Materiais curriculares de Matemática e sua avaliação por professores na pesquisa brasileira

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/intermaths.v2i2.9725

Palavras-chave:

Currículos de Matemática, Materiais Curriculares, Avaliação de Materiais Curriculares, Relação Professor-Materiais Curriculares

Resumo

A partir do estado do conhecimento de dissertações e teses no campo da Educação Matemática, analisamos neste artigo um conjunto de 16 pesquisas que tem como tema a relação professor materiais curriculares, direcionados pelo objetivo de compreender a abordagem dada, na pesquisa brasileira, à avaliação de materiais curriculares feita por professores. O estudo aqui apresentado, recorte de uma pesquisa maior, caracteriza-se como sendo de abordagem qualitativa do tipo análise bibliográfica. Após leitura na íntegra das 16 pesquisas, procedemos ao fichamento com o intuito de perceber, selecionar e, especialmente, sistematizar as informações para amparar a análise e discussão. Como principais resultados, identificamos que a avaliação é condicionante do desenvolvimento curricular, implicada pelos recursos que professores e materiais trazem para uma relação dinâmica, tendo como seu produto as práticas de ensino e o processo de aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Fabrício Mendes Antunes, Universidade Estadual de Montes Claros, Montes Claros-MG, Brasil

Mestrando em Educação pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes). Professor da Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE-MG), na cidade de São Francisco. Minas Gerais, Brasil.

Gilberto Januario, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto-MG, Brasil

Doutor em Educação Matemática. Professor da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) Minas Gerais, Brasil.

Referências

J. T. Remillard, “Examining key concepts in research on teachers’use of Mathematics Curricula”, Review of Educational Research, vol. 75, no. 2, pp. 211 - 246, 2015.

M. W. Brown, “The Teacher-Tool Relationship: theorizing the design and use of curriculum materials”. In J. T. Remillard, B. A. Herbel-Eisenmann and G. M. Lloyd (Ed.), Mathematics Teachers at Work: connecting curriculum materials and classroom instruction. New York: Taylor & Francis, 2009, pp. 17 - 36.

G. Januario, “Marco conceitual para estudar a relação entre materiais curriculares e professores de Matemática”, Tese, Educação Matemática, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2017.

M. C. R. A. Soares, A relação professor-materiais curriculares de Matemática: análise na perspectiva dos conceitos de affordance e agência, Dissertação, Educação, Universidade Estadual de Montes Claros, Montes Claros, 2020.

J. A. Macêdo, D. P. Brandão e D. M. Nunes, “Limites e possibilidades do uso do livro didático de Matemática nos processos de ensino e de aprendizagem”, Educação Matemática Devate, vol. 3, no. 7, pp. 68 - 86, 2019.

J. C. dos Reis, “Graduações e Identidades Graduadas para Álgebras de Matrizes”, Ph.D. Disser- tation, Matemática, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2012.

P. B. Martins e S. S. Borelli, “O ensino de Estatística apresentado nos materiais curriculares dos três primeiros anos do Ensino Fundamental”, Educação Matemática Pesquisa, vol. 10, no. 4, pp. 1 - 24, 2020.

J. G. Sacristán, O currículo: uma reflexão sobre a prática. 3. ed. Tradução de Ernani Ferreira da Fonseca Rosa. Porto Alegre: Artmed, 2000.

G. Januario, K. Lima e C. M. C. Pires, “Contribuições da perspectiva cultural para currículos de Matemática”, Acta Scientiae, vol. 18, no. 3, pp. 621 - 636, 2016.

R. Collopy, “Curriculum materials as a professional development tool: how a Mathematics textbook affected two teachers' learning”, The Elementary School Journal, vol. 103, no. 3, pp. 287 - 311, 2003.

D. Fiorentini e S. A. Lorenzato, Investigações em Educação Matemática: percursos teóricos e metodológicos. Campinas: Autores Associados, 2006.

Downloads

Publicado

2021-12-28

Como Citar

Antunes, F. M., & Januario, G. (2021). Materiais curriculares de Matemática e sua avaliação por professores na pesquisa brasileira. INTERMATHS, 2(2), 256-267. https://doi.org/10.22481/intermaths.v2i2.9725

Edição

Seção

Dossiê