POTENCIAL FORMATIVO DO PIBID A PARTIR DA AVALIAÇÃO DOS EGRESSOS

  • CRISNA DANIELA K. BIERHALZ
  • ERIL MEDEIROS DA FONSECA

Resumo

O trabalho analisa as contribuições do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid), considerando o subprojeto “Ciências da Natureza na Formação de Professores” a partir da perspectiva dos egressos. Justifica-se a proposição no sentido de avaliar, a partir da análise da posição dos egressos, o cumprimento dos objetivos do programa no que tange ao aprimoramento dos processos de formação inicial dos futuros professores, à oferta de oportunidades para desenvolver metodologias e práticas pedagógicas diferenciadas, além de propiciar a vivência do espaço escolar em suas múltiplas dimensões. Em relação à abordagem metodológica, caracterizamos a pesquisa dentro das abordagens qualitativas. Coletamos os dados através de um questionário desenvolvido por meio do google forms, respondido por 48 dos 64 bolsistas que passaram pelo programa entre os anos 2014-2017. Com a análise dos resultados, observamos a influência positiva do Pibid na formação dos professores de Ciências, seja pela antecipação do contato dos licenciandos com a escola, seja pelo desenvolvimento de estratégias pedagógicas como oficinas, monitorias e projetos. Destaca-se a importância atribuída pelos bolsistas aos recursos financeiros, tanto para subsidiar os gastos com as atividades desenvolvidas nas escolas, como pela dedicação maior para a graduação.

DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.
Publicado
2019-08-31
Como Citar
BIERHALZ, CRISNA DANIELA K.; FONSECA, ERIL MEDEIROS DA. POTENCIAL FORMATIVO DO PIBID A PARTIR DA AVALIAÇÃO DOS EGRESSOS. Revista de Iniciação à Docência, [S.l.], v. 3, n. 2, p. 5 - 21, ago. 2019. ISSN 2525-4332. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/rid/article/view/5532>. Acesso em: 18 set. 2019.