EM BUSCA DO CONSENSO: “NOVO ENSINO MÉDIO”, INTELECTUAIS ORGÂNICOS E HEGEMONIA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/praxisedu.v15i35.5684

Palavras-chave:

Lei no 13.415, Movimento estudantil, Reforma do ensino médio

Resumo

Neste trabalho, analisamos, apoiado no conceito de hegemonia de Antonio Gramsci, as estratégias utilizadas por frações da classe dominante para obter o consentimento social sobre a reforma do ensino médio (Lei no 13.415/2017), no momento anterior à publicação da Medida Provisória no 746/2016 e no contexto do movimento de ocupações escolares. Para tanto, foi realizada pesquisa em periódicos eletrônicos tendo por propósito mapear o processo de construção da reforma, bem como levantamento das campanhas publicitárias transmitidas em rede nacional pelas principais emissoras de televisão. Foi possível mostrar que o processo de imposição da reforma passou por momentos tanto de coerção, quanto de consenso: o fomento da ideia de crise educacional, de maneira organizada pela mídia hegemônica, foi ao encontro da reforma, contribuindo para criar consenso ativo e/ou passivo das massas às mudanças impostas; enquanto a repressão estatal foi dirigida aos grupos que não consentiram, particularmente ao movimento secundarista estudantil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vinícius de Oliveira Bezerra, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - Brasil

Mestrando em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) e licenciado em História pela mesma Universidade. Membro do Grupo de Estudos e Pesquisas História, Sociedade e Educação no Brasil (HISTEDBR/Campo Grande – MS).

Silvia Helena Andrade de Brito, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - Brasil

Doutora em Educação pela Universidade de Campinas (UNICAMP) e Pós-Doutora em História da Educação pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Professora Titular da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), atuando no Curso de Ciências Sociais e Programa de Pós-Graduação em Educação da UFMS. Coordenadora do Grupo de Estudos e Pesquisas História, Sociedade e Educação no Brasil (HISTEDBR/Campo Grande – MS).

Downloads

Publicado

2019-10-01

Como Citar

BEZERRA, V. de O.; DE BRITO, S. H. A. EM BUSCA DO CONSENSO: “NOVO ENSINO MÉDIO”, INTELECTUAIS ORGÂNICOS E HEGEMONIA. Práxis Educacional, [S. l.], v. 15, n. 35, p. 310-328, 2019. DOI: 10.22481/praxisedu.v15i35.5684. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/5684. Acesso em: 19 set. 2021.