DIÁLOGOS TEÓRICOS E METODOLÓGICOS ENTRE O MODELO ANCO-REDES E A TEORIA DAS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS

Autores

  • Claudia Ribeiro Santos Lopes
  • Alba Benemérita Alves Vilela
  • Rita Narriman Silva de O. Boery
  • Denize Cristina de Oliveira
  • Hernane Borges de Barros Pereira

Resumo

A Teoria das Representações Sociais, apesar de consolidada, vem crescendo a sua aplicação em domínios diversos. Com isso, surgem novas estratégias de análise ampliando seu entendimento, compreensão e apreensão das representações sociais de populações distintas com especificidades em cada contextualização. Nesse sentido, surge o modelo de análise cognitiva intitulado AnCo-REDES, o qual está fundamento a partir de três teorias de base: o campo de conhecimento de Análise Cognitiva, a Teoria de Redes e Teoria das Representações Sociais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-12-01

Como Citar

Ribeiro Santos Lopes, C., Benemérita Alves Vilela, A., Narriman Silva de O. Boery, R., Cristina de Oliveira, D., & Borges de Barros Pereira, H. (2017). DIÁLOGOS TEÓRICOS E METODOLÓGICOS ENTRE O MODELO ANCO-REDES E A TEORIA DAS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS. Revista Saúde.Com, 13(4). Recuperado de https://periodicos2.uesb.br/index.php/rsc/article/view/3607

Edição

Seção

Editorial