CULTURA E SAÚDE: A EXPERIÊNCIA EM EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA NO PROJETO RONDON EM ACARI (RN)

  • Pedro Henrique Carnevalli Fernandes
  • Ruhama Ariella Sabião Batista
  • Micael Almeida de Oliveira

Resumo

A realidade social brasileira revela, cada vez mais, a necessidade das perspectivas acadêmicas e científicas se expandirem para as comunidades por meio da extensão universitária, gerando, inclusive, novos pressupostos e resultados. Diante disso, o Projeto Rondon tem se demonstrando uma ferramenta extensionista de bastante êxito. Nesse sentido, este artigo aborda a experiência em extensão universitária na Operação Forte dos Reis Magos 2016 do Projeto Rondon, no município de Acari (RN), pelas oficinas de “Cultura” e “Saúde”, que contemplaram diferentes públicos da comunidade local: alunos, capacitação docente a sociedade. Os procedimentos metodológicos foram: levantamento bibliográfico acerca da extensão universitária, da cultura e da saúde, que alicerçaram a construção do material apostilado utilizado na aplicação das oficinas e, consequentemente, este artigo; realização das oficinas de extensão, descrevendo os resultados e promovendo as reflexões sobre elas; e, por fim, a sistematização da redação deste artigo. Os principais resultados foram: quanto à saúde, a conscientização acerca do não uso das drogas, sobretudo as ilícitas; quanto à cultura, amplo debate sobre a diversidade cultural potiguar e brasileira e valorização e manutenção dos aspectos culturais locais de Acari.

Publicado
2020-07-27
Como Citar
FERNANDES, Pedro Henrique Carnevalli; BATISTA, Ruhama Ariella Sabião; OLIVEIRA, Micael Almeida de. CULTURA E SAÚDE: A EXPERIÊNCIA EM EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA NO PROJETO RONDON EM ACARI (RN). Revista Extensão & Cidadania, [S.l.], v. 8, n. 13, p. 185-200, jul. 2020. ISSN 2319-0566. Disponível em: <http://periodicos2.uesb.br/index.php/recuesb/article/view/6084>. Acesso em: 05 ago. 2020. doi: https://doi.org/10.22481/recuesb.v8i13.6084.