Contribuições do Pibid Uesb para a formação do professor de matemática

Autores

  • Leia Barbosa Costa
  • Inês Angélica Andrade Freire
  • Maria de Cássia Passos Brandão Gonçalves

DOI:

https://doi.org/10.22481/riduesb.v7i1.10355

Palavras-chave:

Pibid, formação de professores, Professores iniciantes de matemática

Resumo

Este trabalho apresenta os resultados da pesquisa realizada com professores iniciantes de matemática, ex-bolsistas do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid), da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), campus de Jequié, que teve como objetivo compreender as ações do Pibid Uesb e suas contribuições para a formação inicial de professores de matemática, em efetivo exercício da docência, a partir das seguintes questões de pesquisa: Quais as contribuições do subprojeto de matemática Pibid Uesb para a formação de professores de matemática? Como os professores de matemática, ex-bolsistas de iniciação à docência, avaliam as oportunidades de aprendizagem no contexto do subprojeto de matemática para o exercício de sua profissão? A metodologia adotada foi de natureza qualitativa, utilizando como dispositivos de pesquisa a análise documental e a entrevista semiestruturada. O tratamento dos dados foi realizado com base na análise de conteúdos. Os resultados revelam que as ações desenvolvidas na Microrrede Ensino-Aprendizagem-Formação juntamente com o subprojeto de matemática contribuíram para a (re)significação de crenças, concepções e práticas dos professores iniciantes de matemática, ao oportunizarem a vivência no ambiente escolar, integrando ensino e pesquisa, e desenvolvendo um trabalho conjunto entre todos os integrantes do Pibid Uesb.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARDIN, Laurence. Análise de Conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2016.

BOGDAN, Robert; BIKLEN, Sari. Investigação qualitativa em educação. Tradução Maria João Alvarez, Sara Bahia dos Santos e Telmo Mourinho Baptista. Porto: Porto Editora, 1994.

BRANDÃO-GONÇALVES, Maria de Cássia Passos. Projeto Institucional Microrrede de ensino- aprendizagem-formação: ressignificando a formação inicial/continuada de estudantes de licenciatura e professores da educação básica, Pibid Uesb, 2009.

BRANDÃO-GONÇALVES, Maria de Cássia Passos; FONTENELE-GOMES, Luziêt Maria; FREIRE, Inês A. Andrade. Microrrede Ensino-Aprendizagem-Formação: por uma nova cultura institucional de formação de professores nos cursos de licenciatura da Uesb. In: BRANDÃO-GONÇALVES, Maria de Cássia Passos; FONTENELE-GOMES, Luziêt Maria (Org.). Microrrede Ensino- Aprendizagem-Formação: propostas e experimentações do Pibid UESB. Curitiba: CVR, 2016. p. 19-36.

DIAS, André Luis Mattedi; LANDO, Janice de Cássia; FREIRE, Inês A. Andrade. Formação de professores na Bahia: os cursos de Matemática e de Didática da Faculdade de Filosofia (1943-1968). In: FERREIRA, Ana Cristina; BRITO, Arlete de Jesus; MIORIM, Maria Ângela (Org.). Histórias de formação de professores que ensinaram matemática no Brasil. Campinas: Ílion, 2012. p. 115-135.

DINIZ-PEREIRA, Júlio Emílio. Formação de professores, trabalho docente e suas repercussões na escola e na sala de aula. Educação & Linguagem, São Paulo, ano 10, n. 15, p. 82-98, jan./jun. 2007.

FERREIRA, Ana Cristina. O trabalho colaborativo como ferramenta e contexto para o desenvolvimento profissional: compartilhando experiências. In: NACARATO, Adair Mendes; PAIVA, Maria Auxiliadora Vilela (Org.). A formação do professor que ensina Matemática: perspectivas e pesquisas. Belo Horizonte: Autêntica, 2006. p. 149-166.

FLORES, Maria Assunção. Formação docente e identidade profissional: tensões e (des)continuidades. Educação, Porto Alegre, v. 38, n. 1, p. 138-146, jan./abr. 2015.

FREIRE, Inês Angélica Andrade. Subprojeto de matemática Problematizando o ensino de matemática: trabalho articulado na microrrede de ensino-aprendizagem-formação Pibid UESB, campus de Jequié, 2009.

FUSARI, José Cerchi. O planejamento do trabalho pedagógico: algumas indagações e tentativas de respostas. Centro de referência em Educação, 1990. p. 44-58. Disponível em: http://www.crmariocovas.sp.gov.br/pdf/ideias_08_p044-053_c.pdf. Acesso em: 10 abr. 2021.

GATTI, Bernadete A. Questões: professores, escolas e contemporaneidade. In: ANDRÉ, Marli (Org.). Práticas inovadoras na formação de professores. Campinas: Papirus, 2016. p.35-48.

GATTI, Bernadete A. Formação de professores no Brasil: características e problemas. Educação e Sociedade, Campinas, v. 31, n. 113, p. 1355-1379, out./dez. 2010.

LUCARELLI, Elisa. Teoría y práctica en la universidad: la innovación en las aulas. Buenos Aires: Miño Dávila, 2009.

LUDKE, Menga; ANDRÉ, Marli E. D. A. Pesquisa em Educação: abordagens qualitativas (Temas básicos de educação e ensino). São Paulo: E.P.U, 1986.

MIZUKAMI, Maria Da Graça Nicoletti. Aprendizagem da docência: conhecimento específico, contextos e práticas pedagógicas. In: NACARATO, Adair. Mendes; PAIVA, Maria Auxiliadora Vilela (Org.). A formação do professor que ensina Matemática: perspectivas e pesquisas. Belo Horizonte: Autêntica, 2006. p. 213-231.

MOREIRA, Plinio Cavalcanti; DAVID, Maria Manuela M. S. A formação matemática do professor: licenciatura e prática docente escolar. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

NACARATO, Adair Mendes; GRANDO, Regina Célia; TORICELLI, Luana; TOMAZETTO, Miriam. Professores e futuros professores compartilhando aprendizagens: dimensões colaborativas em processos de formação. In: NACARATO, Adair Mendes; PAIVA, Maria Auxiliadora Vilela (Org.). A formação do professor que ensina Matemática: perspectivas e pesquisas. Belo Horizonte: Autêntica, 2006. p. 197-212.

NUNES, Cláudio. Pinto. A Microrrede de Ensino-Aprendizagem-Formação e a emergência de um conceito plural. In: BRANDÃO-GONÇALVES, Maria de Cássia Passos; FONTENELE-GOMES, Luziêt Maria (Org.). Microrrede Ensino-Aprendizagem-Formação: propostas e experimentações do Pibid Uesb. Curitiba: CVR, 2016. p. 11-18.

PAIVA, Maria Auxiliadora Vilela. O professor de Matemática e sua formação: a busca da identidade profissional. In: NACARATO, Adair Mendes; PAIVA, Maria Auxiliadora Vilela (Org.). A formação do professor que ensina Matemática: perspectivas e pesquisas. Belo Horizonte: Autêntica, 2006. p. 89-111.

PASSOS, Laurizete Ferragut. Práticas formativas em grupos colaborativos: das ações compartilhadas à construção de novas profissionalidades. In: ANDRÉ, Marli (Org.). Práticas inovadoras na formação de professores. Campinas: Papirus, 2016. p.165-188.

HARDOIM, Roberta Lopes Alfradique; CHAVES, Iduina Mont’alverne Braun. O Pibid em narrativas e a formação de professores. In: FLORES, Maria Assunção; COUTINHO, Clara (Org.). Formação e trabalho docente: tendência e desafios atuais. Santo Tirso, Portugal: De Facto, 2014. p.57-70.

PIMENTA, Selma. Garrido. Formação de Professores: saberes da docência e identidade do professor. Nuances, São Paulo, v. 3, p. 5-14, set. 1997.

RÊGO, Rogéria Gaudencio do; RÊGO, Rômulo Marinho do; VIEIRA, Kleber Mendes. Laboratório de ensino de geometria. Campinas: Autores Associados, 2012.

REIS, Sandra Regina dos; ARAÚJO, Roberta Negrão de; BATTINI, Okçana. O estágio supervisionado e a construção do conceito de planejamento. 2015. Disponível em: http://educere.bruc.com.br/arquivo/pdf2015/18739_9419.pdf. Acesso em: 10 maio 2021.

SCHON, Donald A. Educando o profissional reflexivo: um novo design para o ensino e a aprendizagem. Porto Alegre: Artmed, 2000.

SHULMAN, Lee S. Conhecimento e ensino: fundamentos para a nova reforma. Cadernos Cenpec, São Paulo, v. 4, n. 2, p. 196-229, dez. 2014.

TARDIF, Maurice. Lugar e sentido dos conhecimentos universitários na formação dos profissionais do ensino. In: GARRIDO, Susane Lopes; CUNHA, Maria Isabel; MARTINI, Jussara Gue (Org.). Os rumos da educação superior. São Leopoldo: Unisinos, 2002. p. 75-112.

ZEICHNER, Kenneth M. Repensando as conexões entre a formação na universidade e as experiências de campo na formação de professores em faculdades e universidades. Revista Educação, Santa Maria, v. 35, n. 3, p. 479-504, set./dez. 2010.

Downloads

Publicado

2022-07-10

Como Citar

Costa, L. B., Freire, I. A. A., & Gonçalves, M. de C. P. B. (2022). Contribuições do Pibid Uesb para a formação do professor de matemática. Revista De Iniciação à Docência, 7(1), 115-134. https://doi.org/10.22481/riduesb.v7i1.10355