Um convite à escrita: a história de um (não) disléxico (An invitation for written: The history of a (no) dyslexic )

Autores

  • Fernanda Maria Pereira Freire Universidade Estadual de Campinas (Unicamp/Brasil)

DOI:

https://doi.org/10.22481/el.v6i2.1072

Palavras-chave:

Neurolingüística, Síndrome Frontal, Escrita, Dislexia

Resumo

O artigo discute dados de escrita de um homem de 27 anos (AL) que foi diagnosticado como disléxico na 7ª série do ensino fundamental – razão pela qual abandonou os estudos – e que sofreu, aos 23 anos, um traumatismo crânio-encefálico devido a um acidente automobilístico, o que ocasionou um quadro de Síndrome Frontal. O acompanhamento longitudinal, baseado nos pressupostos teórico-metodológicos da Neurolingüística Discursiva, mostra que: (1) ALnunca foi disléxico, (2) mesmo apresentando dificuldades decorrentes do quadro neurológico, ALé capaz de reconstruir a sua relação com a escrita.
PALAVRAS-CHAVE: Neurolingüística. Síndrome Frontal. Escrita. Dislexia.

ABSTRACT
The article discusses writing datas of a 27 year-old-man (AL) who was diagnosed as dyslexic on the seventh grade of junior-high school – the reason he left his studies - and suffered a traumatic brain injury, when he was 23, due to a car accident, which led a Frontal Syndrome picture. The longitudinal follow-up - based on the theoretic referential theoretical of Discursive Neurolinguistics - shows that: (1) AL was never dyslexic, (2) AL is able to rebuild his relationship with the writing ability despite his neurological disorders.
KEYWORDS: Neurolinguistic. Frontal Syndrome. Writing, Dyslexia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Maria Pereira Freire, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp/Brasil)

Fernanda Maria Pereira Freire é mestre e doutora em Linguística pelo Instituto de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas (IEL - UNICAMP). É Pesquisadora do Núcleo de Informática Aplicada à Educação da Universidade Estadual de Campinas (NIED/COCEN - UNICAMP). Desde 2006, é membro do Conselho de Coordenação do Centro de Formação Continuada de Professores do Instituto de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas (CEFIEL – UNICAMP). Desde outubro de 2008, é docente credenciada no Programa de Pós-graduação em Linguística do IEL/UNICAMP na área de Neurolinguística.

Referências

ABAURRE, Maria Bernadete Marques. Uma história individual. In: ABAURRE, Maria Bernadete Marques; FIAD, Raquel SALEK; MAYRINK- SABINSON, Maria Laura T. (Org.). Cenas de aquisição da escrita: o sujeito e o trabalho com o texto. Campinas: Mercado de Letras, 1997. p. 79-116.
BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e filosofia da linguagem. São Paulo: Hucitec, 1999. Edição Original: 1929.
CARON, Monica Filomena. Os selos da exclusão: efeitos de poder do psicodiagnóstico. 2004. [s.f]. Tese (Doutorado em Linguística). Instituto de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2004.
CHACON, Lourenço. Ritmo da escrita: uma organização do heterogêneo da linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 1998.
CORRÊA, Manoel Luiz Gonçalves. Relações intergenéricas na análise indiciária de textos escritos. Trabalho apresentado no VII CBLA – PUC (SP) 14/10/2004.
______. O modo heterogêneo de constituição da escrita. São Paulo: Martins Fontes, 2004. Original: 1997.
COUDRY, Maria Irma Hadler. Conceitos de Afasia: clássico é clássico e vice-versa. Aula apresentada à Banca Examinadora do Concurso de Livre-docência do Departamento de Linguística do Instituto de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas. 2002a.
______. Linguagem e Afasia: uma abordagem discursiva da Neurolinguística. In: Cadernos de Estudos Linguísticos. Campinas: v. 42, p. 99-129, jan/jun, 2002b.
______. Avaliação como prática discursiva. Texto apresentado na III Conferência de Pesquisa Sócio-cultural. Campinas. 2000.
______. Caminhos para o estudo discursivo da afasia. Palestra proferida na PUCSP – DERDIC. 1995.
______. Diário de Narciso: discurso e afasia. São Paulo: Martins Fontes, 1988. Edição Original: 1986.
______. Dislexia: um bem necessário. In: SEMINÁRIOS DO GEL, 14, Campinas. Anais... Campinas: GEL, 1987, p. 150-157, 1987.
COUDRY, Maria Irma Hadler; FREIRE, Fernanda Maria Pereira. Neurolinguística discursiva: teorização e prática clínica. 2005a.
______. O trabalho do cérebro e da linguagem: a vida e a sala de aula. Campinas: Cefiel/IEL/Unicamp. (Coleção Linguagem e Letramento em foco). 2005b.
______.; MAYRINK-SABINSON, Maria Laura. Probrema e dificulidade. In: ALBANO, Eleonora et al (Org.). Saudades da língua: a linguística e os 25 anos do Instituto de Estudos da Linguagem. Campinas: Mercado de Letras, 2003. p. 561-590.
______.; MORATO, Edwiges Confabulação e digressão nas afasias: as formas marginais do dizer. In: SEMINÁRIO DO GEL, 21, Jaú. Anais... Jaú: GEL, v. 1, 1992, p.644-651.
______. Aspectos Discursivos da Afasia. Cadernos de Estudos Linguísticos. Campinas, v. 19, p. 127-145, 1990.
______. A ação reguladora da interlocução e de operações epilinguísticas sobre objetos linguísticos. Cadernos de Estudos Linguísticos. Campinas, v. 15, p. 117-135, 1988.
DAMÁSIO, António. O erro de Descartes: emoção, razão e cérebro humano. Lisboa: Publicações Europa-América, 1996. Edição Original: 1994.
ECO, Umberto. A misteriosa chama da rainha Loana. Rio de Janeiro: Record, 2005.
FOUCAULT, Michel. Os anormais. São Paulo: Martins Fontes, 2001.
FRANCHI, Carlos. Linguagem – Atividade Constitutiva. Cadernos de Estudos Linguísticos. Campinas, v. 22, p. 9-39, 1992. Texto Original: 1977.
FREIRE, Fernanda Maria Pereira. Agenda Mágica: linguagem e memória. 2005. 257 p. Tese (Doutorado em Linguística) – Instituto de Estudos da Linguagem da Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2005.
GANDOLFO, Mônica. Às margens do sentido. São Paulo: Editora Plexus, 1996.
GERALDI, João Wanderley. Portos de passagem. São Paulo: Martins Fontes, 1993. Edição Original: 1991.
JAKOBSON, Roman Dois aspectos de linguagem e dois tipos de afasia. In: ______. Linguística e Comunicação. São Paulo: Cultrix, 1969. p. 34-62.
______. A afasia como problema linguístico. In: Coelho, Marta; Lemle, Miriam; Leite, Yonne. (Org.). Novas perspectivas linguísticas. Petrópolis: Vozes, 1970. p. 43-54. Edição Original: 1955.
LURIA, Alexander Romanovich. Curso de Psicologia Geral. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira. v. I, 1991.
______. Fundamentos de Neuropsicologia. São Paulo: Cultrix. 1981.
MAINGUENEAU, Dominique. Termos-chave da Análise do Discurso. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 1998.
______. Novas tendências em Análise do Discurso. Campinas: Pontes, 1989. Edição Original: 1987.
STUSS, Donald T.; BENSON, Frank. The frontal lobes and control of cognition and memory. In: PERECMAN, E. (Org.). Frontal lobe revisited. The IRBN Press: New York., 1987, p. 141-158.
TODOROV, Tzvetan; DUCROT, Oswald. Dicionário enciclopédico das ciências da linguagem. São Paulo: Perspectiva, 1977. Edição Original: 1972.
VYGOTSKY, Lev Semyonovich. Pensamento e linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 1987.
______. A formação social da mente. São Paulo: Martins Fontes, 1984.

Downloads

Publicado

2008-12-30

Como Citar

FREIRE, F. M. P. Um convite à escrita: a história de um (não) disléxico (An invitation for written: The history of a (no) dyslexic ). Estudos da Língua(gem), [S. l.], v. 6, n. 2, p. 193-227, 2008. DOI: 10.22481/el.v6i2.1072. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/estudosdalinguagem/article/view/1072. Acesso em: 17 set. 2021.