VINTE E UM ANOS DE ATUAÇÃO DO PROJETO DE EXTENSÃO “VAMOS AMAMENTAR, MAMÃE?”

Autores

  • Marizete Argolo Teixeira Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB)
  • Vanessa Brito Gonçalves Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB)
  • Rosália Teixeira Luz Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB)
  • Vanessa de Matos Araújo Prefeitura Municipal de Inhambupe, Bahia

Palavras-chave:

análise documental, aleitamento materno, enfermagem, projeto de extensão

Resumo

Estudo com objetivo de descrever as ações que foram desenvolvidas pelo Projeto de Extensão “Vamos amamentar, mamãe?” durante os 21 anos de sua atuação em Jequié/Bahia e identificar as dificuldades, facilidades e avanços do projeto descritos nos documentos existentes. Trata-se de um estudo documental, quantitativo. Os dados foram coletados nos arquivos do projeto a partir de um formulário estruturado e analisados por meio de estatística descritiva utilizando-se gráficos e quadros de frequência gerados em planilha de cálculo Microsoft Excel. As principais dificuldades foram: falta do repasse de materiais de consumo e permanente pela instituição, falta de recursos humanos. As facilidades descritas dizem respeito à responsabilidade e compromisso dos integrantes do projeto e o apoio do serviço de transporte para realização de visitas na comunidade e palestras na maternidade. Os avanços foi a elaboração do projeto de pesquisa, criação da página na web, criação da logomarca e inserção dos bolsistas de pesquisa. No entanto, muitas atividades deixaram de serem realizadas, apesar de outras terem iniciado. É preciso refletir sobre as dificuldades e propor medidas para saná-las e assim, continuar contribuindo para promoção proteção e apoio ao aleitamento materno no Município.

DOI: http://dx.doi.org/10.22481/rsc.v13i1.328

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-05-03

Como Citar

Teixeira, M. A., Gonçalves, V. B., Luz, R. T., & Araújo, V. de M. (2017). VINTE E UM ANOS DE ATUAÇÃO DO PROJETO DE EXTENSÃO “VAMOS AMAMENTAR, MAMÃE?”. Revista Saúde.Com, 13(1), 745-755. Recuperado de https://periodicos2.uesb.br/index.php/rsc/article/view/444

Edição

Seção

Artigos originais