Nível de conhecimento dos conceitos básicos de avaliação física pelos profissionais nas academias da cidade de João Pessoa – PB

Autores

  • Rodrigo Benevides Ceriane Laboratório de Atividades Físicas Professora Socorro Cirilo (LAAFISC) - Universidade Federal da Paraíba

Palavras-chave:

avaliação física, conhecimento, academia de ginástica

Resumo

O objetivo deste estudo é verificar o nível de conhecimento dos conceitos básicos de avaliação física pelos profissionais responsáveis por esta prática nas academias. Decorre de um estudo transversal, de campo, com profissionais que atuam na área de Avaliação Física, cadastradas pelo CREF 10 PB/RN. Aplicou- se questionário de perguntas abertas e fechadas em 39 indivíduos. Aplicou-se a estatística de percentual de freqüência por meio de planilha Excel. Os resultados encontraram que: 61,54% cobram pela atividade física, sendo em 41,66% dos casos, 15 reais; 69,23% não incluem na inscrição; 84,61% tem conhecimento do que é testar; 61,54% do que é medir e 53,45% do que é avaliar. Foram encontradas três pessoas sem graduação em Educação Física, ou em outro curso de nível superior, atuando na área Conclusões: Ainda atuam dentro das academias, diretamente com a avaliação física, profissionais não graduados em Educação Física ou em outro curso de nível superior. Muitos avaliadores não possuem o conhecimento teórico básico referente aos conceitos que envolvem testar, medir e avaliar. Em geral cobra-se pela avaliação física, sendo a maioria inclusa na inscrição do cliente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-07-24

Como Citar

Ceriane, R. B. (2017). Nível de conhecimento dos conceitos básicos de avaliação física pelos profissionais nas academias da cidade de João Pessoa – PB. Revista Saúde.Com, 1(2), 90-94. Recuperado de https://periodicos2.uesb.br/index.php/rsc/article/view/52

Edição

Seção

Artigos originais