Breve análise discursiva em três dicionários de fraseologia ( Brief discursive analysis in three dictionaries of phraseology)

Autores

  • Gislaine Rodrigues Matias Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - São José do Rio Preto (Unesp/Brasil)
  • Maria Cristina Parreira da Silva Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - São José do Rio Preto (Unesp/Brasil)

DOI:

https://doi.org/10.22481/el.v10i2.1191

Palavras-chave:

Análise do Discurso, Dicionário, Fraseologia, Língua Portuguesa, Metalexicografia

Resumo

No contexto atual da Metalexicografia, vários tipos de estudos vêm sendo realizados a fim de conhecer melhor a organização dos dicionários existentes e, desse modo, de constituir um conhecimento de base que apoiaria a elaboração de novas obras. No que concerne especificamente os dicionários de Fraseologia, embora já existam muitos pesquisadores que se dedicam a esse domínio, ainda há muito para se estudar, em vista de otimizar e aumentar sua produção, tanto de obras monolíngues quanto bilíngues. O objetivo deste trabalho é apresentar uma análise discursiva concisa de três dicionários fraseológicos considerando o aspecto pedagógico.
PALAVRAS-CHAVE: Análise do Discurso. Dicionário. Fraseologia. Língua Portuguesa. Metalexicografia.

ABSTRACT
In the current context of Metalexicography several types of studies have been conducted in order to better understand the organization of existing dictionaries and, thus, constitute a knowledge base that would support the development of new works. Regarding specifically the dictionaries of Phraseology, although there are many researchers who engage in this domain, there is still much to study in order to optimize and boost production as much monolingual as bilingual works. The aim of this paper is to present a brief discursive analysis of three phraseological dictionaries considering the pedagogical aspect.
KEYWORDS: Discourse Analysis. Dictionary. Phraseology. Portuguese Language. Metalexicography.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gislaine Rodrigues Matias, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - São José do Rio Preto (Unesp/Brasil)

Gislaine Rodrigues Matias é Doutoranda e Mestre em Estudos Linguísticos e Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Júlio de Mesquita Filho – Unesp/São José do Rio Preto e doutoranda em Estudos Linguísticos e Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Júlio de Mesquita Filho - Unesp/São José do Rio Preto. Atualmente é docente do Ensino Fundamental pela Prefeitura Municipal de Educação de São José do Rio Preto-SP. Entre seus temas de pesquisa, destacam-se Expressões Idiomáticas (Fraseologismos); Lexicologia; Lexicografia e Ensino da Língua Portuguesa.

Maria Cristina Parreira da Silva, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - São José do Rio Preto (Unesp/Brasil)

Maria Cristina Parreira da Silva é Doutora em Linguística e Língua Portuguesa pela UNESP. Professora assistente doutora na UNESP de São José do Rio Preto desde 2003. Pesquisadora na área de Linguística, com ênfase em Teoria e Análise Linguística, atuando principalmente em Lexicologia e Lexicografia, com foco na língua francesa, no léxico geral e especial, em expressões idiomáticas e léxico, cultura e ensino. Líder do GP GAMPLE e membro dos GPs - “Lexicologia e Lexicografia contrastiva” (UNESP) e “A fraseologia e sua equação nas subáreas da Linguística Aplicada” (UnB).

Referências

BIDERMAN, M. T. C. Teoria linguística. São Paulo: Martins Fontes, 2001.
BOUTIN-QUESNEL, R. et al. Vocabulaire systématique de la terminologie. Québec: Publications du Québec, 1985.
FONTES FILHO, A. O dito pelo não dito: dicionário de expressões idiomáticas. São Paulo: Libra Três, 2006.
NASCENTES, A. Tesouro da fraseologia brasileira. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1945.
NUNES, J. H. Análise do Dicionário. In: Discurso e instrumentos linguísticos no Brasil: dos relatos de viajantes aos primeiros dicionários. Tese de doutorado. Campinas: Unicamp, 1996, p. 15-58.
NUNES, J. H. Dicionários: História, Leitura e Produção. Revista de Letras da Universidade Católica de Brasília, volume 3, dez/2010, p. 6-21.
NUNES, J. H. Dicionários no Brasil: análise e história - do Século XVI ao XIX. Campinas, SP: Pontes Editores - São Paulo, SP: Fapesp - São José do Rio Preto,SP: Faperp, 2006.
ORLANDI, E. P. Análise de Discurso. Campinas: Pontes, 1999.
ORLANDI, E. P. Análise do Discurso. In: E. Orlandi e S. Lagazzi-Rodrigues (Org.). Introdução às Ciências da Linguagem – Discurso e Textualidade. Campinas: Pontes, 2006, p. 11-31.
ORTÍZ ALVAREZ, M. L. Expressões idiomáticas do português do Brasil e do espanhol de Cuba: estudo contrastivo e implicações para o ensino do português como língua estrangeira. 2000. 334 f. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada)–Instituto de Estudos da Linguagem, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2000.
PUGLIESI, M. Dicionário de expressões idiomáticas – locuções usuais da língua portuguesa. São Paulo: Parma, 1981.
XATARA, C. M. A tradução para o português de expressões idiomáticas em francês. 1998. 253 f. Tese (Doutorado em Letras)- Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista, Araraquara, 1998.

Downloads

Publicado

2012-12-30

Como Citar

MATIAS, G. R.; PARREIRA DA SILVA, M. C. Breve análise discursiva em três dicionários de fraseologia ( Brief discursive analysis in three dictionaries of phraseology). Estudos da Língua(gem), [S. l.], v. 10, n. 2, p. 161-180, 2012. DOI: 10.22481/el.v10i2.1191. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/1191. Acesso em: 19 set. 2021.