A TEMÁTICA INTELECTUAIS NA ESCRITA DA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO EM SERGIPE (2004-2018)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/praxisedu.v15i35.5689

Palavras-chave:

História da Educação, Intelectual, Sergipe

Resumo

Este artigo analisa implicações resultantes de significados associados ao termo intelectual em teses e dissertações defendidas entre os anos de 2004 a 2018 nos Programas de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal de Sergipe (UFS) e da Universidade Tiradentes (UNIT). Foram selecionados os trabalhos de história da educação que investigaram trajetórias, funções e produtos intelectuais, a partir de uma análise teórica do conceito de intelectual. A partir da pesquisa bibliográfica, percebeu-se que a interface entre historiografia da educação e o conceito de intelectual colocou em destaque sujeitos antes desconhecidos no campo da educação, bem como uma ressignificação das ações e funções dos intelectuais. Isso porque os interesses, as ideias, os discursos e ações na área educacional foram associados aos seus contextos de produção e recepção que, muitas das vezes, envolveram outros cenários como o político, intelectual, religioso, jornalístico e artístico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Joaquim Tavares da Conceição, Universidade Federal de Sergipe – Brasil

Doutor em História pelo Programa de Pós-Graduação da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Professor da Universidade Federal de Sergipe (UFS), atuando no Colégio de Aplicação, no Programa de Pós-Graduação em Educação e no Mestrado Profissional em Ensino de História. É líder do Grupo de Pesquisa em História da Educação: memórias, sujeitos, saberes e práticas educativas (GEPHED) e coordenador do Centro de Pesquisa Documentação e Memória do Colégio de Aplicação (CEMDAP).

Laísa Dias Santos, Universidade Federal de Sergipe – Brasil

Doutoranda em educação pela Universidade Federal de Sergipe (UFS) e Mestre em Educação pela Universidade Tiradentes (UNIT). Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em História da Educação: memórias, sujeitos, saberes e práticas educativas- GEPHED.

Downloads

Publicado

2019-10-01

Como Citar

da Conceição J. T.; SANTOS, L. D. A TEMÁTICA INTELECTUAIS NA ESCRITA DA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO EM SERGIPE (2004-2018). Práxis Educacional, [S. l.], v. 15, n. 35, p. 407-425, 2019. DOI: 10.22481/praxisedu.v15i35.5689. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/5689. Acesso em: 19 set. 2021.