Submissões

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word, OpenOffice ou RTF.
  • URLs para as referências foram informadas quando possível.
  • O texto está em espaço simples; usa uma fonte de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.

Diretrizes para Autores

São recebidos para publicação artigos, ensaios, debates, resenhas, traduções, entrevistas, relatos de caso, etc. Os textos enviados para análise devem ser escritos em português, espanhol, inglês ou francês.

Antes de submeter o trabalho, os autores devem se cadastrar no site da Revista pelo link: https://periodicos2.uesb.br/index.php/aprender/user/register

Os trabalhos candidatos à publicação devem ser submetidos pelo link: https://periodicos2.uesb.br/index.php/aprender/about/submissions

A contribuição deve ser original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista. A Revista Aprender adota verificação em programa detector de plágio.

1. Trabalho original: Os trabalhos devem ser digitados em formato Microsoft Word for Windows, e apresentados segundo as especificações a seguir:

1.1 Quantidade de autores: Aceita-se mais de um autor com titulação de Mestre ou Doutor/a. Alunos de graduação devem assinar em coautoria com um/a mestre ou doutor/a, e o artigo deve ser enviado por este último; todos os autores devem vir com identificação.

1.2 Artigos – até 20 páginas, incluídas as referências bibliográficas;

1.3 Resenhas – de três a cinco páginas;

1.4 Entrevistas e debates – de cinco a dez páginas;

1.5 Traduções – até 20 páginas.

2. A configuração do texto deve observar as seguintes especificações:

2.1 Papel tamanho A4 (21 X 29,7)

2.2 Margens superior, inferior e laterais de 2 centímetros; o texto não deve conter cabeçalho, rodapé, e deve vir sem número de página.

2.3 Espaçamento 1,5 entre as linhas e alinhamento justificado; recuo na primeira linha do parágrafo.

3. Título do trabalho: deve vir em CAIXA ALTA, fonte Garamond, tamanho 12, em negrito, centralizado no alto da página inicial.

4. Dois espaços abaixo do título do trabalho, deve vir o nome do(s) autor(es) em fonte Garamond, tamanho 12, em itálico, alinhado à direita da página, seguido de asterisco, e, em nota de rodapé (em formato símbolo * ), deve-se indicar a maior titulação (com a área de conhecimento e a instituição na qual foi obtida), a instituição a que o(s) autor(es) se encontra(m) vinculado(s) e endereço eletrônico – e-mail; Orcid (https://orcid.org).

5. Para artigo, dois espaços abaixo da indicação do(s) autor(es), deve vir o resumo, no idioma da redação, acompanhado das palavras-chave (máximo de cinco). O título, o resumo e as palavras-chave precisam ser traduzidos para o inglês (Abstract e Keywords) ou francês (Résumé e Mots-clés). O título do abstract/Résumé deve vir em CAIXA ALTA.

6. O resumo (bem como o respectivo Abstract ou Résumé) deve ter no mínimo 40 palavras e no máximo 200 palavras e ser redigido em um só parágrafo, fonte tamanho 11, sem recuo.

7. Subtítulos devem vir em fonte Garamond, tamanho 12, em negrito, somente com as primeiras letras maiúsculas e alinhados à esquerda da página (não devem ser numerados).

8. Figuras e fotos, se houver, devem vir no corpo do texto, no local desejado pelo autor, em preto e branco (ABNT NBR 14724-2011).

9. Gráficos, se houver, devem ser apresentados no final do trabalho, em preto e branco, de maneira legível e com indicações e/ou legendas por extenso.

10. Referências bibliográficas citadas devem estar situadas ao fim do texto, antes dos gráficos, figuras e fotos, apresentadas da seguinte forma: SOBRENOME DO AUTOR (em caixa alta), Primeiro nome. Título do trabalho (em negrito ou em itálico): subtítulo, se houver. Tradutor(a), se houver e se quiser (opcional). Cidade de publicação: Editora, ano. (ABNT NBR 6023-2018).

Exemplo:

PLATÃO. A República. Trad. Carlos Alberto Nunes. Belém: EDUFPA, 2000.

A referência segue a ordem alfabética do último sobrenome do autor. No caso de várias obras do mesmo autor, segue-se a ordem cronológica crescente do ano de publicação.

Exemplo: Merleau-Ponty (1942, 1960, 1966); (Merleau-Ponty, 1942, 1960, 1966).

No caso de obra com mais de um autor, basta separar os nomes com ponto e vírgula.

Exemplo:

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. O que é a filosofia?. Trad. Bento Prado Jr e Alberto Alonso Muñoz. São Paulo: Ed.34, 1997.

No caso de publicações em periódicos, a referência deve estar organizada da seguinte forma: AUTOR. Título (do artigo) e subtítulo, se houver. Título (do periódico) em negrito ou itálico e subtítulo, se houver, Local, volume e/ou ano, fascículo ou número, paginação inicial e final do artigo, data ou intervalo de publicação.

Exemplo:

LOPARIC, Zeljko. Origem em Heidegger e Winnicot. In: Aprender – Caderno de filosofia e psicologia da educação, Vitória da Conquista, Ano VI, n.11, p.15-44, 2008.

11. Epígrafe: escrita em fonte Garamond tamanho 12 ou 11, em Itálico, entre aspas, com alinhamento justificado. O Recuo deve ser de 7,5 cm à esquerda e espaço de 1,5 entre as linhas. Autor nomeado entre parênteses, alinhado à direita.

Exemplo:

O correr da vida embrulha tudo, a vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta. O que ela quer da gente é coragem.” 

(Guimarães Rosa)

12. Citações curtas, que não ultrapassem 3 linhas, devem ser feitas no corpo do texto, entre aspas, acompanhada do sobrenome do autor em caixa alta, o ano de publicação da obra e o número da página citada, tudo entre aspas (ABNT NBR 10520).

Exemplo: Como é dito na Crítica da razão pura, “A dialética transcendental deverá pois contentar-se em descobrir a aparência de juízos transcendentes.” (KANT, 2001, p.297)

Caso o autor seja citado antes do trecho, pode-se usar o mesmo sistema autor-data (AUTOR, ano, página) antes da citação.

Exemplo: Como escreveu Kant (2001, p.297): “A dialética transcendental deverá pois contentar-se em descobrir a aparência de juízos transcendentes.”

Referências: KANT, Immanuel. Crítica da razão pura. Trad. Manuela Pinto dos Santos e Alexandre Fradique Morujão. Lisboa: Calouste Gulbenkian, 2001.

13. Citações longas, que ultrapassem 3 linhas, devem estar destacadas do corpo do texto, sem aspas, com recuo de 4 centímetros, fonte tamanho 11, espaço simples entre as linhas e espaço de 1,5 entre a citação e o texto, com alinhamento justificado (ABNT NBR 10520).

Exemplo:

A dialética transcendental deverá pois contentar-se em descobrir a aparência de juízos transcendentes, evitando ao mesmo tempo que essa aparência nos engane; mas nunca alcançará que essa aparência desapareça (como a aparência lógica) e deixe de ser aparência. Pois trata-se de uma ilusão natural e inevitável (KANT, 2001, p.297).

Referências: KANT, Immanuel. Crítica da razão pura. Trad. Manuela Pinto dos Santos e Alexandre Fradique Morujão. Lisboa: Calouste Gulbenkian, 2001.

14. No caso de citação de citação, quando um autor é citado sem que ocorra o acesso direto a sua obra, indica-se o sobrenome do autor citado, seguido do termo latino apud, seguido do sobrenome do autor da obra em que o primeiro autor é citado, com data e página.

Exemplo: Nietzsche, ao interpretar a realidade, analisa impulsos diversificados e conflitantes que reunidos formam “uma espécie de monarquia aparente” (NIETZSCHE apud ASSOUN, 1989, p. 95).

Referências: ASSOUN, P-L. Freud e Nietzsche. São Paulo: Brasiliense, 1989.

15. Caso a citação venha com grifos (itálico, negrito, caixa alta), deve-se, ao lado da página de referência, indicar que se trata de grifo do autor citado.

Ex.: [O espírito é] na forma da realidade como [na forma] de um mundo a produzir e produzido por ele, no qual a liberdade é como necessidade presente. (HEGEL, 1995, pág.29, grifos do autor).

Referências: HEGEL, Georg Wilhelm Friedrich. Enciclopédia das ciências filosóficas em compêndio III: A filosofia do espírito. São Paulo: Loyola, 1995.

15.1 Quando se quer destacar algum termo do trecho citado por opção própria, deve-se, ao lado da página de referência, indicar que se trata de grifo próprio.

Ex.: Chamamos de bem e de mal aquilo que estimula ou refreia a conservação de nosso ser (SPINOZA, 2009, p.163, grifo nosso).

Referências: SPINOZA, Benedictus de. Ética. Trad. Tomaz Tadeu. Belo Horizonte: Autêntica, 2009.

16. Notas de rodapé, podendo ser notas explicativas ou notas de referência, devem estar numeradas sequencialmente em algarismos arábicos, com o número de chamada destacado acima de um termo no corpo do texto. O texto das notas de rodapé deve estar em fonte Garamond, tamanho 10, com espaçamento simples. No caso de notas de referência, deve ser utilizado o sistema de referência autor-data.

Obs: Notas de rodapé específica para identificação/titulação e vínculo do nome do(s) autor(es) do artigo submetido, deve vir com formato em símbolo *.

Declaração de Direito Autoral

APRENDER detém os direitos autorais dos trabalhos publicados, que não poderão ser reproduzidos sem autorização expressa dos editores.

 Responsabilidade

O conteúdo expresso nos textos publicados é de responsabilidade exclusiva de seus autores.

 Permutas

Aceitam-se permutas com periódicos nacionais e estrangeiros, preferencialmente nas áreas de Educação, Filosofia e Psicologia.

Os contatos para esse fim podem ser feitos por meio dos endereços eletrônicos:

zamaraaraujost@gmail.com ; leomaiabm@gmail.com

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.

ARTIGOS

Política padrão de seção

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.