Reproduction and maintenance strategies of solidarity enterprises in the municipality of Salgado / SE

Authors

DOI:

https://doi.org/10.22481/rg.v3i3.5737

Keywords:

Solidarity economy. Space. Family farming.

Abstract

The principles of solidarity in small production demonstrate important perspectives for the construction of a collective and reciprocal awareness between the members and the local community. Thus, this article aims to analyze the development and the main reflexes of the Solidarity Economy for the strengthening of family farming in the city of Salgado / SE. Also highlighting the current period of economic orthodoxy (especially at the national level), marked by the reduction of public policies for productive inclusion and the extension of solidarity activities. In the face of these contradictions, the Solidarity Economy has been instrumental in guaranteeing the reproduction and maintenance strategies of small production. Therefore, it is important to idealize this solidary organization beyond public policies, aiming to highlight its relevance in the formation of a just, autonomous and less unequal society.

Downloads

Download data is not yet available.

Metrics

Metrics Loading ...

Author Biographies

Daniela Santos Feitoza, Universidade Federal de Sergipe- UFS- BRASIL

Postgraduate in progress Master in Geography - Federal University of Sergipe - UFS

José Eloízio da Costa, Universidade Federal de Sergipe - UFS - Brasil

PhD in Geography from Paulista State University - Rio Claro Campus (1999) in the Space Organization concentration area. He is Associate Professor IV of the Department of Geography and a permanent member of the Graduate Program in Geography of the Federal University of Sergipe. It guides at the three levels: undergraduate (PIBIC and PIBIT), master and doctorate. He is the leader of the Research Group on Transformations in the Rural World, accredited by CNPq and certified by the institution.

Fabiana dos Santos Pinheiro, Universidade Federal de Sergipe - UFS - Brasil

Graduated in Geography from the Federal University of Sergipe and member of the Research Group on Rural Transformations (GEPRU), where she develops research on Solidarity Economy, Cooperatives and Public Policies.

 

 

References

ABRAMOVAY, Ricardo. Funções e medidas da ruralidade no desenvolvimento contemporâneo. Rio de Janeiro: IPEA, 2000.
BRASIL. Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM). Projeto cadastro da infra-estrutura hídrica do Nordeste: diagnóstico do munícipio de Salgado/Sergipe. Brasília, 2002. Disponível em: http://www.cprm.gov.br/publique/media/hidrologia/mapas_publicacoes/cadastro_infraestrutura_sergipe/Salgado.pdf . Acesso em: 29 de mai. 2019.
BRASIL. Instituto Brasileiro de Economia (IBRE). Monitor do PIB-FGV: indicador mensal de dezembro de 2018. Brasília, 2019. Disponível em: https://portalibre.fgv.br/data/files/93/25/6E/93/F5509610E87B8B868904CBA8/Monitor%20do%20PIB-FGV%20-%20Fevereiro%20de%202019%20-%20Ref.%20de%20dezembro.pdf Acesso em: 03 de jun. 2019.
BRASIL. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Panorama Municipal: Salgado/Sergipe. Brasília, 2018. Disponível em: http://cidades.ibge.gov.br/brasil/se/salgado/panorama Acesso em: 03 de jun. 2019.
BRASIL. Instituto Humanitas Unisinos (IHU). Redução do PAA contribui para desmonte da agricultura familiar. Rio Grande do Sul, 2017. Disponível em: < http://www.ihu.unisinos.br/78-noticias/570214-reducao-no-paa-contribui-para-desmonte-da-agricultura-familiar> Acesso em: 03 de jun. 2019.
BRASIL. Portal Cirandas. Campanha Permanente Contra Agrotóxicos e pela vida. Brasília, 2011. Disponível em: http://cirandas.net/leidaecosol/campanha-permanente-contra-agrotoxicos-e-pela-vida Acesso em: 29 de mai. 2019.
BRASIL. Senado Federal. Proposta de Emenda à Constituição n° 55: PEC do teto dos gastos públicos. Brasília, 2016. Disponível em: < https://www25.senado.leg.br/web/atividade/materias/-/materia/127337> Acesso em: 29 de mai. 2019.
CORRÊA, Roberto L. Redes Geográficas: reflexões sobre um tema persistente. Revista Cidades, São Paulo. v. 9, n. 16, 2012.
CARVALHO, Diana M.; et al. Aspectos do mundo rural e do desenvolvimento territorial do Nordeste. São Cristóvão: Editora UFS, 2019.
CHESNAIS, François. A mundialização do capital. São Paulo: Xamã, 1996.
ENTREVISTA. Aplicação de questionário e entrevista semiestrutura para associadas da Mini Fábrica de Doces do povoado Tombo. Salgado/SE, 2019.
GODOY, Tatiane M. P. O espaço da Economia Solidária: a autogestão na reprodução das relações sociais e os limites da emancipação social. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Instituto de Geociências e Ciências Exatas. Rio Claro/SP, 2009.
GRISA, Cátia; SCHNEIDER, Sérgio. Três Gerações de Políticas Públicas para a Agricultura Familiar e Formas de Interação entre Sociedade e Estado no Brasil. Revista Economia e Sociologia Rural, Piracicaba-SP, vol. 52, supl. 1, 2014.
GUERRA, Alexandre; et al. Brasil 2016: Recessão e golpe. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2016.
HARVEY, David. A produção capitalista do espaço. São Paulo: Editora Annablume, 2005.
MARCONI, Marina de A.; LAKATOS, Eva M. Fundamentos de metodologia científica. 5º ed. São Paulo: Atlas, 2003.
MARX, Karl. O Capital: crítica da economia política. (livros 1 e 2). Rio de Janeiro: Editora Civilização Brasileira, 2005.
MONTEIRO, Alcides A.; MONTEZ, Mário M. Sentidos de mobilização e de desmobilização da ação coletiva. Revista Opinião Pública, Campinas, vol. 21, nº 1, abril, 2015.
OLIVEIRA, Maria A. S. Entrevista (maio de 2019): arquivos em MP3. Entrevistador: Daniela Santos Feitoza e Fabiana dos Santos Pinheiro. Salgado/SE, 2019.
ORTIGOZA, Silvia A. G. O papel do Território nos desafios da organização e consolidação das redes solidárias. I Congresso de Pesquisadores da Economia Solidária (CONPES). São Paulo: UFSCar, 2015.
SANTOS, M. A natureza do espaço: Técnica e tempo. Razão e emoção. 2ª. ed. São Paulo: Hucitec, 1997.
SCHNEIDER, Sérgio. Teoria social, agricultura familiar e pluriatividade. Revista Brasileira de Ciências Sociais, São Paulo, v. 18, n.51, p. 99-121, 2003.
SERGIPE. Governo de Sergipe. Feira da agricultura familiar chega ao município de Salgado. Sergipe, 2015. Disponível em: http://se.gov.br/noticias/inclusao-social/feira-da-agricultura-familiar-chega-ao-municipio-de-salgado Acesso em: 29 de jun. 2019.
SERGIPE. Governo de Sergipe. Jackson entrega fábrica de doces, autoriza pavimentação e inaugura clínica em Salgado. Sergipe, 2014. Disponível em: http://www.agencia.se.gov.br/noticias/governo/jackson-entrega-fabrica-de-doces-autoriza-pavimentacao-e-inaugura-clinica-em-salgado Acesso em: 09 de jun. 2019.
SINGER, Paul. Introdução à Economia Solidária. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2002.
SIQUEIRA, Edmar R. O território rural centro-sul de Sergipe. Aracaju: Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)- Tabuleiros Costeiros, 2010.
SMITH, Neil. Desenvolvimento desigual: natureza, capital e a produção do espaço. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1988.
SOUZA, Marcelo Lopes de. Os conceitos fundamentais da pesquisa socioespacial. Rio de Janeiro: Editora Bertrand, 2016.
TEIXEIRA, Elenaldo C. O papel das políticas públicas no desenvolvimento local e na transformação da realidade. Associação de Advogados de Trabalhadores Rurais no Estado da Bahia (AATR-BA), 2002.
TORRE, André. Desenvolvimento local e relações de proximidade: conceitos e questões. Revista Internacional de Desenvolvimento Local. Vol. 4, N. 7, p. 27-39, Set. 2003.
VASCONCELOS, Maria C. A. Além da geração de trabalho e renda: Economia Solidária e participação de cooperados/associados em Sergipe. Tese (Doutorado) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP). São Paulo, 2007.

Published

2019-12-09

How to Cite

FEITOZA, D. S.; COSTA, J. E. da; PINHEIRO, F. dos S. Reproduction and maintenance strategies of solidarity enterprises in the municipality of Salgado / SE. Geopauta, [S. l.], v. 3, n. 3, p. 92-112, 2019. DOI: 10.22481/rg.v3i3.5737. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/geo/article/view/5737. Acesso em: 3 dec. 2021.