The work in solid waste recycling cooperatives: a study of Recicla Conquista

Authors

DOI:

https://doi.org/10.22481/rg.v2i1.3857

Keywords:

Waste management. Selective collect. Cooperativism.

Abstract

The urban consumer society of contemporaneity contributes greatly to the increase of the amount of waste in the cities. Most of this production is difficult to decompose. In addition, the inappropriate disposal of garbage has emerged as a problem for analysis. Therefore, the present research aimed to analyze the contribution of a local cooperative as an agent responsible for reducing the ills caused by consumerism, in addition to understanding its importance for the cooperative. From the results, it can be verified that the Recicla Conquista, despite bringing clear contributions to the environment and to the cooperative, presents failures of self-management, besides being little contemplated by public policies.

Downloads

Download data is not yet available.

Metrics

Metrics Loading ...

References

ABCIHT, Alexandre de Melo et al. O valor da marca sicredi: uma análise na cooperativa do Vale do Rio Pardo- RS. In: XV SEMEAD Seminários em administração, 2012. Disponível em: < http://sistema.semead.com.br/15semead/resultado/trabalhosPDF/871.pdf>.

ALIGLERI, Lilian; ALIGLERI, Luiz Antonio; KRUGLIANSKAS, Isak. Gestão socioambiental: responsabilidade e sustentabilidade do negócio. São Paulo: Atlas, 2009.

ABNT - Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 10004:2004 – Resíduos sólidos – classificação. Rio de Janeiro, 2004.

Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais (Abrelpe). Panorama de Resíduos Sólidos no Brasil- 2014. São Paulo: Abrelpe; 2014

DIAS, Reinaldo. Gestão ambiental: responsabilidade social e sustentabilidade. São Paulo: Atlas, 2007.

GARCIA, Marcio Barreto Santos et al. Resíduos sólidos: responsabilidade compartilhada. Semioses, Bonsucesso v. 9, n. 2, p. 77-91, 2016.

MESQUITA JÚNIOR, José Maria de. Gestão integrada de resíduos sólidos. Coordenação de Karin Segala. Rio de Janeiro: IBAM, 2007.

OLIVEIRA, Ana Paula da Costa. A participação do consumidor-gerador de resíduos e sua contribuição no instrumento da coleta seletiva prevista na política nacional de resíduos sólidos. In: Anais do Congresso de Ensino, Pesquisa e Extensão da UEG (ISSN 2447-8687). 2016.

OCB. Orientação para constituição de cooperativas conforme a nova nomenclatura do sistema OCB. 6º edição revisada e ampliada. Brasília, 1996.

PNRS- Política Nacional de Resíduos Sólidos: contexto e principais aspectos. Disponível em: < http://www.mma.gov.br/cidades-sustentaveis/residuos-solidos/politica-nacional-de-residuos-solidos/contextos-e-principais-aspectos>. Acesso em 21 de julho de 2016.

PNUD. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. No Brasil, 80 mil toneladas de resíduos sólidos são descartados de forma inadequada por dia. Disponível em: < https://nacoesunidas.org/no-brasil-80-mil-toneladas-de-residuos-solidos-sao-descartados-de-forma-inadequada-afirma-onu/ >. Acesso em: 21 de julho de 2016

STRAUCH, Manuel; ALBUQUERQUE, Paulo Peixoto de. Resíduos: como lidar com recursos naturais. Oikos, 2008.

ZANETI, Izabel Cristina Bruno Bacellar. Educação ambiental, resíduos sólidos urbanos e sustentabilidade: um estudo de caso sobre o sistema de gestão de Porto Alegre, RS. 2016. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Sustentável) Universidade de Brasília, Brasília, 2003.

Published

2018-06-02

How to Cite

SANTOS, A. M.; DANTAS, M. Z.; TEIXEIRA, S. S. The work in solid waste recycling cooperatives: a study of Recicla Conquista. Geopauta, [S. l.], v. 2, n. 1, p. 26-42, 2018. DOI: 10.22481/rg.v2i1.3857. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/geo/article/view/3857. Acesso em: 1 dec. 2021.

Issue

Section

Continuous demand articles