Nos Processos Formativos da Cibercultura, o Encontro com as Matemáticas dos Povos Tradicionais

  • Inara Borges da Silva José Universidade do Estado da Bahia

Resumo

O presente relato nasce da participação no curso de extensão “Educação e Diversidade: dialogando com os saberes dos povos tradicionais”, realizado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ, oferecido pelo grupo interinstitucional África. O relato tem como objetivo refletir sobre o encontro com as matemáticas dos povos tradicionais, proporcionado pelo curso, e como essas matemáticas podem colaborar na formação de licenciandos (as) em matemática dentro de uma matriz étnico-racial.

DOWNLOADS

Não há dados estatísticos.
Publicado
2018-06-30
Como Citar
JOSÉ, Inara Borges da Silva. Nos Processos Formativos da Cibercultura, o Encontro com as Matemáticas dos Povos Tradicionais. ODEERE, [S.l.], v. 3, n. 5, p. 186-193, jun. 2018. ISSN 2525-4715. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/odeere/article/view/4145>. Acesso em: 23 set. 2018. doi: https://doi.org/10.22481/odeere.v3i5.4145.