Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba <section style="text-align: justify; padding: 3px;">A <strong>REVISTA BINACIONAL BRASIL-ARGENTINA: DIÁLOGO ENTRE AS CIÊNCIAS</strong> (ISSN: 2316-1205) é uma publicação eletrônica de carácter binacional, com periodicidade semestral e aberta, organizada pelo Museu Pedagógico da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB, Brasil) e pelo Programa de Pós-Graduação em Didáctica de las Ciencias Experimentales, da Universidad Nacional del Litoral (UNL, Argentina). A RBBA é um produto do projeto Multidisciplinaridade na Educação do Programa Binacional dos Centros Associados de Pós-Graduação Brasil/Argentina (CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior / SPU - Secretaria de Politicas Universitárias). <section></section> </section> pt-BR rbba@uesb.edu.br (José Rubens Mascarenhas de Almeida) rbba@uesb.edu.br (Equipe Editorial) dom, 04 dez 2022 16:18:09 -0300 OJS 3.2.1.1 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 "DEIXE-OS DIZER ONDE ESTÃO": Uma história de direitos humanos na Argentina https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11149 <p>Este texto revisa o livro "Que digan donde están" Una historia de los derechos humanos en Argentina, do historiador Luciano Alonso. A obra, dividida em nove capítulos, oferece um olhar complexo e abrangente sobre o surgimento, consolidação e dispersão do movimento dos direitos humanos.</p> Paula Zubillaga Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11149 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 A MISSÃO ABBINK NA BAHIA: EXPECTATIVA DE INTELECTUAIS BAIANOS SOBRE O CAPITAL NORTE-AMERICANO (1948-1950) https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11201 <p>Após a Segunda Guerra Mundial, o interesse dos Estados Unidos na América Latina envolveu ações de pesquisa, que visavam, entre algumas expectativas acadêmicas, compreender quais seriam as áreas com potencial para investimento do capital na região. As pesquisas foram vistas com desconfiança por empresários e intelectuais brasileiros e, na Bahia, não foi diferente. Discuto, nesse artigo, a Missão Abbink (1948) e sua repercussão intelectual entre pessoas como Inácio Tosta Filho, Thales de Azevedo e outros, como Carlos Mariguella. Tais personagens produziram opiniões em periódicos para mostrar maneiras de compreender como o capital norte-americano trataria com setores mais “tradicionais” da economia baiana, ou o refutaram completamente. Os textos aqui utilizados são extraídos do Jornal A Tarde, O Jornal e Correio da manhã, O Momento e Revista Problemas. A análise desses textos é feita a partir das metodologias da História Intelectual e da História Política, mediada pelas propostas de observação do Estado Ampliado e da ação dos intelectuais, circunscritas na obra de Antônio Gramsci. As mobilizações dos agentes de governo e da diplomacia de Estado expressou projetos que entraram em conflito com as oposições e planos erguidos no âmbito da sociedade civil – Estado – em aparelhos privados de hegemonia, vistos aqui em instrumentos de produção de saber e de ciência, que indicaram ou colaboraram com outros projetos de defesa de interesses de classes.</p> LARISSA PENELU PACHECO Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11201 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 O DIREITO NA DINÂMICA DA ESCRAVIDÃO: FORMAS SOCIAIS E MODOS DE PRODUÇÃO NO BRASIL DO SÉCULO XIX https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11628 <p>Durante o século XIX, no Brasil, a emancipação política do País se fez acompanhar de um robustecimento do arcabouço jurídico-político. No referido período, porém, eram vigentes formas próprias de sociabilidade, que imprimiam ao direito da época uma natureza específica. É, nesse contexto, que o presente artigo tem por escopo analisar, ainda que de forma parcial e sumária, a natureza do direito brasileiro no século XIX. Para tanto, a pesquisa orienta-se, por meio de uma revisão bibliográfica, à análise de fontes científicas que permitem um aprofundamento das categorias teóricas essenciais à compreensão da problemática suscitada. Nos valemos também do método dialético, que possibilita a consideração das especificidades históricas e sociais, do movimento contraditório e do caráter transitório do fenômeno investigado. Neste estudo, almejamos, sobretudo, compreender o papel do direito oitocentista na reprodução do modo de produção que lhe foi correspondente. Sob essa ótica, identificamos o direito imperial como uma instância não-autônoma de regulação normativa das relações sociais, orientada à reprodução da dinâmica do escravismo e suas formas sociais.</p> Petrus Ian Santos Carvalho, José Rubens Mascarenhas de Almeida Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11628 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 QUEM NASCE EM BACURAU É O QUÊ? É GENTE”: ANÁLISE DA EFETIVIDADE DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS A PARTIR DO FILME BACURAU https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11249 <p>Este trabalho, que está inserido no campo dos estudos interdisciplinares entre direito, literatura e cinema, tem como objetivo analisar a efetividade (ou não) dos direitos fundamentais no Brasil, pós Constituição de 1988, por meio da obra cinematográfica Bacurau. A obra fílmica, embora situe temporalmente os eventos no Brasil futuro, traz muitas questões que, infelizmente, já estão presente no contexto sociopolítico atual. Para tanto, parte da perspectiva do direito na literatura para estudar, através do filme, violações aos direitos fundamentais. Dessa forma, este trabalho discorre, em um primeiro momento, o filme, suas representações da realidade e de que modo ele permite refletir sobre a efetividade dos direitos fundamentais. Adiante, é realizado um breve estudo sobre os direitos fundamentais, sua evolução, objetivo e contextualização normativa no Brasil. Para assim, por fim, analisar a efetividade dos direitos fundamentais no Brasil. Dessa forma, permite concluir que os direitos fundamentais se encontram fragilizados dada a condição de um Estado ausente, negativo, que carece de boa gestão financeira para proporcionar a efetividade dos direitos fundamentais.</p> Maeli Marta Muniz Ribeiro Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11249 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 DISEÑO E IMPLEMENTACIÓN DE UNA UNIDAD DIDÁCTICA CON PERSPECTIVA EN CUESTIONES SOCIOCIENTÍFICASDÁCTICA COM PERSPECTIVA SOBRE QUESTÕES SOCIOCIENTÍFICAS https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11626 <p>Este trabalho apresenta os seguintes objetivos: (1) desenhar e implementar uma unidade didática com perspectiva sociocientífica e (2) contribuir na prevenção do consumo problemático da maconha em adolescentes e jovens que frequentam a Escola de Educação Secundária Orientada N 440 Simón de Iriondo (Santa Fe, Argentina). A metodologia foi do tipo qualitativa, descritiva e de corte transversal. O desenho da unidade didática foi realizado em conjunto com a intervenção de professores de diferentes disciplinas, entre elas: saúde e adolescência, biologia, química, informática e construção da cidadania e identidade. Foi implementada em três turmas do quarto ano (duas turmas da manhã e uma noturna) com a participação ativa de sete professores e cinquenta e dois estudantes. A abordagem da unidade didática desde diferentes perspectivas (social, cultural, econômica, científica, religiosa, histórica) possibilitou analisar e repensar a complexidade da temática de interesse. Problematizou-se as práticas que, em ocasiões, os adolescentes e jovens naturalizam e/ou consideram inofensivas, através do estudo dos efeitos na saúde. A conclusão do trabalho apontou para o fato de que a abordagem do consumo problemático de maconha nas escolas é um problema que requer de políticas institucionais que transcendam a especificidade das disciplinas e levem em consideração a articulação com outras instituições e/ou profissionais especializados. A direção da escola considerou a possibilidade de institucionalizar a abordagem de consumos problemáticos de maconha nos anos futuros. A avaliação da unidade didática está em processo.</p> Alicia Beatriz Ocampo, Alejandro Raúl Trombert, María Silvina Reyes Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11626 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 RENDIMIENTO ACADÉMICO EN ESTADÍSTICA, ¿CÓMO IMPACTAN EN ÉL LAS DISTINTAS ESTRATEGIAS DE ENSEÑANZA SEGÚN LOS PLANES DE ESTUDIO? https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11582 <p>Durante os últimos cinco anos, na Faculdad de Bioquímica e Ciencias Biológicas, Universidad Nacional del Litoral, Santa Fe-Argentina, uma equipe de professores pesquisadores trabalhou na implementação da estratégia "Ensino por projetos" em Estatística nas carreiras de Licenciatura en Nutrición (LN), Licenciatura en Biotecnologia (LB) e Bioquímica (Bqca). Este trabalho mostra a evolução do desempenho dos alunos desde o ano de 2016 (ditado convencional com aulas teóricas e práticas) até o ano de 2021, onde foi gradativamente por em prática (incluindo os anos da pandemia, com aula virtuai), estratégia. A partir dos resultados obtidos, mostra-se que sua aplicação teria uma ação favorável no processo de ensino e aprendizagem dos conceitos estudados, refletido nos percentuais de alunos que regularizaram, mais perceptível para LN, tanto se for comparado em relação ao regulares do Bqca e LB, como ao comparar o percentual de regulares antes e depois da implantação da estratégia de ensino por projetos.</p> Olga Beatriz Avila, Liliana Ester Contini, Stefanía D´Iorio Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11582 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 A ENGENHARIA DIDÁTICA E A TEORIA DAS SITUAÇÕES DIDÁTICAS EM UMA PROPOSTA DIDÁTICA PARA O ENSINO DE GEOMETRIA PLANA https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11108 <p>Dadas as dificuldades dos alunos na compreensão de algumas abordagens da Geometria Plana em sala de aula, vimos a necessidades de propor este estudo. O trabalho tem como objetivo apresentar uma proposta didática para viabilizar o ensino da Generalização do Teorema de Pitágoras com o aporte do GeoGebra, explorando a percepção geométrica do estudante a respeito da relação entre as áreas de polígonos construídos sobre os catetos e a hipotenusa. Para a elaboração deste trabalho, utilizamos como metodologia de pesquisa a Engenharia Didática em suas duas primeiras fases – análises preliminares e análise <em>a priori</em> –, norteada pelos pressupostos da Teoria das Situações Didáticas. Esperamos que essa proposta forneça auxílio metodológico ao professor de Matemática, possibilitando trabalhar a visualização e a percepção geométrica dos estudantes.</p> MARIA GRACIENE MOREIRA SANTOS, FRANCISCO RÉGIS Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11108 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 A RELAÇÃO ENTRE FÍSICA E MATEMÁTICA: UMA ABORDAGEM TEÓRICO-METODOLÓGICA https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/10903 <p><span style="font-weight: 400;">O presente artigo tem como objetivo analisar o ensino de Física e Matemática com embasamento teórico-metodológico e histórico a partir de materiais voltados à pesquisa da relação entre esses dois campos de estudo (KARAM, 2007; 2009; 2015). Percebe-se que em muitos casos a Física é ensinada visando apenas a aplicação direta de “fórmulas” matemáticas, sem que o contexto real do problema, muito menos a explicação física da utilização dessas equações, sejam devidamente explicados (MOREIRA, 2017; 2021a; 2021b). Tal fenômeno leva o estudante a não entender a necessidade de estudar Física em um contexto em que eles já estudam Matemática. Por esse motivo, apresenta-se neste trabalho, com alguns exemplos e por meio de uma metodologia qualitativa, como que tais disciplinas possuem relações e como podem ser pensadas para o ensino médio, para ao menos tentar promover o processo de ensino-aprendizagem dessas matérias, que são importantes para a formação crítica e lógica dos estudantes para atuarem no mundo moderno.</span></p> Júlio César dos Reis, Ian Lima Santana, Luan Santos Lemos Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/10903 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 A IMPORTÂNCIA DA ORIENTAÇÃO VOCACIONAL NO ENSINO MÉDIO: O PAPEL DA ESCOLA E DA FAMÍLIA NA ESCOLHA DOS ALUNOS https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/10932 <p>A motivação pela escolha do tema se deu devido à percepção de que muitas vezes ao concluir o ensino médio ainda não houve decisão de escolhas profissionais. São diversos os elementos que determinam as escolhas dos jovens e, assim, oferecer subsídios para professores orientarem suas aulas de forma a auxiliar seus alunos nessas escolhas. A percepção de que os jovens, por vezes, realizam atividades culturais que podem promover amadurecimento de sua compreensão sobre a importância de ter competência para as escolhas profissionais futuras com o auxílio da escola. Justifica-se a necessidade de identificar, entre os diversos contextos, que fatores podem influenciar as escolhas dos jovens e/ou podem contribuir para a sua reflexão, de modo que as decisões tomadas quanto a sua vocação sejam as mais conscientes e direcionadas pelos motivos certos. O Ensino Médio é o período ideal para se trabalhar essa escolha com os alunos. A finalidade desta pesquisa está em levantar dado referentes à escolha profissional tendo a escola e o professor como agente desse processo, considerando o contexto social e cultural que envolve cada instituição.</p> <p>&nbsp;</p> Vera Lucia Cazatti Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/10932 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 COMPETENCIAS PROFESIONALES Y COMPETENCIAS VINCULADAS CON CUESTIONES SOCIO-CIENTÍFICAS EN LA LICENCIATURA EN BIOTECNOLOGÍA DE LA UNIVERSIDAD NACIONAL DEL LITORAL (SANTA FE, ARGENTINA): LA PERCEPCIÓN DE LOS PROFESORES https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11554 <p>Este artigo analisa a percepção que os professores do Ciclo de Especialização (CE) do curso de graduação em Biotecnologia têm sobre as competências profissionais (CP) e as competências relacionadas à questões sociocientíficas (QSC), no período 2020-2021, da Faculdade de Bioquímica e Ciências Biológicas (FBCB) da Universidad Nacional del Litoral (UNL), Santa Fe-Argentina.</p> <p>A metodologia utilizada neste estudo envolveu a realização de entrevistas em profundidade, via videoconferência, com um grupo (n=7) de professores do CE, baseadas em resultados anteriores que mostraram diferenças significativas entre o nível de importância (NI) reconhecido pelo professores para a atividade&nbsp; profissional dos graduados e o nível desenvolvido (ND) durante a formação universitária, de uma série de CP e competências vinculadas às QSC.</p> <p>A partir da análise das entrevistas emergiram alguns problemas que os entrevistados apontam como responsáveis ​​pelas dificuldades que determinam ND abaixo da NI.</p> <p>&nbsp;</p> Daniel Alberto Carlos Larpin, Claudia Beatriz Falicoff, Alejandro Raúl Trombert Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11554 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 EDUCAÇÃO 4.0 NA ÁREA DA SAÚDE: PERSPECTIVAS E DESAFIOS https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11058 <p>Esta pesquisa teve por finalidade explicitar as relações existentes entre as ferramentas inseridas na proposta da educação 4.0, ensino e saúde, investigando as publicações em teses de doutorado e/ou dissertações de mestrado relacionada a essa temática, priorizando-se o fator temporal, com publicações encontradas do período 2010-2020. Com isso, adotou-se como estratégia metodológica a revisão integrativa de literatura, de natureza exploratória junto à Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações (BDTD). Direcionou-se cada produção para as categorias a serem discutidas, assim elencadas: Metodologias Ativas em Saúde; a educação 4.0 e os processos formativos em saúde; Inteligência artificial e a aprendizagem em saúde. Os resultados apontaram que as propostas de educação 4.0 já é uma realidade no processo de formação e qualificação dos profissionais e futuros profissionais da saúde e são de extrema valia para o desenvolvimento de competências imprescindíveis para o mercado de trabalho na área de saúde. No entanto, parte dos docentes, estudantes, profissionais e gestores de saúde, não estão preparados para acompanhar na mesma velocidade as mudanças impostas a sociedade, ao mercado de trabalho e consequentemente a educação e a saúde, apontando para a necessidade de mudança e adaptações.</p> Pedro Fonseca de Vasconcelos, Mauro Fernandes Teles, Rita de Cássia Silva Tagliaferre Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11058 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 O TRABALHO COM VÍDEOS NAS AULAS DE MATEMÁTICA NO CONTEXTO DO PIBID https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/10966 <p>O presente trabalho tem como intuito apresentar a experiência vivenciada pelos autores, no subprojeto de Matemática do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), campus Vitória da Conquista - Bahia, no período do Ensino Remoto. A experiência na produção de vídeos mobilizou os três núcleos do subprojeto oportunizando aos licenciandos trabalharem com a matemática de maneira mais interativa, tentando contribuir com o ensino e aprendizagem dos estudantes da escola básica durante o ensino remoto. Para a produção de vídeos foram utilizados aplicativos e softwares gratuitos disponíveis ao público, e devido a facilidade no manuseio das interfaces destas plataformas digitais foi possível trabalhar com os conteúdos que os professores desenvolviam no contexto síncrono das aulas, o que levou a elaboração de materiais digitais que dessem subsídio ao estudo assíncrono dos discentes da escola básica. Para os pibidianos a criação de vídeos possibilitou apresentar de forma sucinta conceitos matemáticos, bem como exemplos, em vídeos curtos para serem disponibilizados através das redes sociais do subprojeto de matemática para os estudantes.</p> Taíde Regis Silva, Breno Vieira Sousa, Jonson Ney Dias da Silva Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/10966 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300 A CONSOLIDAÇÃO DOS DISCURSOS NEOLIBERAIS NO COMPONENTE CURRICULAR CIÊNCIAS https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11567 <p>O presente artigo pretende discutir como o discurso neoliberal tem se intensificado a partir da Base Nacional Comum Curricular e configurado o componente curricular Ciências. As políticas públicas educacionais são projetadas e produzidas para que a escola acompanhe as mudanças sociais, ideológicas, econômicas, políticas e culturais dos diferentes tempos e locais da sociedade. No Brasil, é possível observar que desde a década de 1990 se intensificaram os discursos neoliberais nas políticas educacionais, isso se amplia com a produção (em 2015) e homologação (em 2017 e 2018) da BNCC. Utilizando a abordagem teórico-metodológica do Ciclo de Políticas de Stephen Ball e colaboradores foi possível analisar os contextos de influência e de produção de texto do referido documento. Assim, foi observado que os processos de idealização e produção da BNCC configuraram à disciplina escolar Ciências um caráter positivista e utilitarista, se distanciando das propostas de formação humana e integral dos indivíduos e focando em propostas de produção de capital humano para o mercado de trabalho.</p> Edinaldo Medeiros Carmo, Jéssica Gomes das Mercês Costa Copyright (c) 2022 Revista Binacional Brasil-Argentina: Diálogo entre as ciências https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 https://periodicos2.uesb.br/index.php/rbba/article/view/11567 dom, 04 dez 2022 00:00:00 -0300