Experiências formativas na escola e visões de docência de licenciandos de ciências biológicas

Autores

  • Edinaldo Medeiros Carmo
  • Sandra Escovedo Selles

Palavras-chave:

Aprendizado profissional docente, Formação inicial de professores, Saberes docentes

Resumo

O presente estudo tem como foco as experiências formativas de alunos do curso de Licenciatura em Ciências Biológicas quanto à sua inserção no espaço escolar e seu aprendizado nessa etapa de formação inicial. Tomando como base perspectivas teóricas dos saberes docentes, o artigo analisa relatórios dos licenciandos no âmbito da disciplina Prática de Ensino. A análise permite reconhecer que, se a escola é um espaço singular de formação profissional, as condições e os vários saberes mobilizados nas práticas docentes devem ser identificados, problematizados e compreendidos pelos futuros professores. Os saberes experienciais assumem papel de destaque para a maioria dos licenciandos quando constatam que a escola, como espaço formativo, proporciona vivências em situações imprevisíveis e problemáticas às suas próprias possibilidades de compreensão. Ao buscarem soluções para alguns problemas do cotidiano escolar, o diálogo com o aprendizado formativo da universidade adquire novos sentidos, permitindo aos futuros professores ampliar suas visões sobre docência e sobre o caráter produtivo da escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-04-20

Como Citar

CARMO, E. M.; SELLES, S. E. Experiências formativas na escola e visões de docência de licenciandos de ciências biológicas. Práxis Educacional, [S. l.], v. 11, n. 19, p. 231-246, 2015. Disponível em: https://periodicos2.uesb.br/index.php/praxis/article/view/829. Acesso em: 28 set. 2021.