, v. 6, p. 1-8, 2020. Disponível em: http://novosdebates.abant.org.br/e6212/. Acesso em: 03 abr. 2021.

PONCE, Branca Jurema et al. Sobre a melhoria da produção e da avaliação de periódicos científicos no Brasil. Ensaio: aval.pol.públ.Educ., Rio de Janeiro, v. 25, n. 97, p. 1032-1044, dec. 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-40362017000401032&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 31 mar. 2021.

PUCRS. Índice h. Porto Alegre, 05 jul. 2019. Disponível em: https://biblioteca.pucrs.br/apoio-a-pesquisa/bibliometria/indice-h/. Acesso em: 03 abr. 2021.

RIBEIRO, Daniele Alves; ALENCAR, Maria do Socorro Nunes Macedo; COUTO, Euclides de Freitas. Critérios Qualis A1 da Educação: a avaliação sob a perspectiva da disputa acadêmica. Linhas Críticas (UnB), v. 22, n. 47, p. 229-248, 2016. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/linhascriticas/article/view/4816. Acesso em: 28 mar. 2021.

SILVA, Antonio Ozaí da. Sua revista tem Qualis. Revista Mediações (UEL), v. 14, n. 1, p. 117-124, 2009. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/mediacoes/article/view/3350. Acesso em: 01 abr. 2021.

SOUZA, Ângelo Ricardo de. et al. Qualis: a construção de um indicador para os periódicos na área da Educação. Práxis Educativa, v. 13, n. 1, p. 219-231, 2018. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/324839153_Qualis_a_construcao_de_um_indicador_para_os_periodicos_na_area_da_Educacao. Acesso em: 28 mar. 2021.

YAMAMOTO, Oswaldo Hajime. Vale a pena avaliar periódicos científicos? Estud. psicol. (Natal), Natal, v. 6, n. 2, p. 129-131, 2001. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-294X2001000200001&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 31 mar. 2021.

Publicado

2022-02-10

Como Citar

SENE, L. Z.; BIZELLI, J. L. Sistema de avaliação de periódicos no Brasil: Impactos da evolução dos critérios do Qualis-periódicos da Área de Educação. Práxis Educacional, [S. l.], v. 18, n. 49, p. e9388, 2022. DOI: 10.22481/praxisedu.v18i49.9388. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/9388. Acesso em: 22 maio. 2022.