EM RESGATE DA HONRA, DOS VALORES FAMILIARES E DO FORTALECIMENTO DA NAÇÃO: LIGA DA DEFESA NACIONAL

Resumo





A constituição da “moderna” ordem republicana associava-se à ideia de representatividade, de parceria, engajamento, socialização de um espaço, de uma causa, de um movimento de agentes sociais em disputa pela construção de uma identidade nacional. A década de 1910 no Brasil é marcada por uma fase de desestabilização social, representada pelo protagonismo de uma parcela da sociedade politicamente ativa, hegemônica, que se apoiava no discurso de transformação do país. Nessa direção, ampliava-se o envolvimento dos setores militares e de intelectuais pertencentes às instituições sociais de prestígio, como o IHGB, a ABL, alinhados a esses setores. Com o intuito de se problematizar espaços e agências sociais responsáveis pelo processo educativo, o estudo das Ligas nesse período sinaliza a existência de organizações que se articulam para a defesa nacional, a organização do trabalho e a propagação da instrução popular. Propõe-se investigar a Liga da Defesa Nacional (LDN), pela análise dos discursos e dos efeitos de verdade que produz (FOUCAULT, 2001), por via das notícias disseminadas na imprensa carioca, buscando-se compreender o seu papel a partir de diferentes versões da história (CHALHOUB, 2012). À frente desse movimento, destaca-se a liderança de Olavo Bilac, tendo na associação uma ideia de programa social, “com vistas antes de cuidar da educação cívica, buscar na instrução primária, profissional e na militar, mudar a face das coisas” (O PAIZ, 28/10/1915, p.01). Entre seus propósitos, buscava-se o combate ao anarquismo, ao estrangeirismo, aos comícios e às greves, na tentativa do resgate da honra, dos valores familiares e do fortalecimento da nação.





DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.

Biografias do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Professora da Universidade Estadual de Santa Cruz/ UESC – Brasil; Departamento de Ciências da Educação (DCIE); membro integrante do Grupo de Pesquisa Infância, Juventude, Leitura, Escrita e Educação (GRUPEEL).

##submission.authorWithAffiliation##

Professora da Universidade do Estado do Rio de Janeiro/ UERJ – Brasil; Programa de Pós- graduação em Educação (ProPEd); coordenadora do Grupo de Pesquisa Infância, Juventude, Leitura, Escrita e Educação/CNPQ (GRUPEEL).

Publicado
2020-01-01
Como Citar
DE ALMEIDA, Cíntia Borges; DA SILVA, Márcia Cabral. EM RESGATE DA HONRA, DOS VALORES FAMILIARES E DO FORTALECIMENTO DA NAÇÃO: LIGA DA DEFESA NACIONAL. Práxis Educacional, [S.l.], v. 16, n. 38, p. 112-139, jan. 2020. ISSN 2178-2679. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/5991>. Acesso em: 27 fev. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/praxisedu.v16i38.5991.