A CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE DOCENTE DE LICENCIADOS EM FÍSICA E MATEMÁTICA: RELATOS SOBRE O PROCESSO FORMATIVO

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/reed.v1i1.7455

Palavras-chave:

Formação de professores. Processo formativo. Identidade docente

Resumo

Apresentamos nesse artigo um diálogo sobre o processo formativo nos cursos de licenciatura em Física e Matemática através de relatos de experiência, tendo como foco a formação de professores dessas áreas, bem como o processo da construção identitária no percurso da formação inicial. Embasado nos estudos sobre identidade docente (DUBAR, 2005; GOMES, 2008; PIMENTA; LIMA, 2004) e considerando a importância sobre como ocorre o processo de construção dessa identidade docente, discutimos sobre os caminhos e experiências que contribuíram para essa construção, a fim de propor uma discussão que possa contribuir, por meio da reflexão sobre ações pedagógicas e identidade docente, complementando estudos já existentes para uma melhor compreensão no processo de formação de professores, principalmente, o Ensino de Física e Matemática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CARVALHO, Anna Maria Pessoa de.; GIL-PÉREZ, Daniel. Formação de Professores de Ciências. SP: Cortez, 1993.

DINIZ-PEREIRA, Júlio Emílio. As licenciaturas e as novas políticas educacionais para a formação docente. Educação & Sociedade, ano XX, nº 68, Dez. 1999.

_____________ Da racionalidade técnica à racionalidade crítica: formação docente e transformação social. Perspectiva em Diálogo – Revista de Educação e Sociedade, Naviraí, v.01, n.01, p. 34-42, jan-jun.2014.

DUBAR, Claude. A socialização: construção das identidades sociais e profissionais. Tradução de Andréia Stahel M. da Silva. São Paulo: Martins Fontes, 2005.

GARCIA, Maria Manuela Alves; HYPOLITO, Álvaro Moreira; VIEIRA, Jarbas Santos. As identidades docentes como fabricação da docência. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 31, n. 01, p. 45-56, 2005.

GOMES, Alberto Albuquerque. A construção da identidade profissional do professor: uma análise de egressos do curso de Pedagogia. VI Congresso Português de Sociologia – mundos sociais: saberes e práticas. Universidade Nova de Lisboa. Faculdade de Ciências Sociais e Humanas. 2008. p.1-15.

GONÇALVES, Terezinha Valim Oliver. Ensino de Ciências e Matemática e formação de professores: marcas da diferença. Tese (Doutorado) Programa de Pós-Graduação em Educação. Universidade Estadual de Campinas. Campinas: SP, 2000.

MELLO, Roseli Rodrigues. Os saberes docentes e a formação cotidiana nas séries iniciais do Ensino Fundamental (um estudo de casos múltiplos de tipo etnográfico). Tese (Doutorado em Educação). Universidade Federal de São Carlos. 1998.

NASCIMENTO, Maria Augusta. A construção da identidade profissional na formação inicial de professores. Dissertação de Doutoramento. Coimbra: Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, 2002.

PIMENTA, Selma Garrido.; LIMA, Maria Socorro Lucena. Estágio e Docência. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2004.

SANTOS, Cassio Miranda dos. Os primeiros passos da Pós-Graduação no Brasil: a questão da dependência. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, Rio de Janeiro, v.10, n.37, p.479-492, out./dez. 2002.

Downloads

Publicado

2020-09-30

Como Citar

Ferreira, Álex de C., & Guerra, A. . (2020). A CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE DOCENTE DE LICENCIADOS EM FÍSICA E MATEMÁTICA: RELATOS SOBRE O PROCESSO FORMATIVO . Revista De Estudos Em Educação E Diversidade - REED, 1(1), 86-99. https://doi.org/10.22481/reed.v1i1.7455

Edição

Seção

Artigos