NARRATIVAS AUTOBIOGRÁFICAS: ELEMENTOS PARA EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22481/praxisedu.v16i41.6447

Palavras-chave:

Narrativas, Educação em Direitos Humanos, Educação do Campo

Resumo

Neste trabalho buscamos compreender elementos que marcaram trajetórias de licenciados em Educação do Campo no que tange a violações de direitos dos povos campesinos e, contribuir com um cenário de interesse acerca do uso de narrativas autobiográficas como instrumento formativo e de pesquisa. Para isso, no contexto de uma disciplina de Educação em Direitos Humanos de um curso de Licenciatura em Educação do Campo, narrativas autobiográficas serviram de eixo condutor para a condução do ensino e a sustentação da aprendizagem ao longo de um semestre. As produções narrativas, um total de dezessete, foram analisadas utilizando como inspiração a Análise de Conteúdo. Os dados foram categorizados em três eixos: escolarização, saúde e acesso à terra. Como resultados, emergiram à compreensão as mais significativas problemáticas acerca de violações de direitos humanos a que se veem submetidos, transversais a todas as histórias no sentido da busca por acesso à Educação, Saúde e Terra. Em todas elas, a presença constante de um sucateamento, e por conseguinte uma limitação ao acesso a esses direitos, em meio a necessidade de lutas permanentes para modificar esse cenário. Além disso, foi possível considerar que o processo de revisitar suas narrativas, com base na compreensão que alguns aspectos podem ter sido negligenciados ou ofertados de modo inadequado, se configurou como importante instrumento formativo de promoção dos Direitos Humanos. Nesse sentido, ao reconhecerem os direitos que lhes deveriam ter sido assegurados, os estudantes conseguiram identificá-los e problematizá-los em um processo de reconhecimento e empoderamento de si enquanto sujeitos de direito.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Metrics

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Camila Lima Miranda, Universidade Federal do Triângulo Mineiro–Brasil

Doutora em Ciências (modalidade: Ensino de Química) pela Universidade de São Paulo(USP). Professora Adjunta da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) no curso de Licenciatura em Educação do Campo. Também é professora e coordenadora substituta do Programa de Pós Graduação em Educação em Ciências e Matemática (PPGECM/UFTM).

Wilson Elmer Nascimento, Universidade Federal do Rio Grande do Norte - Brasil

Doutor em Ensino de Ciências e Matemática pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e Professor Adjunto do Departamento de Práticas Educacionais e Currículo do Centro de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte(UFRN).

Downloads

Publicado

2020-09-07

Como Citar

MIRANDA, C. L.; NASCIMENTO, W. E. NARRATIVAS AUTOBIOGRÁFICAS: ELEMENTOS PARA EDUCAÇÃO EM DIREITOS HUMANOS. Práxis Educacional, [S. l.], v. 16, n. 41, p. 412-430, 2020. DOI: 10.22481/praxisedu.v16i41.6447. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/6447. Acesso em: 30 nov. 2021.