A definição de 'entalpia' em livros didáticos

Autores

  • Jornandes Jesús Correia Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Wanderson Costa Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.22481/rbba.v8i1.4912

Palavras-chave:

Definição de Entalpia, Ensino da Termodinâmica, Funções Potenciais, Livros didáticos.

Resumo

Este artigo apresenta uma análise da definição de Entalpia formulada pela Termodinâmica Clássica para sistemas fechados e tem como objetivo analisar as definições apresentadas pelos livros-textos de Termodinâmica tanto para Entalpia, quanto para a sua variação. Esta análise se baseará em três aspectos expositivos: a argumentação empírica, a citação histórica e a argumentação postulatória. Observou-se que a definição de Entalpia nos textos didáticos analisados é construída essencialmente a partir da discussão de uma 

Resumo

Este artigo apresenta uma análise da definição de Entalpia formulada pela Termodinâmica Clássica para sistemas fechados e tem como objetivo analisar as definições apresentadas pelos livros-textos de Termodinâmica tanto para Entalpia, quanto para a sua variação. Esta análise se baseará em três aspectos expositivos: a argumentação empírica, a citação histórica e a argumentação postulatória. Observou-se que a definição de Entalpia nos textos didáticos analisados é construída essencialmente a partir da discussão de uma relação matemática obtida para uma transformação adiabática, representada pela soma da Energia Interna de um sistema com o produto da Pressão pelo Volume desse sistema. Notou-se ainda que as abordagens dos textos ou são baseadas em resultados empíricos, obtidos de uma descrição experimental, ou são obtidas de forma direta, enfatizando a estrutura lógica formal na obtenção de identidades matemáticas. Em seguida os livros de texto apresentam uma interpretação física para Variação da Entalpia em uma transformação isobárica. Entretanto, nenhuma das obras analisadas apresentou uma discussão satisfatória para o significado físico para Entalpia. Por outro lado, apresentaram interpretações físicas satisfatórias para a variação da Entalpia em processos isobáricos.

Palavras-chave: Definição de Entalpia. Ensino da Termodinâmica. Funções Potenciais. Livros didáticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jornandes Jesús Correia, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Jornandes Jesús Correia. Licenciado e Bacharel em Física pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) e concluiu a Pós-Graduação Lato Sensu em Matemática Superior pela Fundação Educacional Severino Sombra. É Mestre em Meteorologia Agrícola, pela Universidade Federal de Viçosa (UFV), na Área de Radiação Solar e Terrestre e Doutor em Física pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), na Área de Física Atômica e Molecular. Desenvolve trabalhos na Área de Ensino de Física no Grupo de Pesquisa DIDÁTICA DAS CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS E DA MATEMÁTICA (GDICEM), junto ao Museu Pedagógico Casa Padre Palmeira (MP). É Professor Pleno vinculado ao Departamento de Ciências Exatas e Tecnológicas (DCET), Campus de Vitória da Conquista, da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB).

Wanderson Costa Oliveira

Estudante de graduação do curso de Licenciatura em Física na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Campus de Vitória da Conquista.

Referências

Ciência Ilustrada, v. 10. São Paulo: Editora Abril Cultural, 1972. p. 4377-4378.

BIANCHI, J. C. A.; ALBRECHT, C. H.; MAIA, D. J. Universo da Química– Química Ensino Médio. São Paulo: Editora FTD, 2005, p. 680.

CORREIA, J. J. Definições de Temperatura em Fontes Didáticas. Revista Binacional Brasil – Argentina. v. 6, n. 1, p. 201-220, jun. 2017.

CORREIA, J. J.; MAGALHÃES, L. D. R.; LIMA, L. S. Obstáculos Epistemológicos e o Conceito de Calor. Scientibus Série Ciências Físicas 04: 1-10, 2008. Disponível em: <http://dfis.uefs.br/sitientibus/vol4/Jornandes-Main-SPSS2008.pdf>. Acesso em: 05 set. 2016.

CORREIA, J. J.; MAGALHÃES, L. D. R. Obstáculos Epistemológicos na transposição didática do Calor. In: IX CÓLÓQUIO DO MUSEU PEDAGÓGICO. (ISSN 2175-5493), Vitória da Conquista (BA), Anais. Vitória da Conquista. MUSEU PEDAGÓGICO CASA PADRE PALMEIRA. 2009. v. 8, n. 1. p. 727-740, 2009. Disponível em: <http://periodicos.uesb.br/index.php/cmp/article/viewFile/3574/3265>. Acesso em: 05 set. 2016.

CORREIA, J. J.; OLIVEIRA, W. C. A definição de Energia Interna e o enunciado da Primeira Lei da Termodinâmica nos Livros Didáticos. Revista Binacional Brasil – Argentina. v. 2, n. 7, p. 184-215, dez. 2018.

CORREIA, J. J.; ORTIGOZA, L. V. O conceito de conservação de energia em livros didáticos: Uma análise histórico-didática, Revista Binacional Brasil-Argentina. v. 4, n. 2, p. 91-103, 2015. Disponível em: <http://periodicos.uesb.br/index.php/rbba/article/view/5649/5377>. Acesso em: 05 set. 2016.

CORREIA, J. J; JOSÉ, W. D. O conceito de entropia e as leis da termodinâmica em livros didáticos de física. In. X CÓLÓQUIO DO MUSEU PEDAGÓGICO (ISSN 2175-5493), vol. 10, Nº 1, 2013. Vitória da Conquista (BA). MUSEU PEDAGÓGICO CASA PADRE PALMEIRA. 2013. Anais. Vitória da Conquista Disponível em: < http://periodicos.uesb.br/index.php/cmp/article/viewFile/3008/2717>. Acesso em: 05 set. 2016. 199-212p.

CORREIA, J.J; JOSÉ, W. D. O conceito de trabalho de uma força em livos didáticos, In: IX COLÓQUIO DO MUSEU PEDAGÓGICO (ISSN 2175-5493), Vitória da Conquista (BA), Anais. Vitória da Conquista. MUSEU PEDAGÓGICO CASA PADRE PALMEIRA. 2011. v. 9, n. 1, p. 727-740,2011. Disponível em: < http://periodicos.uesb.br/index.php/cmp/article/viewFile/2663/2330>. Acesso em: 05 set. 2016.

COSTA, E. C. Física Industrial– Enciclopédia Técnica Universal. Tomo I, termodinâmica, I Parte. Porto Alegre: Globo, 1971a.

COSTA, E. C. Física Industrial– Enciclopédia Técnica Universal. Tomo II, termodinâmica, I Parte. Porto Alegre: Editora Globo, 1971b.

FOUILLÉ, A. Física das Vibrações. Tomo II – Radiações. Porto Alegre: Editora Globo, 1970.

GÜÉMEZ, J.; FIOLHAIS, C.; FIOLHAIS, M. Fundamentos de Termodinâmica do Equilíbrio. Coimbra: Fundação Calouste Gulbenkian, 1998.

KONDEPUDI, D; PRIGOGINE, I. Modern Thermodynamics: from heat engines to dissipative structures. New York: John Wiley & Sons, 1999. p. 49 – 51.

MACEDO, H.; LUIZ, A. M. Problemas de Termodinâmica Básica. São Paulo: Editora Edgard Blücher, 1976.

MAGALHÃES, A.; ZAMBRANO, R. S.; SIECZKOWSKI, R. P. S. Dicionário de Física. Porto Alegre: Editora Globo, 1973, p. 668.

SÁ MARTINS, J. S. de. Aula 5.2 –[Termodinâmica]Processos a pressão constante, calor latente e entalpia. Instituto de Física da Universidade Federal Fluminense. Rio de Janeiro. Youtube, videoaulas UFF, 2014. Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=2CkJ1iJ3nBI&list=PLJHqUYUf9YoopjoVLiuc1jj3YSiT9yzpl&index=5>. Acesso em: 25 de jan. de 2019.

MOREIRA, M. A. Energia, Entropia e Irreversibilidade. Porto Alegre: Instituto de Física –UFRGS, 1998.

NUSSENZVEIG, H. M. Curso de Física Básica 2: fluidos, oscilações e ondas e calor. 4ª ed. rev. Rio de Janeiro: Editora Edgard Blücher, 2002. p. 195-196.

OLIVEIRA, J. M. Termodinâmica. São Paulo: Editora Livraria da Física, 2005.

PÁDUA, A. B. et al. Termodinâmica clássica ou termodinâmica do equilíbrio: aspectos conceituais básicos. Semina: Ciências Exatas e da Terra, Londrina, v. 29, n. 1, p. 57-84, jan./jun. 2008.

PÁDUA, A. B.; PÁDUA, C. G. Termodinâmica: Uma coletânea de Problemas. São Paulo: Editora Livraria da Física, 2006.

REY, A. B. Física/Química Modernas: Físico-química Básica. v. 4, São Paulo: Edições Fortaleza (Crédito brasileiro de Livros S/A), 1970. p. 82-86.

SEARS, F. W. Física: Mecânica, Movimento Vibratório e Calor. Volume único, Rio de Janeiro: Ao Livro Técnico, 1966.

SEARS, F.W; SALINGER, G.L. Termodinâmica, Teoria Cinética e Termodinâmica Estatística. Traduzido de Sergio Murilo Abrahão. 3ª ed. São Paulo: Guanabara Dois S.A, 1979. p. 74 – 77.

WYLEN, G. J. V.; SONNTAG, R. E. Fundamentos da Termodinâmica Clássica. 4ª ed. Tradução de Euryale de Jesus Zerbini e Ricardo Santilli Ekman Simões. São Paulo: Editora Edgard Blücher, 1973.

WYLEN, G. J. V.; SONNTAG, R. E.; BORGNAKKE, C. Fundamentos da termodinâmica clássica. 4. ed. Tradução de Euryale de Jesus Zerbini e Ricardo Santilli Ekman Simões. São Paulo: Editora Edgard Blücher, 1995. p. 81-84.

ZEMANSKY, M.W. Calor e Termodinâmica. 5ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Dois S.A, 1978. p. 250-253.

Downloads

Publicado

2019-05-31

Como Citar

Correia, J. J., & Oliveira, W. C. (2019). A definição de ’entalpia’ em livros didáticos. Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo Entre As Ciências, 8(1), 327-353. https://doi.org/10.22481/rbba.v8i1.4912

Edição

Seção

Artigos de Fluxo Contínuo